Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Microscópio

8,718 views

Published on

  • Be the first to comment

Microscópio

  1. 1. O Microscópio Óptico Composto
  2. 2. Page  2 A História do Microscópio  Robert Hooke, estudioso inglês, foi o primeiro (em 1665) a observar células. Para tal valeu-se de um rudimentar microscópio, idealizado anos antes por um outro estudioso, Anthony Van Leeuwenhoeck.  Hooke observou cortes finos de cortiça, que se apresentavam ao microscópio com um aspecto similar a pequenos favos de mel empilhados. A cada um destes favos Hooke atribuiu a designação de cellulae (células).
  3. 3. Page  3 Cerca de dez anos mais tarde o próprio Leeuwenhoeck observou pequenos seres vivos, que designou por “protozoários”, aos quais mais tarde foi dada a designação de bactérias. A História do Microscópio
  4. 4. Page  4
  5. 5. Page  5 O MICROSCÓPIO ÓPTICO
  6. 6. Page  6 O MICROSCÓPIO ÓPTICO Serve para ampliar um objecto. Funciona com um conjunto de lentes (ocular e objectiva) que ampliam a imagem. A Iluminação é natural ou artificial. É constituído por uma parte mecânica que suporta e permite controlar uma parte óptica que amplia as imagens.
  7. 7. Page  7 MICROSCÓPIO - CONSTITUIÇÃO Ocular Canhão Revólver ObjectivasBraço Platina Fonte luminosa Diafragma Pé ou base Parafuso macromético Parafuso micromético Pinças Condensador
  8. 8. Page  8 Oculares Ampliam a imagem fornecida pelo sistema de objectivas.
  9. 9. Page  9 Canhão ou tubo Serve de suporte ao sistema ocular
  10. 10. Page  10 Braço Serve de suporte à platina e ao revólver.
  11. 11. Page  11 Revólver Serve de suporte às objectivas e permite a sua mudança.
  12. 12. Page  12 Objectivas Amplia a imagem do objecto que está a ser observado.
  13. 13. Page  13 Platina Serve de suporte à preparação a observar. Tem uma abertura na pane central (janela da platina).
  14. 14. Page  14 Condensador Distribui regularmente no campo da preparação a luz que atravessa o diafragma
  15. 15. Page  15 Diafragma Regula a intensidade da luz captada pelo espelho e que incide na preparação.
  16. 16. Page  16 Fonte de Luz
  17. 17. Page  17 Parafusos Macrométrico e Micrométrico Permite movimentos (de maior ou menor amplitude) de aproximação ou afastamento entre a preparação e as objectivas.
  18. 18. Page  18 Base ou pé Constitui a base de suporte de todos os elementos do microscópio.
  19. 19. Page  19  Transportá-lo com ambas as mãos, apoiando a base numa delas e segurando o braço com a outra.  Ao colocá-lo sobre a mesa, mantê-lo a alguma distância do bordo.  Evitar molhá-lo ao usar preparações temporárias.  As lentes são peças muito caras. Para as limpar, deve usar a flanela que normalmente acompanha o aparelho.  Após a utilização, encaixar a objectiva de menor ampliação alinhada com a ocular. Cuidados a ter com o Microscópio
  20. 20. Page  20 CARACTERÍSTICAS DA IMAGEM Antes Depois Ampliada Simétrica Invertida Virtual
  21. 21. Page  21 OBSERVAÇÕES AO M.O.C. Diatomáceas Ameba Volvox Ovo em desenvolvimento Protozoários Raiz de um cabelo

×