Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Curso            Arrancada para a               QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Breve Histórico da                    QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Breve Histórico da Qualidade        Pintura com cena medieval da atividade de agriculturaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Breve Histórico da Qualidade              Indústria têxtil na Inglaterra no século XVIIICURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Breve Histórico da Qualidade                          1ª e 2ª Guerra Mundial:                     qualidade do produto é p...
Breve Histórico da Qualidade         • Normas militares:               . MIL-Q-9858 / USA               . MIL-I-45208 / US...
Breve Histórico da Qualidade                International Organization for Standardization       • Evolução da Série ISO 9...
Breve Histórico da Qualidade                          AMBIENTE       SA 8000                                              ...
O SEBRAE-MG                     e a QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
O SEBRAE-MG e a Qualidade           1994: Programa SEBRAE da Qualidade           Total para Micro e Pequenas Empresas     ...
O SEBRAE-MG e a Qualidade             1998: 1ª. Revisão em MG do PSQT                    Rumo a ISO 9000             2000 ...
Situação atual SEBRAE - MG                      ESCOPO                 Identificação, Desenvolvimento                  e I...
Situação proposta do Escopo    Atendimento, Identificação, Desenvolvimento e   Implementação de Projetos Setoriais Coletiv...
O Modelo de Gestão          baseado em ProcessoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Processo                                           Saída               Entrada.    CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Gestão por ProcessoProcesso:•Conjunto de atividades inter-relacionadas ou interativasque transformam insumos (entradas) em...
Gestão por ProcessoComponentes dos Processos:• Entradas, geradas pelos “fornecedores”• Processos ou atividades de conversã...
MACRO PROCESSOS DO SEBRAE-MG                        P                                         D                           ...
Representação por Processo                             Procedimento             (“Maneira especificada de realizar um     ...
(P                                                              LA P                                                      ...
INTERAÇÃO DE PROCESSOS                                         A      P                                        C      D   ...
Os Requisitos da                 ISO 9001:2000 e o                 SGQ SEBRAE-MGCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Seus principais objetivos são:         • Fixar normas técnicas essenciais de âmbito         internacional;         •     E...
Normas da Série ISO 9000NBR ISO 9000               Sistemas de gestão da qualidade –                           Fundamentos...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Requisito 4    Sistema de Gestão da Qualidade 4.1. Requisitos gerais:          - Identificar processos;          - Manter ...
Requisito 4    Sistema de Gestão da Qualidade 4.2. Requisitos de documentação:          4.2.1 - Identificar processos;    ...
MACRO PROCESSOS DO SEBRAE-MG                        P                                         D                           ...
Documentação doSEBRAE-MG      Documento   Nível                                                Finalidade                 ...
Documentação A P C D                          A fronteira entre os DOCUMENTOS e os                                        ...
Documentação do SGQ SEBRAE-MG  DOCUMENTO               NÍVEL              AMOSTRA DE CONTEÚDO       MQ                    ...
Documentação do SGQ SEBRAE-MG 1º nível Manual da                            2º nível Qualidade                          IN...
Procedimentos Documentados                                      ING.01 Elaboração e Controle de1.   4.2.3 - Controle de do...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Requisito 5    Responsabilidade da Direção                  5.1       Comprometimento da direção;                  5.2    ...
Política da Qualidade        Explicita os valores ou princípios essenciais para a        organização.        É como o “don...
• Política da Qualidade           • Objetivos da Qualidade e             IndicadoresCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Realização    Política da Qualidade        MELHORAR CONTINUAMENTE AS AÇÕES DO SEBRAE-MG, POR            MEIO DE SOLUÇÕES A...
Realização    Objetivos da Qualidade      1. PROMOVER UM AMBIENTE INTERNO SAUDÁVEL, MANTENDO A         EQUIPE CAPACITADA E...
RealizaçãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Requisito 6    Gestão de recursos                  6.1       Provisão de Recursos;                  6.2       Recursos Hum...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Requisito 7    Realização do Produto          7.1       Planejamento da realização do produto          7.2       Processos...
