Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Como lancar negócios sem falhar

748 views

Published on

Vídeo da palestra: https://www.youtube.com/watch?v=X6s7hdkcvUI

Published in: Business

Como lancar negócios sem falhar

  1. 1. Como Lançar o PróprioComo Lançar o Próprio Negócio Sem FalharNegócio Sem Falhar 12 Tipos de Conhecimento12 Tipos de Conhecimento Que as Escolas Não EnsinamQue as Escolas Não Ensinam Manuel Lemos mlemos@acm.org https://www.facebook.com/ManuelALLemos https://www.linkedin.com/in/manuellemos/ Universidade de Aveiro 18 de Dezembro de 2014
  2. 2. Manuel Lemos ● Eng. Electrónica e Telecomunicações pela Universidade de Aveiro em 1994 ● Autor do Livro “Estar na Internet” publicado pela McGraw-Hill em Portugal em 1998 ● Radicado no Brasil desde 1998 ● Criador do site PHP Classes eem 1999 ● Fundador da empresa Icontem ● Mentor na rede de empreendedores Viking ↓
  3. 3. Porque as pessoas não Empreendem? ● Porque têm medo de falhar ● Têm medo porque acham difícil ● Na verdade, não sabem como fazer ● Não sabem porque as escolas não ensinaram ↓
  4. 4. As Escolas de Hoje ● Formam futuros funcionários das empresas dos outros ● Testam a capacidade de memória dos alunos ● Testes deviam ser com consulta, como no mundo real: Google, Wikipedia, colegas, etc.. ● São desactualizadas, não ensinam psicologia ● Psicologia serve para entender pessoas: clientes, fornecedores, funcionários e sócios↓
  5. 5. 12 Tipos de Conhecimento Que as Escolas não Ensinam 1.O Básico 2.Psicologia Avançada
  6. 6. 1. Entender Inglês Falado e Escrito ● Há muitos textos e vídeos gratuitos na Internet, quase tudo em inglês ● Escolas ensinam inglês teórico ● Sem praticar o aluno não desenvolve o vocabulário e esquece o que aprendeu ● Vejam filmes em inglês sem legendas ● Comunique-se com outros em inglês ↓
  7. 7. 2. O Seu Produto é uma Vitamina ou uma Aspirina? ● Vitaminas ajudam, mas não são essenciais ● Aspirinas são imprescindíveis ● Vitaminas: Marketing Push (empurrão) ● Aspirinas: Marketing Pull (atracção) ● Vitaminas podem-se converter em aspirinas através da criação de hábitos nos clientes ↓
  8. 8. 3. Design Thinking e Design Centrado no Utilizador ● Empreendedores acham que sabem, mas sem falar e entender o cliente, as ideias são meros palpites ● Design Thinking: 1. Imersão, 2. Definição de problemas, 3. Solução, 4. Protótipo, 5. Teste ● Design centrado no utilizador simplifica o produto e elimina a necessidade de formação ↓
  9. 9. 4. Credibilidade ● A forma de apresentação dos produtos influência o interesse dos clientes ● Produtos confusos ou com má aparência passam pouca credibilidade ● Design Thinking pode ajudar a corrigir problemas credibilidade ● O projecto Web Credibility Stanford dá mais orientações para sites na Internet https://credibility.stanford.edu/ ↓
  10. 10. 5. Growth Hacking e o Crescimento Acelerado ● Negócios precisam crescer para sobreviver ● Precisam usar bons métodos de aquisição de clientes, fidelização e vendas ● Growth Hacking é a aplicação de métodos optimizados de crescimento de negócios ● Usam métodos de psicologia avançada ↓
  11. 11. 6. Gamification e Jogos Sérios ● Jogos servem para envolver em algo divertido, desporto ou jogos mais sérios ● Gamification: técnicas usadas em jogos para envolvimento de pessoas em ambientes que não são jogos ● Jogos para estimular a participação em actividades sérias chamam-se jogos sérios↓
  12. 12. 7. Teoria da Mudança do Comportamento ● Tornar uma pessoa em um cliente é uma mudança de comportamento ● PhD BJ Fogg definiu 3 condições para mudar o comportamento de pessoas 1.Gatilhos: Chamar à atenção da pessoa 2.Motivos: Dar razões para mudar 3.Habilidades: Permitir que a pessoa consiga fazer o que é necessário – Tempo, Dinheiro, Esforço físico ou intelectual, etc. ↓
  13. 13. 8. Motivos Intrínsecos e Extrínsecos Teoria da Autodeterminação ● Motivos extrínsecos vêm de fora da pessoa ● SAPS: 1. Status, 2. Acesso, 3. Poder, 4. Bens materiais (Stuff) ● Motívos intrínsecos vêm da própria pessoa ● Teoria da auto-determinação ● RAMP: 1. Relacionamento, 2. Autonomia, 3. Mestria, 4. Propósito ↓
  14. 14. 9. Criação de Hábitos nos Clientes ● Hábitos geram receita recorrente ● ATARI: 4 Passos do ciclos dos hábitos 1.Gatilho: Atrair a pessoa para a actividade 2.Acção: A pessoa realiza a actividade 3.Recompensa: Benefício para a pessoa 4.Investimento: A pessoa é convidada a fazer algo que reinicia o ciclo ● Recompensa variável aumenta o interesse↓
  15. 15. 10. Narrativa de Histórias e a Jornada do Herói ● As pessoas interessam-se por boas histórias, bem contadas ● Jornada do herói é um formato de Joseph Campbell consagrado em filmes e novelas ● Narrativa é usada como método de persuasão em acções de vendas ● O cliente precisa comprar o seu produto para ser o herói da vida dele ↓
  16. 16. 11. Não Explique, Mostre! ● Falar pode deixar a pessoa a imaginar algo diferente do que se pretende vender ● Uma imagem vale mil palavras ● Um vídeo vale mil imagens ● Vídeos de produtos são mais esclarecedores, dão mais credibilidade e levam a mais vendas↓
  17. 17. 12. Efeito de Zeigarnik e as Pendências em Aberto ● Zeigarnik estudou como empregados de mesa se lembram dos pedidos dos clientes ● Negócios valem-se do efeito para lembrar as pessoas e criar sentido de urgência ● Deixar pendências em aberto faz as pessoas quererem eliminar as pendências ↓
  18. 18. Porque os Negócios Falham? 1.As pessoas não têm critérios, fazem o que lhes apetece, não o que o mercado precisa 2.Demasiados sócios que não se entendem 3.Entram em negócios com demasiada concorrência e não inovam nada 4.Custos altos ou receitas recorrentes baixas ↓
  19. 19. 6 Passos para Criar Negócios que Não Falham? 1. Alie-se a poucos sócios com grande afinidade e conhecimento complementar 2. Venda produtos próprios que são aspirinas 3. Ou venda produtos que começam como vitaminas, mas depois tornam-se aspirinas criando hábitos 4. Comece com um cliente real garantido 5. Receita recorrente: TMP - Todos Meses Pinga 6. Baseie seu negócio em um monopólio: ingrediente secreto, patente, hábito, etc.

×