Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Ditadura militar

1,597 views

Published on

Published in: Travel, Entertainment & Humor
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Ditadura militar

  1. 1. A COMUNICAÇÃO DURANTE O REGIME MILITAR (1964-1985) Texto-base: PINTO, Virgílio Noya. Comunicação e Cultura Brasileira . 5.ed. São Paulo: Ática, 1999.
  2. 2. Contexto... <ul><li>Relembrando o governo de João Goulart (1961-1964), em que as classes conservadoras começaram a temer uma aproximação do Brasil com o socialismo. Jango estava sendo acusado de planejar um golpe de esquerda; </li></ul><ul><li>Em 13 de março de 1964, João Goulart realiza um grande comício na Central do Brasil (Rio de Janeiro), onde defende as Reformas de Base . Neste plano, Jango prometia mudanças radicais na estrutura agrária, econômica e educacional do país; </li></ul><ul><li>Em 19 de março, os conservadores organizam uma manifestação contra as intenções de João Goulart. Foi a Marcha da Família com Deus pela Liberdade , que reuniu milhares de pessoas pelas ruas do centro da cidade de São Paulo. </li></ul><ul><li>O clima de crise política e as tensões sociais aumentavam a cada dia. Já se viam tropas de Minas Gerais e São Paulo saem às ruas. Para evitar uma guerra civil, Jango deixa o país refugiando-se no Uruguai. Os militares tomam o poder. Em 9 de abril, é decretado o Ato Institucional Número 1 (AI-1 ), que ditava a cassação de mandatos políticos de opositores ao regime militar e tirava a estabilidade de funcionários públicos. </li></ul>
  3. 3. GOVERNO CASTELLO BRANCO (1964-1967)   <ul><li>Eleito pelo Congresso Nacional, era general militar e, apesar usar a palavra democracia em seu discurso de posse, suas primeiras ações já demonstravam a posição autoritária de todo o seu governo; </li></ul><ul><li>Constituição de 1967 confirma e institucionaliza o regime militar e suas formas de atuação. </li></ul>
  4. 4. GOVERNO COSTA E SILVA (1967-1969) <ul><li>Eleito indiretamente pelo Congresso Nacional; </li></ul><ul><li>Período de Protestos, greves e manifestações populares. A UNE organiza a Passeata dos Cem Mil ; </li></ul><ul><li>Guerrilha urbana (jovens com ideais de esquerda planejam e executam ações como assalto a bancos). </li></ul>
  5. 5. REPRESSÃO E CENSURA <ul><li>O período da Ditadura Militar ficou marcado pela falta de democracia , ou seja, supressão de direitos constitucionais, censura, perseguição política e repressão aos que eram contra o regime. </li></ul><ul><li>A repressão e a censura atingiram duramente os meios de comunicação; </li></ul><ul><li>Em 1968, por força da rebelião estudantil e da inquietação política, foi criado o Ato Institucional n. 5 – AI5 ; </li></ul><ul><ul><li>Filmes nacionais e estrangeiros, livros, programas de TV e rádio, peças de teatro e música, jornais e revistas passaram a ser violentamente censurados ; </li></ul></ul>
  6. 6. <ul><li>O decreto-lei 477 (1969) complementou o amordaçamento com a proibição de qualquer manifestação política por parte de professores, alunos e funcionários de escolas e universidades; </li></ul>
  7. 7. GOVERNO DA JUNTA MILITAR (31/8/1969-30/10/1969) <ul><li>Em função da doença da Castello Branco, assume Grupo de Militares formado pelos Ministros da Marinha, Exército e Aeronáutica; </li></ul><ul><li>Lei de Segurança Nacional . Esta lei decretava o exílio e a pena de morte em casos de &quot;guerra psicológica adversa, ou revolucionária, ou subversiva&quot;. </li></ul><ul><li>A Junta foi responsável por nomear o próximo presidente: Médici. </li></ul>
  8. 8. GOVERNO MEDICI (1969-1974) <ul><li>O período do sue governo ficou conhecido como Anos de Chumbo , por ser o mais duro e autoritário; </li></ul><ul><li>Luta armada e política de Censura; </li></ul><ul><li>O DOI-Codi (Destacamento de Operações e Informações e Centro de Operações de Defesa Interna ) atua como centro de investigação e repressão do governo militar. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Serviço de Propaganda do Estado autoritário usou o Milagre Brasileiro e a conquista da Copa para criar slogans: </li></ul><ul><ul><li>“ Ninguém Segura esse País”; </li></ul></ul><ul><ul><li>“ Este é um país que vai pra frente”; </li></ul></ul><ul><ul><li>“ Brasil, ame-o ou deixe-o” </li></ul></ul>
  10. 10. Milagre Brasileiro!!!! (????) <ul><li>Crescimento econômico do país; </li></ul><ul><li>Investimento na infra-estrutura, oferta de empregos, alta taxa de crescimento (e inflação)= tudo com empréstimos internacionais = dívida externa; </li></ul>
  11. 11. GOVERNO GEISEL (1974-1979) <ul><li>O abrandamento dessa situação começa com a presidência do general Ernesto Geisel (1974-79), período conhecido como distenção ; </li></ul><ul><ul><li>Consequência da indignação e revolta da sociedade com a morte do jornalista Vladimir Herzog (1975); </li></ul></ul><ul><ul><li>Mito do Milagre Brasileiro “cai por terra”: endividamento, recessão econômica, inflação, desemprego,... </li></ul></ul><ul><li>Em 1978, Geisel acaba com o AI-5, restaura o habeas-corpus e abre caminho para a volta da democracia no Brasil. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Em 1972, inicia a transmissão a cores da TV; </li></ul><ul><li>Expansão e domínio da </li></ul><ul><li>TV Globo </li></ul>
  13. 13. João Baptista Figueiredo (1979-1985) <ul><li>Distenção de Geisel passa para a abertura do general Figueiredo (1979-85); </li></ul><ul><li>A imprensa, aos poucos, rompe o esquema da censura, criticando, denunciando escândalos e condição sócio-política, bem como apoiando as reivindicações populares; </li></ul>
  14. 14. ANISTIA... <ul><li>A ato da anistia, em 1979, abriu caminho para o retorno dos exilados e com a desmoralização do regime os militares voltaram aos quartéis; </li></ul><ul><li>Crise econômica, surgimento de novos partidos e fortalecimento dos sindicatos; </li></ul><ul><li>Em 1984, há o movimento das Diretas Já (eleições diretas para Presidente), mas a emenda à Constituição não é aprovada pela Câmara dos Deputados. </li></ul>
  15. 15. Para a próxima aula... <ul><li>Um pacto político permitiu a eleição do presidente Tancredo Neves </li></ul><ul><ul><li>Fase marcada pela comoção popular em função da doença e morte do presidente eleito. </li></ul></ul><ul><ul><li>Papel da Televisão nessa emoção... </li></ul></ul>

×