Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Revisão de teorias da compreensão textual

5,775 views

Published on

Compreensão textual, Tipos textuais, Gêneros textuais, Padrões linguísticos, Variação linguística, Figuras de linguagem, Funções da linguagem, Textualização do discurso narrativo

Published in: Education
  • Be the first to comment

Revisão de teorias da compreensão textual

  1. 1. Manoel Neves Revisãodeteoriasdacompreensãotextual,01
  2. 2. Disponível em: http://www.bloglenilsondoagreste.com.br/2011/03/dengue-vamos-juntos-combater/. Acesso em: 19 nov. 2015.
  3. 3. QUESTÃO 01 revisão de teorias da compreensão textual Todas as análises da propaganda acima estão corretas, EXCETO: a) Notam-se, na construção do texto, sequências expositivas e injuntivas. b) A propaganda articula-se por intermédio da intertextualidade com o gênero textual placa de trânsito. c) Uma das estratégias de construção da propaganda é o contato direto com o leitor, que se manifesta por meio do uso do imperativo e do verbo na primeira pessoa. d) A repetição da mesma mensagem por meio de uma sequência verbal e outra não verbal (situada na parte de cima) visa a reforçar a ideia central da peça publicitária.
  4. 4. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual Assinale-se a alternativa “a”, pois as sequências textuais presentes na propaganda em análise são, predominantemente, injuntivas [o que se nota pelo uso de verbos que servem para contatar o interlocutor de forma direta – e indicar o que fazer para a dengue não voltar – e pelo uso de infinitivo no lugar de imperativo]. Não há informações no cartaz, apenas instruções e estabelecimento de contato com o leitor. conteúdos abordados na questão tipos textuais
  5. 5. O INFANTE Deus quer, o homem sonha, a obra nasce. Deus quis que a terra fosse toda uma, Que o mar unisse, já não separasse. Sagrou-te, e foste desvendando a espuma, E a orla branca foi de ilha em continente, Clareou, correndo, até ao fim do mundo, E viu-se a terra inteira, de repente. Surgir, redonda, do azul profundo. Quem te sagrou criou-te português. Do mar e nós em ti nos deu sinal. Cumpriu-se o Mar, e o Império se desfez. Senhor, falta cumprir-se Portugal. PESSOA, Fernando. Mensagem. Lisboa: António Maria Pereira, 1934.
  6. 6. QUESTÃO 02 revisão de teorias da compreensão textual Assinale a alternativa que apresenta uma leitura INCORRETA do poema “O infante”, de Fernando Pessoa: a) O sujeito poético dirige-se a um Tu, que, no contexto da enunciação, pode ser o próprio Portugal. b) Percebe-se, ao longo do poema, que o sujeito poético apropria-se do discurso religioso e adota uma postura esperançosa. c) O locutor apresenta-se como porta-voz tanto de uma ideologia quanto de um povo. d) Notam-se referências explícitas às Grandes Navegações e a inúmeros outros momentos da História de Portugal.
  7. 7. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual No poema em análise, o sujeito poético dirige-se, por intermédio de um pronome de segunda pessoa, a dois interlocutores, a saber: a) Portugal [“Sagrou-te, e foste desvendando a espuma”: referência implícita às Grandes Navegações]; e b) Mar [“Quem te sagrou, criou-te português”: referência ao protagonismo de Portugal na Era dos Descobrimentos]. É possível, ainda, inferir, da leitura da primeira estrofe, que foi Deus quem quis que Portugal tomasse frente nos eventos referidos anteriormente. Nesse sentido, dois são os desdobramentos das ações lusitanas: o alargamento do mar [“E viu-se a terra inteira, de repente,/ Surgir, redonda, do azul profundo.”] e a perda do papel de protagonista por parte de Portugal [Cumpriu-se o mar, e o Império se desfez]. Por isso mesmo, ao final do poema, revela-se o desejo de que Portugal volte a ser protagonista [“Senhor, falta cumprir-se Portugal”]. Dessa leitura, é possível depreender que não há referência explícita a momento algum da História Portuguesa. Marque-se, pois, a letra “d”. conteúdos abordados na questão compreensão global, pressuposição e acarretamento
  8. 8. QUESTÃO 03 revisão de teorias da compreensão textual Na primeira estrofe do poema “O infante”, encontra-se a seguinte figura de linguagem: a) hipérbole b) antítese c) gradação d) zeugma
  9. 9. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual No primeiro verso da primeira estrofe, por intermédio de uma sequência anafórica, o locutor constrói uma gradação. Marque-se, pois, a letra “c”. conteúdos abordados na questão figuras de linguagem
  10. 10. QUESTÃO 04 revisão de teorias da compreensão textual No poema acima, predominam duas funções da linguagem, a saber: a) emotiva e conativa b) referencial e metalinguística c) poética e denotava d) estética e expressiva
