Mídias Digitais

5,143 views

Published on

Apresentação sobre o contexto das mídias digitais feita na Jornada da Comunicação da Universidade Estácio de Sá

Published in: Technology

Mídias Digitais

  1. 2. O novo cenário da comunicação
  2. 5. As mídias digitais
  3. 7. Evolução da Tecnologia <ul><li>A Minolta e a Kodak desde 2006 não produzem mais máquinas com filme fotográfico; </li></ul><ul><li>A Capacidade de processamento e armazenamento vem aumentando na razão inversa dos preços, que vem caindo. O Custo para armazenar 1 GB há 10 anos era de US$ 1 Milhão, e hoje 1 TB custa US$ 700,00. A lei de Moore foi ultrapassada. A lei previa que todo ano os processadores dobrariam a capacidade de processamento e os preços caíriam a metade; </li></ul><ul><li>Atualmente, se a indústria automobilística tivesse seguido na mesma razão de preços que a indústria da tecnologia, um automóvel seria comprado por US$ 5,00; </li></ul><ul><li>Além disso, a capacidade de comunicação sem fio, está cada vez mais desenvolvida. Nos EUA e no Brasil já existem cidades totalmente WI-FI. A tecnologia de Ultra Band WI-FI já está sendo testada. </li></ul>
  4. 8. Evolução da Mídia <ul><li>A Virgin Mobile Inc., da Inglaterra, já oferece o primeiro pacote combinado de mídia e acesso. Todos os usuários da Virgin pré-pagos, que se predisponham a assistir uma mensagem publicitária (filmes) em seu celular, ganham imediatamente o dobro do tempo da mensagem em créditos para serem utilizados. </li></ul><ul><li>Atualmente a plataforma de distribuição de conteúdo é amplamente incentivada pela indústria da tecnologia – Câmeras digitais e Camcorders mais acessíveis, aumento da capacidade de armazenamento, possibilidade de transmissão imediata, etc. </li></ul>
  5. 9. Evolução do Consumidor <ul><li>'Por q os jovens nao compram e nem sequer lêem jornais' | Doria </li></ul><ul><li>09:00 &quot;Os jovens de 21 anos hoje nasceram em 1985. A internet fez dois anos em janeiro daquele ano e a Nintendo lançou o Super Mario Brothers, primeiro game blockbuster. Quando estavam na escola primária, em 1990, Tim Berners-Lee estava inventando a world wide web. A primeira mensagem SMS foi enviada em 1992, quando esta turma tinha 7 anos. Amazon e eBay nasceram em 1995 (tambem o Blue Bus). Hotmail saiu em 1998, quando eles estavam caminhando para o secundário (.....)&quot;. Traduzida por Pedro Doria, a fala de John Naughton, jornalista e autor de 'A brief history of the future - Uma breve história do futuro'. Fez uma palestra em conferência de editores de jornais na Inglaterra. &quot;Tentava, diletantemente, explicar por que jovens nao compram e sequer lêem jornais. E por que nao os lerao&quot; - narra Doria, materia completa aqui . 16/11 Julio Hungria Ainda John Naughton - 'Estes sao o futuro, meus amigos. Estao aqui e vivem entre nós. Nao estao lá muito interessados em nós e nao creio que dê para culpá-los. Minha esperança é que um dia nos permitam ao menos sermos seus animaizinhos de estimaçao&quot;. </li></ul>
  6. 10. Evolução do Consumidor <ul><li>A internet vai superar a TV como principal fonte de informação em 5 anos 10:05 </li></ul><ul><li>A TV é atualmente a principal fonte para o consumo de informaçao, mas deve ser superada em 5 anos pela internet, diz uma pesquisa realizada pela Harris Interactive e pelo Innovation International Media Consulting Group em 7 países - EUA, Inglaterra, França, Italia, Espanha, Alemanha e Australia. Segundo o estudo, a web vai crescer em importância principalmente em detrimento da TV, mas também vai provocar perda de relevância para os jornais. 11/06 Blue Bus </li></ul>
  7. 11. CONVERGÊNCIA E ACESSIBILIDADE
  8. 13. Distribuição X produção
  9. 14. Distribuição de conteúdo <ul><li>Atualmente, os hábitos de consumo de conteúdo estão ligados as produtoras de conteúdo tradicionais. Afinal quem produz é quem efetivamente distribui. Ou seja, o Jornal é feito e entregue na sua casa, A revista é feita é entregue na sua casa, a TV e o rádio você liga e estão prontos para serem assistidos. Seria como afirmar que você só pode comprar OMO direto da UNILEVER e a UNILEVER entrega o OMO na sua casa. </li></ul><ul><li>A padronização do sinal digital, que no Brasil será definido em agosto, muda a regra do Jogo. Afinal, você quer acessar o conteúdo da maneira que for mais conveniente para você. Para isso, necessariamente você precisa da distribuição e acesso, e a infra-estrutura para essa distribuição pertence às empresas de telecomunicações. São as redes de fibra-ótica, os cabos de telefonia e os sinais de “mobile”. Ou seja, o OMO, precisa estar no CARREFOUR, porque é lá que você quer comprar. </li></ul>