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
Requisito 8    Medição, análise e melhoria               8.1       Generalidades;               8.2       Medição e monito...
Ciclo de vida das não -conformidades   NC documentada pelo                                                                ...
NBR ISO 9001:2000                        Requisito 8.5.2  “As ações corretivas devem ser apropriadas aos    efeitos das nã...
Tipos de não-conformidades • Não-conformidade de produto: • relacionada com problemas no bem que é   manufaturado pela emp...
Tipos de não-conformidades  • Não-conformidade de processo:  • relacionada com problemas que envolvem o    processo produt...
Tipos de não - conformidades   • Não-conformidade de sistema:   • relacionada com problemas diretamente vinculados     ao ...
Tipos de não - conformidades  • Não-conformidade de reclamação de cliente:  • relacionada com a insatisfação do cliente pe...
NBR ISO 9001:2000                           Requisito 8.5.2      “As ações corretivas devem ser apropriadas aos          e...
Abrangência de uma                        não - conformidade                           Abrangência de uma não-conformidade...
Abrangência de uma                        não - conformidade             É comum confundir a extensão da não-             ...
Ação Preventiva     As ações preventivas são ações tomadas para     reduzir a probabilidade de um problema     potencial o...
Matriz de açõesCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Sistema de Gestão da Qualidade -               ISO 9001:2000                                Melhoria Contínua do S.G.Q.   ...
O Processo de                       CertificaçãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
O Processo de Certificação no  SEBRAE-MG     AUDITORIAS INTERNAS NO SEBRAE (PREVISTAS)     ATÉ A AUDITORIA EXTERNA     - 1...
O Processo de Certificação no  SEBRAE-MG                                                         AUDITORIA                ...
Como Receber                       o AuditorCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Oração de São Murphy               “Caro santo, patrono dos auditores,                Se alguma coisa tiver dado errado,  ...
CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Próximos Passos:  • Prática no Laboratório de Informática  • Simulação de auditoriaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Apres curso arrancada para a qualidade maio 2006

1,232 views

Published on

Published in: Business
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Apres curso arrancada para a qualidade maio 2006

  1. 1. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  2. 2. Curso Arrancada para a QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  3. 3. Breve Histórico da QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  4. 4. Breve Histórico da Qualidade Pintura com cena medieval da atividade de agriculturaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  5. 5. Breve Histórico da Qualidade Indústria têxtil na Inglaterra no século XVIIICURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  6. 6. Breve Histórico da Qualidade 1ª e 2ª Guerra Mundial: qualidade do produto é prioridadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  7. 7. Breve Histórico da Qualidade • Normas militares: . MIL-Q-9858 / USA . MIL-I-45208 / USA . AQAP / OTAN . DEFENSE STANDARDS / UK • 1979: . Norma britânica BS-5750 . Comunidade Européia . Comitê Técnico ISO TC-176CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  8. 8. Breve Histórico da Qualidade International Organization for Standardization • Evolução da Série ISO 9000: 1980 1987 1990 1994 2000 2008?? Criação Emissão Tradução 1ª 2ª do da Série para o Revisão Revisão TC-176 Português da Série da SérieCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  9. 9. Breve Histórico da Qualidade AMBIENTE SA 8000 Sistema Integrado de Gestão DE OHSAS 18001 TRABALHO AA 1000 AMBIENTE ISO 14001 NATURAL E AA 1000 ARTIFICIAL PATRIMÔNIO SA 8000 E CAPITAL AA 1000 SOCIAL NBR 16001 ECONOMIA ISO 9001 E RELAÇÕES ISO 17799 DE MERCADO AA 1000CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  10. 