  11. 11. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual O fato de o poema apresentar métrica, rima e figura de linguagem configura a presença da função poética ou estética. Por outro lado, o discurso esperançoso do locutor e a expectativa de que Portugal volte a ter importância geopolítica revelam seu caráter argumentativo/emotivo/expressivo. Marque-se, pois, a letra “d’. conteúdos abordados na questão funções da linguagem
  12. 12. Marilyn Monroe foi um dos maiores símbolos sexuais do século 20. Seu nome verdadeiro era Norma Jeane Mortensen, filha de Gladys Baker, que trabalhava nos estúdios RKO como editora de filmes. Devido às internações de sua mãe por problemas psicológicos, Norma Jeane passou grande parte de sua infância em casas de família e orfanatos até que, em 1937, ela se mudou para a casa de Grace Mckee Goddard, amiga da família. Em 1942, o marido de Grace foi transferido para a costa Leste, e o casal não tinha condições financeiras para levá-la com eles. A solução para a jovem de 16 anos foi se casar no dia 19 de julho de 1942, com James Dougherty de 21 anos, com quem estava namorando há seis meses. Dois anos depois James, na Marinha, foi transferido para o Pacífico Sul. Após a sua partida, Norma Jeane tentou a carreira de atriz, em pequenas aparições. O divórcio veio meses antes de assinar seu primeiro contrato com a Twentieth Century Fox em 26 de agosto de 1946. Adotou então o nome de Marilyn Monroe e tingiu o cabelo de loiro. Sua estreia no cinema foi com um papel irrelevante em The Shocking Miss Pilgrim em 1947. No mesmo ano participou de Torrentes de Ódio e Idade perigosa. Depois disso, a Fox cancelou seu contrato e Marilyn foi para a Columbia, onde só permaneceu por seis meses.
  13. 13. Em 1949, sem dinheiro, concordou em posar nua para um calendário. O sucesso foi tão grande que ela acabou ilustrando a primeira capa da revista Playboy em 1953. Tinha 1,66 metro de altura, 94 centímetros de busto, 61 de cintura e 89 de quadril. Fez seu primeiro papel de destaque em 1951, no filme O Segredo das Viúvas. No ano seguinte, participou de O Inventor da Mocidade. Seu nome começou a atrair multidões aos cinemas. Foi assim em Como Agarrar um Milionário (1953), Os Homens Preferem as Loiras (1953), O Pecado Mora ao Lado (1955) e Quanto Mais Quente Melhor (1959) – este, com direção de Billy Wilder, foi considerado “a melhor comédia de todos os tempos”. Nele a atriz atuou ao lado de Tony Curtis e Jack Lemmon. Em 14 de janeiro de 1954, Marilyn se casou com o ex-jogador de beisebol Joe Di Maggio, uma lenda do esporte nos Estados Unidos. Durante sua lua de mel, em Tóquio, Marilyn fez uma performance para os militares que estavam servindo na Coreia. Joe, ciumento, não aguentou a exposição da esposa. Nove meses depois, em outubro de 1954, veio o divórcio. Em 1956, a atriz se casou com o dramaturgo Arthur Miller. Em 1961, após perder um bebê, os dois se separaram. No mesmo ano, ela fez seu último filme, Os Desajustados. Em 1962, durante as filmagens de Something's Got to Give, Marilyn foi demitida devido aos constantes atrasos. O diretor Billy Wilder fez um célebre protesto: “Tenho uma tia-avó na Áustria que é pontualíssima, mas ninguém pagaria um centavo para vê-la”.
  14. 14. Uma das mais célebres performances de Marilyn foi Parabéns a você, de maneira sensualíssima para o presidente americano John Fitzgerald Kennedy, no Madison Square Garden. O fato reforçou os rumores de que ambos teriam sido amantes. Quatro meses depois do episódio, Marilyn foi encontrada morta, segurando o telefone, ao lado de um vidro de barbitúricos. A hipótese de seu envolvimento amoroso com o presidente Kennedy e seu irmão Robert ganhou força, quando encontraram sua casa vasculhada – supostamente por agentes do FBI –, antes da chegada da polícia, no dia de sua morte. A estrela, que deixou o mundo aos 36 anos, personificou o glamour hollywoodiano dos anos 50. Sua aparente vulnerabilidade e inocência, junto com sua inata sensualidade, a tornaram uma das mulheres mais desejadas do século 20. Biografias: Marilyn Monroe. Disponível em: http://educacao.uol.com.br/biografias/marilyn-monroe.htm. Acesso em: 19 nov. 2015.
