Observação de Satélites Artificiais - Marcos Calil

6,842 views

Published on

09/10 Palestra para o IX EREA em Toledo (PR) sobre Observação de Satélites Artificiais de Marcos Calil

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
6,842
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
8
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Observação de Satélites Artificiais - Marcos Calil

  1. 1. Observação de Satélites Artificiais Marcos Calil www.climatempo.com.br > Astronomia momentoastronomico@climatempo.com.br
  2. 2. ENCONTRO REGIONAL DE ENSINO DE ASTRONOMIA SATÉLITES ARTIFICIAIS Marcos Calil Outubro 2010 Marcos Calil
  3. 3. O que irei observar? ISS - International Space Station NASA / ESA / Rússia / Japão 90.000kg 20 nov 1998 12,5m extensão -3,5 magnitude aparente máxima Custo – 60 a 90 bilhões de dólares para construção 200 bilhões para 25 anos http://www.nasa.gov/mission_pages/station/main/index.html NASA - National Aeronautics and Space Administration – E.U.A. ESA - European Space Agency – Europa Marcos Calil
  4. 4. O que irei observar? X-37B NASA / Departamento de Defesa dos Estados Unidos 4.990kg 22 abr 2010 8,9m extensão 0,5 magnitude aparente máxima Reportagem: descoberta por acaso! http://www.msfc.nasa.gov/news/x37news/index.html Marcos Calil
  5. 5. O que irei observar? Genesis I Bigelow Aerospace (particular) 1.360kg 12 jul 2006 4,4m extensão 2,0 magnitude aparente máxima http://www.bigelowaerospace.com/ Marcos Calil
  6. 6. O que irei observar? Genesis II Bigelow Aerospace (particular) 1.360kg 28 jun 2007 4,4m extensão 3,0 magnitude aparente máxima http://www.bigelowaerospace.com/ Marcos Calil
  7. 7. O que irei observar? HST - Hubble Space Telescope NASA / ESA 11.000kg 25 abr 1990 (final – 2010???) 13,1m extensão 0,5 magnitude aparente máxima Custo – 1,7 bilhões de dólares http://hubblesite.org/ NASA - National Aeronautics and Space Administration – E.U.A. ESA - European Space Agency – Europa Marcos Calil
  8. 8. O que irei observar? Envisat ESA - European Space Agency 8.211kg 01 mar 2002 26 x 10 x 5m 2,5 magnitude aparente máxima http://envisat.esa.int/ Marcos Calil
  9. 9. O que irei observar? IRIDIUM (4 a 98) E.U.A. (particular) ~689kg 05 mai 1997 a 20 jun 2002 1,88 x 0,86 x 0,04m -8,0 magnitude aparente máxima www.iridium.com Marcos Calil
  10. 10. O que irei observar? Grace Cosmos Koreasat Total de satélites enviados desde 1957 = 7000 (estimativa) 2010 – Lançados 119 satélites artificiais (26/08/2010) Marcos Calil
  11. 11. Satélites artificiais cívis em órbita Marcos Calil
  12. 12. O problema do lixo espacial... - Há cerca de 19 mil objetos maiores que 10 cm perdidos; - Os materiais entre 1 a 10 cm somariam 500 mil; - Os menores de 1 cm seriam dezenas de milhões; - Estima-se entre 100 mil a 330 milhões de objetos desde o tamanho de fragmentos milimétricos ao de bolas de tênis, até de geladeiras e enormes satélites soviéticos com dimensões de ônibus de 10 a 15 toneladas; - Caem na Terra 3 satélites por mês em média. Marcos Calil
  13. 13. O problema do lixo espacial... - Estágios superiores de foguetes; - Tanques de combustíveis; - Junções ou cintas metálicas; - Protetores de antenas; - Painéis solares; - Parafusos; - Lascas de pintura; - Escória de alumínio; - Satélites e estações espaciais desativadas; - Chave de parafuso, maleta de ferramentas... Marcos Calil
