Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
ENGENHARIA DE SOFTWARE:  norma ISO 15504<br />
Objetivo<br />Apresentar uma visão geral da normas ISO 15504.<br />
Normas ISO<br /><ul><li> A sigla "ISO" refere-se à InternationalOrganization for Standardization
 Organização não-governamental fundada em 1947, em Genebra
 Presente em cerca de 140 países.
 A sua função é a de promover a normatização de produtos e serviços.</li></li></ul><li>ISO/IEC 15504<br />
Norma ISO/IEC 15504<br />A norma apresenta uma metodologia genérica para realização de avaliação de processos em organizaç...
História<br />A Norma ISO/IEC 15504 surgiu a partir da do projeto SPICE, originado em 1993, a partir da necessidade de uma...
 obter práticas, experiências e dados em campo
 desperta o interesse do mercado</li></li></ul><li>História<br />O Projeto SPICE se tornou a norma ISO/IEC 15504 em março ...
 foi estruturada em cincos partes
 é genérica.</li></li></ul><li>Estrutura da ISO 15504<br />
Aplicação<br />
Esquema<br />
Dimensão de processo<br />A dimensão de processo se limita a verificação da execução dos processo.<br /><ul><li> Modelo de...
 Divisão dos processos nas categorias:
 Consumidor e Fornecedor
 Engenharia
 Suporte
 Administração
 Organização
Definição dos resultados, BP,WP</li></li></ul><li>Modelo de Referência<br />
Descrição dos processos<br />Cada processo é descrito com os seguintes elementos: <br /><ul><li>Identificação (processiden...
Nome (processname)
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

ISO 15504

17,652 views

Published on

Visão geral da norma ISO 15504

Published in: Technology
  • Be the first to comment

ISO 15504

  1. 1. ENGENHARIA DE SOFTWARE: norma ISO 15504<br />
  2. 2. Objetivo<br />Apresentar uma visão geral da normas ISO 15504.<br />
  3. 3. Normas ISO<br /><ul><li> A sigla "ISO" refere-se à InternationalOrganization for Standardization
  4. 4. Organização não-governamental fundada em 1947, em Genebra
  5. 5. Presente em cerca de 140 países.
  6. 6. A sua função é a de promover a normatização de produtos e serviços.</li></li></ul><li>ISO/IEC 15504<br />
  7. 7. Norma ISO/IEC 15504<br />A norma apresenta uma metodologia genérica para realização de avaliação de processos em organizações.<br />
  8. 8. História<br />A Norma ISO/IEC 15504 surgiu a partir da do projeto SPICE, originado em 1993, a partir da necessidade de uma norma de avaliação de processos de software e visava:<br /><ul><li> dar início de à construção de uma norma
  9. 9. obter práticas, experiências e dados em campo
  10. 10. desperta o interesse do mercado</li></li></ul><li>História<br />O Projeto SPICE se tornou a norma ISO/IEC 15504 em março de 2003, porém, com diversas alterações: <br /><ul><li> virou uma norma internacional
  11. 11. foi estruturada em cincos partes
  12. 12. é genérica.</li></li></ul><li>Estrutura da ISO 15504<br />
  13. 13. Aplicação<br />
  14. 14. Esquema<br />
  15. 15. Dimensão de processo<br />A dimensão de processo se limita a verificação da execução dos processo.<br /><ul><li> Modelo de Referência de processo
  16. 16. Divisão dos processos nas categorias:
  17. 17. Consumidor e Fornecedor
  18. 18. Engenharia
  19. 19. Suporte
  20. 20. Administração
  21. 21. Organização
  22. 22. Definição dos resultados, BP,WP</li></li></ul><li>Modelo de Referência<br />
  23. 23. Descrição dos processos<br />Cada processo é descrito com os seguintes elementos: <br /><ul><li>Identificação (processidentifier)
  24. 24. Nome (processname)
  25. 25. Resultados (Outcomes): Descreve os resultados esperados.
  26. 26. Práticas base (base practice): Atividade que contribui para o atendimento do propósito de um processo.
  27. 27. Produtos de trabalho (work-products): Produtos de trabalho de um processo.</li></li></ul><li>Descrição dos processos<br />Exemplos de resultados observáveis:<br />• a arquitetura do software é desenvolvida e dada como concluída. <br />• as interfaces de cada componente de software devem estar definidas;<br />Exemplos de práticas-base (BP):<br />• a partir dos requisitos, descrever a arquitetura em alto nível de abstração e identificar os principais componentes, como bases de dados;<br />• especificar e documentar as interfaces internas e externas entre os componentes do software;<br />• desenvolver a documentação do usuário;<br />
  28. 28. Dimensão de capacidade<br />Permite uma avaliação detalhada dos processos, trabalhando com base em uma escala, fornecendo uma referência para melhoria do processo.<br />
  29. 29. Níveis de capacidade<br />
  30. 30. Atributos de processo<br />
  31. 31. Indicadores<br />Indicadores para realizar a avaliação de atributos:<br /><ul><li> GPI – indicadores de práticas genérica
  32. 32. GRI – indicadores de recursos genéricos
  33. 33. GWI – indicadores de produto genérico
  34. 34. RPI – indicadores de processos relacionados</li></li></ul><li>Escala de medição<br />
  35. 35. Matriz de avaliação<br />
  36. 36. Gráfico de avaliação<br />
  37. 37. Esquema Geral<br />8. Monitorar desempenho<br />7. Matem melhoria<br />6. Confirmar melhoria<br />1. Examinar necessidades da organização<br />5. Implementa melhoria<br />2. Inicia processo de melhoria<br />3. Avalia Processo<br />4. Planeja Melhoria<br />
  38. 38. Conclusão<br />
  39. 39. Reflexão<br /><ul><li> As normas ISO garante qualidade ao produto e/ ou serviço?
  40. 40. O que é qualidade?</li>

×