  15. 15. QUESTÃO 05 revisão de teorias da compreensão textual Acerca das sequências textuais presentes no texto “Biografias: Marilyn Monroe”, é CORRETO afirmar que predominam: a) as expositivas e argumentativas, pois o objetivo do locutor é apresentar a vida da biografada e destacar sua relevância para o mundo das artes. b) as narrativas e expositivas, porque tanto se faz um relato dos eventos mais relevantes da vida da biografada quanto se apresentam informações sobre fatos e eventos. c) as narrativas e de relato, pois o texto articula-se exclusivamente como a apresentação dos momentos mais importantes da vida da pessoa cujos feitos são apresentados. d) as narrativas e argumentativas, porque não só se apresentam os eventos mais relevantes da vida do biografado como também se defende um ponto de vista.
  16. 16. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual A biografia em análise apresenta um relato dos eventos mais relevantes da vida de Marilyn Monroe. Predominam nela, pois, as sequências narrativas e expositivas. Marque-se, portanto, a letra “b”. conteúdos abordados na questão tipos textuais
  17. 17. QUESTÃO 06 revisão de teorias da compreensão textual Dentre as alternativas a seguir, indique a que apresenta uma análise INADEQUADA do texto “Biografias: Marilyn Monroe”: a) Predomina, no texto, o tempo cronológico, linear, evolutivo. b) Nota-se presença tanto do discurso direto quanto do discurso indireto. c) Neste gênero, é comum a mistura de elementos ficcionais aos eventos vividos pelo biografado. d) Predominam, no texto, sequências textuais com verbos no passado.
  18. 18. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual Não há, na biografia, elementos ficcionais. Nesse gênero textual, apresentam-se, cronologicamente, os eventos mais importantes da vida do biografado. Marque-se, portanto, a letra “c”. conteúdos abordados na questão gêneros textuais: biografia
  19. 19. A MULHER MAIS DOIDONA E INTELIGENTE DO MUNDO É um momento esquecido, dos mais insignificantes na vida de Marilyn Monroe. Foi num daqueles filmes de Billy Wilder: O pecado mora ao lado, talvez. Faz muito tempo, Marilyn Monroe estava de pé em cima de uma espécie de saída de ar, um exaustor, desses que ficam nas calçadas, e o jogo de ar que saía desse exaustor entrava por baixo do vestido de Marilyn Monroe, levantando o vestido de Marilyn Monroe. Marilyn Monroe tentava impedir que ventinho levantasse seu vestido e fazia uma cara de menina inocente misturada com uma cara de menina sapeca. Marilyn Monroe sorria e se divertia enquanto ventinho batia direto lá. Na época desse filme, Marilyn Monroe era o símbolo sexual da vez, fazia o tipo loura gostosa, uma Sharon Stone da época, vamos dizer assim. Hoje, Marilyn Monroe acordou pensando nessa cena do filme. Se lembrou do quanto era tolinha, se lembrou do caretinha do Kennedy. Se lembrou que quase morrera, tomando um monte de comprimidos, por causa do caretinha do Kennedy.
  20. 20. Marilyn Monroe achou engraçado e ficou se lembrando de um monte de coisa, em retrospectiva: a saída do hospital depois da tentativa de suicídio, a declaração de apoio a Fidel Castro, a ida para Cuba, o romance com Che Guevara, o rompimento com Fidel Castro e Che Guevara, a ida para Londres, o romance com Jimi Hendrix, a volta para os EUA, a saída da prisão nos EUA junto com Timothy Leary, a entrada do Oscar na qual mandou a academia enfiar o troféu naquele lugar, a interligação nas negociações de paz que acabaram com a guerra no Oriente Médio, o romance com Mikhail Gorbachev, o rompimento com Mikhail Gorbachev, a presidência dos EUA, a renúncia à presidência dos EUA, a volta à presidência dos EUA nos braços do povo, a elaboração da teoria do “Ultra-Socialismo Metafísico” que deteve o processo de globalização e acabou com a fome do Terceiro Mundo, os 28 filmes que dirigiu, os 15 livros que escreveu, os 450 milhões de dólares que acumulou e distribuiu para as vítimas da última seca na Etiópia.
  21. 21. Daqui a pouco, o telefone vai começar a tocar, a calçada em frente ao edifício de Marilyn Monroe vai ficar entupida de gente, as equipes de todas as redes de televisão do mundo virão importunar Marilyn Monroe, querendo saber o que a mulher mais importante do planeta está pensando sobre tudo, no dia do seu aniversário de 75 anos. Marilyn Monroe repassa mentalmente cada detalhe daquela ela esquecida daquele filme do Billy Wilder. Marilyn Monroe acha que teve uma vida muito bacana mesmo. Só que Marilyn Monroe está com muita preguiça do dia infernal que terá pela frente. Hoje, Marilyn Monroe gostaria de ser apenas um mito sexual, apenas uma loura gostosa, sentindo um ventinho gostoso, lá, para sempre. SANT’ANNA. André. A mulher mais doidona e inteligente do mundo planeta. In.: Inverdades. Rio de Janeiro: 7Letras, 2009.