  14. 14. O problema do lixo espacial... ESA - European Space Agency Marcos Calil
  15. 15. O problema do lixo espacial... ESA - European Space Agency
  16. 16. O problema do lixo espacial...
  17. 17. Os estragos... Telescópio Hubble
  18. 18. Os estragos... Painel solar do Telescópio Hubble
  19. 19. Os estragos... Antena do Telescópio Hubble
  20. 20. A reentrada na atmosfera do lixo espacial
  21. 21. A reentrada na atmosfera do lixo espacial
  22. 22. E tudo que sobe... Desce!
  23. 23. E tudo que sobe... Desce!
  24. 24. E tudo que sobe... Desce!
  25. 25. O monitoramento EUA: SSN (United States Space Surveillance Network) e o Comando de Defesa Aérea, dezenas de radares militares e 24 telescópios pelo Mundo. http://www.au.af.mil/au/awc/awcgate/usspc-fs/space.htm
  26. 26. O que vou observar? Olho nu!
  27. 27. O que vou observar?
  28. 28. O que vou observar? Marcos Calil 19:54 (LT) 27 December 2007 ISS Praia Grande (24.0600°S, 46.5431°W) Sequência de 3 fotos Marcos Calil
  29. 29. O que vou observar? Marcos Calil
  30. 30. O que vou observar? Marcos Calil
  31. 31. O que vou observar? Marcos Calil
  32. 32. O que vou observar? Marcos Calil 19:23 (LT) 11 June 2007 Marcos Calil Cosmos 2219 Rocket São Paulo ( 23.6517°S, 46.6869°W)
  33. 33. O que vou observar? Marcos Calil 06:04 (LT) 25 October 2008 UARS Ilhas Canárias ( 28.2994°N, 16.5081°W) Marcos Calil
  34. 34. O que vou observar? Marcos Calil
  35. 35. O que vou observar? ISS e Atlantis - 2010 - Madrid Marcos Calil
  36. 36. E como observar? Marcos Calil
  37. 37. Orientações iniciais Altitude: A partir do horizonte começamos a contar como sendo zero grau e subindo até a parte mais alta do céu, temos o 90o (este valor também é chamado de zênite). Descendo da parte mais alta do céu até o outro lado do horizonte, voltamos ao ângulo zero. Marcos Calil
  38. 38. Orientações iniciais 90o 0o 0o Marcos Calil
  39. 39. Orientações iniciais Azimute: Posicionando-se em direção ao Norte estaremos começando uma contagem de 360o em torno de um ponto central. Para estes valores chamamos de azimute, onde os valores dos pontos cardeais e colaterais são: Marcos Calil
  40. 40. Orientações iniciais Pontos Graus Norte 0 Nordeste 45 Leste 90 Sudeste 135 Sul 180 Sudoeste 225 Oeste 270 Noroeste 315 Marcos Calil
  41. 41. Orientações iniciais Norte (N) 0o Noroeste (NW) Nordeste (NE) 315o 45o Oeste (W) Leste (E) 270o 90o Sudoeste (SW) Sudeste (SE) 225o 135o Sul (S) 180o Marcos Calil
  42. 42. Localização Pólo Sul Celeste; Pólo Sul Geográfico; Pólo Sul Magnético. Marcos Calil
  43. 43. Pólo sul celeste Pólo Sul 4,5x 4x Celeste 3x 2x 1x Foto: Marcos Calil Marcos Calil
  44. 44. Pólo sul geográfico Pólo Sul Celeste Foto: Marcos Calil Pólo Sul Geográfico Marcos Calil
  45. 45. Pólo sul magnético Bússola N Declinação magnética -15.90o Toledo (PR) 09 out 2010 NE NO L O SE SO Pólo Sul Magnético S Pólo Sul http://staff.on.br/~jlkm/magdec/ Geográfico Marcos Calil
  46. 46. Latitude – Longitude – Fuso horário Marcos Calil
  47. 47. Latitude – Longitude – Fuso horário Toledo, PR – Brasil Latitude = 24o 42’ 49’’S ou – 24o 42’ 49’’ 24,7136o S ou – 24,71360 Longitude = 53o 44’ 35’’ W ou – 53o 44’ 35’’ 53,7431o W ou – 53,7431o Fuso horário = – 3h Atenção com o horário de verão!!! Altura = 560m Marcos Calil