10. O SEBRAE-MG e a QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  11. 11. O SEBRAE-MG e a Qualidade 1994: Programa SEBRAE da Qualidade Total para Micro e Pequenas Empresas 1995: ISSO É 9000 1997: 1ª. Revisão nacional do PSQTCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  12. 12. O SEBRAE-MG e a Qualidade 1998: 1ª. Revisão em MG do PSQT Rumo a ISO 9000 2000 : Construquali 2001: Curso SEBRAE - Gestão da Qualidade 2004: Certificação NBR ISO 9001:2000 do SEBRAE-MGCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  13. 13. Situação atual SEBRAE - MG ESCOPO Identificação, Desenvolvimento e Implementação de Soluções de Educação EmpreendedoraCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  14. 14. Situação proposta do Escopo Atendimento, Identificação, Desenvolvimento e Implementação de Projetos Setoriais Coletivos, conforme Metodologia GEOR e de Soluções de Educação Empreendedora e Gestão Empresarial na Matriz de Soluções EducacionaisCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  15. 15. O Modelo de Gestão baseado em ProcessoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  16. 16. Processo Saída Entrada. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  17. 17. Gestão por ProcessoProcesso:•Conjunto de atividades inter-relacionadas ou interativasque transformam insumos (entradas) em produtos (saídas). ENTRADA SAÍDA ATIVIDADES = SATISFAÇÃO DE CLIENTESCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  18. 18. Gestão por ProcessoComponentes dos Processos:• Entradas, geradas pelos “fornecedores”• Processos ou atividades de conversão ou geração devalor agregado• Saídas, entregues aos “clientes” ENTRADA SAÍDA ATIVIDADES = SATISFAÇÃO DE CLIENTESCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  19. 19. MACRO PROCESSOS DO SEBRAE-MG P D C A IDENTIFICAÇÃO PLANEJAMEN DA TO DE PROJETO NECESSIDADE FINALÍSTICO FINANÇAS PESQUISA DE DO CLIENTE COLETIVO - GEOR SATISFAÇÃO DO CC CLIENTE P D C A LL MEDIÇÃO E DESENVOLV. REALIZAÇ MONITORAMEN ANÁLISE -AÇÃO I I DE SUPRIMEN- TO DO DE DADOS PLANEJAMEN LOGÍSTI ÃO DA CORRETIVA SOLUÇÕES TOS PRODUTO E TO DA AÇÃO CA AÇÃO PROCESSO -AÇÃO EE EDUCACION. PREVENTIVA -MELHORIA NN CONTINUA TT CREDENCIAMENT O DE AUDITORIAS EE CONSULTORES / INSTRUTORES PROCESSOS DE APOIOCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  20. 20. Representação por Processo Procedimento (“Maneira especificada de realizar um processo” – pode ou não ser Eficácia do processo: documentado) Capacidade de atingir os resultados desejados. Foco da ISO 9001:2000 Entrada Processo Saída (“Conjunto de atividades Produto(Inclui recursos) Inter-relacionadas e interativas”) (Resultado de um Processo) Oportunidades de medição e Eficiência do Processo: Resultados obtidos vs. Monitoramento recursos usados. Foco (Antes, durante e depois do processo) da ISO 9004:2000 CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  21. 21. (P LA P NECICLO DO JA (A A R) R) GI DEFINIRPDCA AS METAS DEFINIR AÇÃO CORRETIVA OS MÉTODOS AÇÃO PREVENTIVA QUE PERMITIRÃO MELHORIA CONTÍNUA ATINGIR AS METAS PROPOSTAS EDUCAR E TREINAR RESULTADOS X ) EXECUTAR ER (C METAS A TAREFA HE LV (COLETAR CA D O DADOS) NV C R ) SE E (DCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  22. 22. INTERAÇÃO DE PROCESSOS A P C D Saída E Processo E A P Entrada A Saída A Processo A C D C C L Saída D L A P Processo D I I Processo C E C D E N P N A T P T Entrada B A E C D E Processo B C D Saída B E E X P X A T T E C D Saída F E Entrada F R R N Processo F Feedback N O Cliente Cliente O Interno Externo A P C DCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  23. 23. Os Requisitos da ISO 9001:2000 e o SGQ SEBRAE-MGCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  24. 24. Seus principais objetivos são: • Fixar normas técnicas essenciais de âmbito internacional; • Estabelecer normas técnicas que representem e traduzam o consenso dos países membros.