  22. 22. QUESTÃO 07 revisão de teorias da compreensão textual Acerca do texto “A mulher mais doidona e inteligente do planeta”, é CORRETO afirmar: a) Constrói-se analogamente a uma biografia, na medida em que elenca os principais fatos vividos por Marilyn Monroe de modo a conferir verossimilhança à narrativa. b) A narrativa articula-se por intermédio de narrador impessoal, que observa os fatos sem os comentar. c) Os localizadores espaciais não são relevantes na articulação da narrativa de André Sant’Anna. d) Os eventos são apresentados ao leitor por intermédio de uma sequência linear, evolutiva, e mostram a consagração da personagem referida positivamente no título do conto.
  23. 23. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual O texto em análise articula-se a partir de fatos que constam da biografia de Marilyn Monroe. Como se trata de um conto, há muitos eventos ficcionais [todos eles situados depois do episódio em que Marilyn tomou barbitúricos e acabou morrendo] que foram misturados a dados biográficos da atriz norte-americana. Marque-se, pois, a alternativa “a”. Quanto às demais opções: b) o narrador impessoal, de terceira pessoa, conta a história, mas comenta os eventos apresentados; c) os localizadores adverbiais situam os fatos em um tempo específico e indicam progressão temporal; d) a narrativa apresenta um flash back. conteúdos abordados na questão tipos textuais, textualização do discurso narrativo, gênero textual: conto
  24. 24. QUESTÃO 08 revisão de teorias da compreensão textual No conto “A mulher mais doidona e inteligente do planeta”, nota-se a presença de um recurso bastante singular que é: a) o uso de sequências catafóricas, que tanto permitem referir-se à personagem que dá título à história quanto evitar a repetição vocabular. b) o uso de sequências paronímicas, capazes de apresentar, manter e retomar o tema e, ao mesmo tempo, apresentar a protagonista por meio de hipônimos e de hiperônimos. c) o uso de sequências meronímicas, que dão aparência de verdade à narrativa de André Sant’Anna. d) o uso de sequências anafóricas, por intermédio da qual, por vezes, são apresentadas longas cadeias de eventos vivenciados pela personagem que dá titulo ao conto.
  25. 25. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual O conto de André Sant’Anna apresenta um recurso estilístico bastante interessante: articula-se, predominantemente, por sequências de eventos apresentados de forma coordenada ligados a um sujeito. O genial é que, se no primeiro e no último parágrafos tal referenciação dá-se por intermédio da exaustiva repetição do nome da protagonista do conto [que chega a aparecer 7 vezes apenas no primeiro parágrafo], no terceiro e no quarto, de forma oposta, o narrador apresenta uma vez apenas o nome dela e constrói um parágrafo com apenas uma frase e 20 nominalizações que ligam anaforicamente o nome da protagonista às ações apresentadas. Por isso, deve-se assinalar a alternativa “d”. conteúdos abordados na questão textualização do discurso narrativo, coesão textual
  26. 26. Disponível em: http://alessandraferreiramoraes.blogspot.com.br/2012/06/v-behaviorurldefaultvmlo.html. Acesso em: 19 nov. 2015.
  27. 27. QUESTÃO 09 revisão de teorias da compreensão textual Acerca da História em Quadrinhos acima, assinale a alternativa INCORRETA: Predominam, no texto em análise, as sequências textuais expositivas. b) Tanto os elementos verbais quanto os não verbais reforçam um estereótipo de um dos tipos regionais brasileiros. c) Nos quadrinhos, há presença de gíria e de regionalismo. d) Na História em Quadrinhos, nota-se a presença de humor advindo da ambiguidade presente no vocábulo “firme” e da variante regional usada pelos interlocutores.
  28. 28. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual A presença da interação oral instantânea [diálogo] confere caráter [predominantemente] narrativo ao texto. Marque-se, pois, a alternativa “a”. conteúdos abordados na questão tipos textuais, variação linguística, padrões linguísticos, gênero textual: tirinha
  29. 29. QUESTÃO 10 revisão de teorias da compreensão textual Na História em Quadrinhos acima, nota-se a presença de: a) Jargão, que se adapta ao nível econômico e etário das personagens. b) Desvalorização do padrão formal da língua e desrespeito às regras de uso. c) Gíria, que está de acordo com a faixa etária e o grupo social dos falantes. d) Coloquialismo e preconceito linguístico, o que denota a opinião negativa do grupo em relação à personagem Cabeça.
  30. 30. SOLUÇÃO COMENTADA revisão de teorias da compreensão textual Na tirinha em análise, nota-se presença de gíria. Marque-se, portanto, a alternativa “c”. conteúdos abordados na questão variação linguística, padrões linguísticos

×