  48. 48. Heavens-above.com Search Period Start: 12:00 Saturday, 09 October, 2010 Search Period End: 02:00 Sunday, 10 October, 2010 Observer's Location: Toledo ( 24.7136°S, 53.7431°W) Local Time: Eastern Brazil Standard Time (GMT - 3:00) Limiting magnitude: 3.5 Marcos Calil
  49. 49. Algumas dicas... Ajuste seu relógio com o relógio do site; Esteja bem agasalhado; Tenha sempre a mão lanterna, bússola, relatório, caneta e relógio; Faça um cronograma para observar todos satélites; Prefira um local escuro e aberto (ex.: sem árvores); Determine os pontos cardeais antes; Prefira satélites com altitude superior a 30o; Quanto menor o brilho da Lua mais satélites serão observados. Marcos Calil
  50. 50. Heavens-above.com www.heavens-above.com Marcos Calil
  51. 51. Página inicial Marcos Calil
  52. 52. Heavens-above.com Marcos Calil
  53. 53. Heavens-above.com Toledo Marcos Calil
  54. 54. Heavens-above.com Marcos Calil
  55. 55. Página inicial Marcos Calil
  56. 56. Página inicial Marcos Calil
  57. 57. Heavens-above.com 1- Ajuste seu relógio 2- Volte para página anterior Quando horário de verão não é necessário ajustar o horário, o site já fornece no horário de verão! Marcos Calil
  58. 58. Página inicial Marcos Calil
  59. 59. Heavens-above.com Marcos Calil
  60. 60. Heavens-above.com Marcos Calil
  61. 61. Heavens-above.com Marcos Calil
  62. 62. Heavens-above.com Volte para página inicial Marcos Calil
  63. 63. Página inicial Marcos Calil
  64. 64. Heavens-above.com Marcos Calil
  65. 65. Heavens-above.com Marcos Calil
  66. 66. Heavens-above.com Marcos Calil
  67. 67. Heavens-above.com Volte para página inicial Marcos Calil
  68. 68. Página inicial Marcos Calil
  69. 69. Heavens-above.com Marcos Calil
  70. 70. n2yo.com www.n2yo.com Marcos Calil
  71. 71. n2yo.com
  72. 72. n2yo.com Marcos Calil
  73. 73. n2yo.com
  74. 74. Home Planet http://www.fourmilab.ch/homeplanet/ Marcos Calil
  75. 75. Home Planet http://www.fourmilab.ch/homeplanet/ Marcos Calil
  76. 76. Home Planet Marcos Calil
  77. 77. DESATUALIZADO 2006
  78. 78. Stellarium.org www.stellarium.org Marcos Calil
  79. 79. Stellarium.org
  80. 80. Contato Marcos Calil www.climatempo.com.br > Astronomia momentoastronomico@climatempo.com.br
  81. 81. Livros publicados (Marcos Calil) Adquira pelo link: http://bit.ly/dp2GHM Adquira pelo link: http://bit.ly/btUzvV
  82. 82. Para saber mais... http://www.inpe.br/ http://www.aeb.gov.br/indexx.php?secao=satelites Marcos Calil
  83. 83. X-37B – Descoberta por acaso! Especula-se que a X-37B é (era) uma nave militar espiã. O que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos não esperava é que um astrônomo amador conseguisse detectar sua posição no céu e, além disso, conseguir determinar sua órbita. E foi isto que aconteceu! Kevin Fetter, um astrônomo amador americano, detectava no céu satélites espaciais fora de operação, quando de forma acidental detectou por alguns segundos o veículo espacial X-37B cruzando o céu. “Eu o vi por pura sorte, porque estava apontando para área certa do céu”, disse o astrônomo ao jornal. Fonte: http://astro2009.wordpress.com/tag/nasa/ VOLTAR

×