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  25. 25. Normas da Série ISO 9000NBR ISO 9000 Sistemas de gestão da qualidade – Fundamentos e vocabulárioNBR ISO 9001 Sistemas de gestão da qualidade – RequisitosNBR ISO 9004 Sistemas de gestão da qualidade – Diretrizes para melhorias de desempenhoNBR ISO 19011 Diretrizes para auditorias de sistema de gestão da qualidade e/ou ambientalCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  26. 26. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Resp. da Direção Clientes Sistema de Medição, Gestão de Gestão da Requisitos Análise e Satisfação Recursos Qualidade Melhoria Entradas Saídas Realização do ProdutoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  27. 27. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  28. 28. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  29. 29. Requisito 4 Sistema de Gestão da Qualidade 4.1. Requisitos gerais: - Identificar processos; - Manter processos sob controle; - Monitorar o desempenho; - “Terceirização” não exime o SEBRAE de responsabilidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  30. 30. Requisito 4 Sistema de Gestão da Qualidade 4.2. Requisitos de documentação: 4.2.1 - Identificar processos; 4.2.2 - Manter processos sob controle; 4.2.3 - Controle de Documentos; 4.2.4 - Controle de Registros.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  31. 31. MACRO PROCESSOS DO SEBRAE-MG P D C A IDENTIFICAÇÃO PLANEJAMEN DA TO DE PROJETO NECESSIDADE FINALÍSTICO FINANÇAS PESQUISA DE DO CLIENTE COLETIVO - GEOR SATISFAÇÃO DO CC CLIENTE P D C A LL MEDIÇÃO E DESENVOLV. REALIZAÇ MONITORAMEN ANÁLISE -AÇÃO I I DE SUPRIMEN- TO DO DE DADOS PLANEJAMEN LOGÍSTI ÃO DA CORRETIVA SOLUÇÕES TOS PRODUTO E TO DA AÇÃO CA AÇÃO PROCESSO -AÇÃO EE EDUCACION. PREVENTIVA -MELHORIA NN CONTINUA TT CREDENCIAMENT O DE AUDITORIAS EE CONSULTORES / INSTRUTORES PROCESSOS DE APOIOCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  32. 32. Documentação doSEBRAE-MG Documento Nível Finalidade MQ Manual da Definir o quEstratégico Qualidade Sebrae Minas ING Explicitar comoTática Instruções Normativas Sebrae Gerenciais DD - Dado da Qualidade / Detalhar comoOperacional IT - Instruções de Trabalho Sebrae ComprovarComprovação Registros - RG que é feCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  33. 33. Documentação A P C D A fronteira entre os DOCUMENTOS e os REGISTROS é a AÇÃO.Os Documentos estabelecem como determinadas açõessão realizadas.Os Documentos que registram como as ações foramrealizadas são REGISTROS. Documentos Ações Registros Auditoria - RealimentaçãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  34. 34. Documentação do SGQ SEBRAE-MG DOCUMENTO NÍVEL AMOSTRA DE CONTEÚDO MQ O SEBRAE-MG estabeleceu sistemática apropriada para prover ações de capacitação. Manual da 1º nível Esta sistemática está detalhada por meio da Qualidade ING.04 - Recursos Humanos ING.04 - Instrução A capacitação pode ser adquirida por meio de estudo de um curso regular. O Fluxo do Processo deNormativa Gerencial 2º nível Concessão de Bolsa de Estudos está definidoRecursos Humanos no DD 029 Preencher o formulário RG.061 – Solicitação de DD 029 3º nível Bolsa de Estudo e enviar ao Gestor da Área paraDado da Qualidade Análise e Aprovação •Tipo de Curso; RG - Registro 4º nível •Início do Curso; 061 •Valor da mensalidade.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  35. 35. Documentação do SGQ SEBRAE-MG 1º nível Manual da 2º nível Qualidade ING.04 3º nível DD 029 4º nível RG.061CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  36. 36. Procedimentos Documentados ING.01 Elaboração e Controle de1. 4.2.3 - Controle de documentos Documentos2. 4.2.4 - Controle de registros ING.02 Controle de Registros3. 8.2.2 - Auditorias internas ING.03 Análise Crítica pela Direção4. 8.3 - Controle de produto não- ING.04 Recursos Humanos conforme ING.05 Auditoria Interna do SGQ5. 8.5.2 - Ações corretivas ING.06 Manutenção Preventiva6. 