  10. 15. Distribuição de conteúdo <ul><li>Nos Estados Unidos, o jogo já está em andamento: </li></ul><ul><ul><li>“ Almost 80% of 16- to 18-year-olds are unable to name the big 4 broadcasters , according to a Bolt Media poll. Of the total audience, ranging from age 16 to 34, 33% correctly named NBC, ABC, CBS and Fox. CNNMoney.com | 5.16.06” </li></ul></ul><ul><ul><li>TiVo Brings Web Video to TV Screens TiVoCast Service Features Content From 'New York Times,' NBA “Television is still the preferred platform for watching video,&quot; said TiVo VP Tara Maitra. &quot;The TiVoCast service captures mainstream and specialty-based content on the Web, delivering programming that is not otherwise available through the TV today.&quot; By Gavin O'Malley P ublished: June 07, 2006 NEW YORK (AdAge.com) </li></ul></ul><ul><ul><li>iPod é mais popular q a cerveja entre os estudantes dos EUA 12:01 </li></ul></ul><ul><ul><li>O iPod ultrapassou a cerveja como item mais popular na opiniao de estudantes universitários americanos. A informaçao é de pesquisa da Student Monitor, que a cada 2 anos apura tendências entre os jovens das universidades dos EUA. O iPod recebeu 73% dos votos, à frente de beber cerveja e usar o site Facebook.com, rede de relacionamento social, ambos em 2o com 71%. É a 2a vez que a cerveja perde o lugar de lider da lista do que é 'in' nas universidades - a 1a foi em 1987. A bebida foi superada pela internet. Noticia da AP. 09/06 BBI </li></ul></ul>
  11. 16. Distribuição de conteúdo <ul><li>Nos Estados Unidos, o jogo já está em andamento: </li></ul><ul><ul><li>NBC faz acordo com YouTube por programas na web 15:30 A rede NBC fechou um acordo com o YouTube e terá um canal com sua marca dentro do site de compartilhamento de videos. Vai promover seus programas, incluindo o 'Saturday Night Live'. A parceria é uma guinada no relacionamento das duas empresas - há 6 meses, a NBC tinha obrigado o YouTube a remover uma sátira ao 'Saturday Night Live' que tinha sido colocada no ar por um usuario. Noticia do Media Post. 28/06 BBI TiVo Brings Web </li></ul></ul>
  12. 17. Distribuição de conteúdo <ul><li>E no Brasil, os times já estão treinando: </li></ul><ul><ul><li>A marca mais jovem da Telemar – a Oi, começa a assumir a produção de conteúdo: Revista Oi, Oi FM, Oi Rolé, Oi Noites Cariocas, Oi Internet. </li></ul></ul><ul><ul><li>A telefônica investe pesado no posionamento de Terra e a Brasil Telecom comprou o IG – entre outros movimentos. </li></ul></ul><ul><ul><li>As organizações GLOBO começam a investir mais forte na GLOBO.COM. </li></ul></ul>
  13. 20. Conteúdo proprietário
  14. 21. Orkut – O maior banco de dados psicográficos, preenchidos pelos próprios “consumidores”. Maior rede de relacionamentos do mundo. Amazon – A maior LOJA de vendas on-line do mundo. Vários tipos de produtos e um sistema de logística impecável. You Tube – O maior banco de dados e de troca de vídeos da internet. A democratização do vídeo. Todo mundo pode produzir e carregar seu próprio vídeo e compartilhá-lo com o mundo inteiro. Google – A maior e melhor ferramenta de busca de qualquer conteúdo que esteja disponibilizado na rede.
  15. 22. MSN – Além de ser o maior serviço de comunicação de texto da internet, ainda se tranformou em um portal de conteúdo. Ohmynews – Um jornal internacional, feito por mais de 300.000 correspondentes e nenhum deles é jornalista profissional.
  16. 23. Fotolog – Um banco de dados de imagens gerados por centenas de milhares de pessoas no mundo inteiro. Blogs – Um publicador de conteúdo pessoal. Hoje, qualquer pessoa com acesso a WEB é um provedor de conteúdo.
  17. 24. Informação e entretenimento
  18. 25. Informação Entretenimento Notícias; Inf’s técnicas / Preços; Programação / Horários; Artigos/Matérias/Estudos Localização; Etc. Filmes; Shows; Games Livros; Realities; Música; Etc.
  19. 26. O jornalismo colaborativista é uma das formas mais modernas de se reportar um fato. Qualquer pessoa hoje é uma possível repórter, desde que ela esteja narrando um fato que outras pessoas não puderam viver naquele instante Produzir conteúdo de entretenimento ou informação que gere curiosidade ou interesse do público-alvo e da mídia em geral é uma das formas mais poderosas de manter a audiência presa à sua marca.
  20. 27. A distribuição de conteúdo em vários formatos já é uma realidade no mundo de hoje. Atualmente novelas já são criadas para o formato de celulares no Japão e na Coréia. Podcasts viraram uma febre nos EUA A publicação de conteúdos próprios não só já é uma realidade como é incentivada pela indústria de telecomunicações e da tecnologia. O interesse de conteúdos pessoais pelo público em geral é crescente. A vida como ela é – conceito dos reality shows.
  21. 28. Comunicação Eficiente
  22. 29. criação e desenvolvimento de entretenimento e informação relacionado às empresas clientes.
  23. 30. Análise de tendências comportamentais. Busca de drivers que interferem diretamente na atitude do consumidor.
  24. 31. Investigação da distribuição e do acesso de conteúdos proprietários, independente da forma, do meio ou da tecnologia empregados.
  25. 32. O interesse é que dita o jogo. Os canais agora são parte de um diálogo entre a empresa anunciante e o público.
  26. 33. criação e desenvolvimento de entretenimento e informação relacionado às empresas clientes. Foco na idéia estratégica. Investigação da distribuição e do acesso de conteúdos proprietários, independente da forma, do meio ou da tecnologia empregados. Foco na distribuição. Análise de tendências comportamentais. Busca de drivers que interferem diretamente na atitude do consumidor. Foco no comportamento. O interesse é que dita o jogo. Os canais agora são parte de um diálogo entre a empresa anunciante e o público. Foco na produção. +

×