8.5.3 - Ações preventivas ING.07 Melhorias e Controle de Produto Não-Conforme REQUERIDOS PELA ISO 9001 REQUERIDOS PELO SEBRAE CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  37. 37. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  38. 38. Requisito 5 Responsabilidade da Direção 5.1 Comprometimento da direção; 5.2 Foco no cliente; 5.3 Política da qualidade; 5.4 Planejamento; 5.5 Responsabilidade, autoridade e comunicação; 5.6 Análise crítica pela direção.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  39. 39. Política da Qualidade Explicita os valores ou princípios essenciais para a organização. É como o “dono do negócio” pensa. Princípios (crenças e valores): - Satisfação do cliente - Respeito à legalização e ao meio ambiente - Ética profissional - Trabalho em equipe, etc. Objetivos da Qualidade Devem ser coerentes com os princípios da Política da QualidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  40. 40. • Política da Qualidade • Objetivos da Qualidade e IndicadoresCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  41. 41. Realização Política da Qualidade MELHORAR CONTINUAMENTE AS AÇÕES DO SEBRAE-MG, POR MEIO DE SOLUÇÕES ADEQUADAS E INOVADORAS, PROMOVENDO A SUSTENTABILIDADE E A COMPETITIVIDADE DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS MINEIRAS.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  42. 42. Realização Objetivos da Qualidade 1. PROMOVER UM AMBIENTE INTERNO SAUDÁVEL, MANTENDO A EQUIPE CAPACITADA E COMPROMETIDA COM OS RESULTADOS. 3. ACOMPANHAR E COMPREENDER AS NECESSIDADES DAS MPEs MINEIRAS PARA A PROPOSIÇÃO DE SOLUÇÕES ADEQUADAS E INOVADORAS. 5. FORTALECER A REDE DE PARCERIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE SOLUÇÕES. 7. ATUAR COM COMPETÊNCIA, TENDO O SEU VALOR RECONHECIDO PELA SOCIEDADE.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  43. 43. RealizaçãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  44. 44. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  45. 45. Requisito 6 Gestão de recursos 6.1 Provisão de Recursos; 6.2 Recursos Humanos; 6.3 Infra-estrutura; 6.4 Ambiente de trabalho.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  46. 46. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  47. 47. Requisito 7 Realização do Produto 7.1 Planejamento da realização do produto 7.2 Processos relacionados a clientes 7.3 Projeto e desenvolvimento 7.4 Aquisição 7.5 Produção e fornecimento de serviço 7.6 Controle de dispositivos de medição e monitoramentoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  48. 48. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  49. 49. Requisito 8 Medição, análise e melhoria 8.1 Generalidades; 8.2 Medição e monitoramento; 8.3 Controle de produto não-conforme; 8.4 Análise de dados; 8.5 Melhorias 8.5.1 Melhoria Contínua 8.5.2 Ação Corretiva 8.5.3 Ação PreventivaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  50. 50. Ciclo de vida das não -conformidades NC documentada pelo NC aceita pelo auditor auditor Investigar CAUSA RAIZ Avisar ao auditor Aceitar / Rejeitar OK? Decidir ação corretiva Auditor analisa a eficácia da Implementar a ação AC corretiva Av is ar ao Verificar / auditar a OK? Não au ação corretiva di to r Sim Encerrar Sim OK? NãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  51. 51. NBR ISO 9001:2000 Requisito 8.5.2 “As ações corretivas devem ser apropriadas aos efeitos das não-conformidades encontradas.”CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  52. 52. Tipos de não-conformidades • Não-conformidade de produto: • relacionada com problemas no bem que é manufaturado pela empresa, ou a um serviço prestado, o qual mui- tas vezes requer sua documentação por meio de relatório de produto não conforme (de acordo com o requisito 8.3 da norma ISO 9001:2000). • Por exemplo: chapa EZ-45 do lote 934 reprovada na inspeção final, produto Z4 do lote 45 com dimensional fora do especificado etc.;CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  53. 53. Tipos de não-conformidades • Não-conformidade de processo: • relacionada com problemas que envolvem o processo produtivo necessário para manufaturar um bem ou para prestar um serviço. • Por exemplo: cozimento de arroz, em um restaurante, processado fora da temperatura especificada, batelada (lote), etc.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  54. 54. Tipos de não - conformidades • Não-conformidade de sistema: • relacionada com problemas diretamente vinculados ao sistema da qualidade implementado na empresa, em qual- quer de seus requisitos. • Por exemplo: proposta de venda sem evidência de análise crítica de contrato, documento não disponível no local de trabalho etc;CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  55. 55. Tipos de não - conformidades • Não-conformidade de reclamação de cliente: • relacionada com a insatisfação do cliente perante a não-observância de alguma especificação contratual acordada. • Por exemplo: pedidos entregues na quantidade errada, pedidos entregues com produtos de má qualidade (fora da especificação) etc.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  56. 56. NBR ISO 9001:2000 Requisito 8.5.2 “As ações corretivas devem ser apropriadas aos efeitos das não-conformidades encontradas."CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  57. 57. Abrangência de uma não - conformidade Abrangência de uma não-conformidade Não-conformidadeCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  58. 58. Abrangência de uma não - conformidade É comum confundir a extensão da não- conformidade com ação preventivaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  59. 59. Ação Preventiva As ações preventivas são ações tomadas para reduzir a probabilidade de um problema potencial ocorrer. São baseadas no entendimento das condições subjacentes ou causas potenciais que podem levar à situação-problema. Se eliminarmos as possíveis causas, diminuem as chances de um problema vir a acontecer.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  60. 60. Matriz de açõesCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  61. 61. Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2000 Melhoria Contínua do S.G.Q. Clientes Requisito 5 Clientes Requisito Requisito Satisfação Requisitos Requisito 4 6 8 Entradas Saídas Requisito 7CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  62. 62. O Processo de CertificaçãoCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  63. 63. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  64. 64. O Processo de Certificação no SEBRAE-MG AUDITORIAS INTERNAS NO SEBRAE (PREVISTAS) ATÉ A AUDITORIA EXTERNA - 16/05 a 09/06 - 1ª Auditoria Interna - 23/06 a 14/07 - 2ª Auditoria Interna - Primeira semana de agosto - Auditora Externa AUDITORIAS 1) NORMA X DOCUMENTO ADEQUAÇÃO 2) DOCUMENTO X PRÁTICA CONFORMIDADECURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  65. 65. O Processo de Certificação no SEBRAE-MG AUDITORIA O C AD INICIAL I R TIF CE PRÉ AUDITORIA EXAME DA AUDITORIAS DOCUMENTAÇÃO DE MANUTENÇÃO SELEÇÃO DO ORGANISMO CERTIFICADOR CREDENCIADOCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  66. 66. Como Receber o AuditorCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  67. 67. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  68. 68. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  69. 69. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  70. 70. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  71. 71. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  72. 72. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  73. 73. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  74. 74. Oração de São Murphy “Caro santo, patrono dos auditores, Se alguma coisa tiver dado errado, Ainda que tenha sido só por uma vez, Faça com que eu encontre, Mas conceda-me a graça de não sorrir”.CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  75. 75. CURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE
  76. 76. Próximos Passos: • Prática no Laboratório de Informática • Simulação de auditoriaCURSO ARRANCADA PARA A QUALIDADE

×