Revisando o romantismo, 04

3,799 views

Published on

Published in: Education, News & Politics
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,799
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,860
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Revisando o romantismo, 04

  1. 1. história da literaturaExercícios sobre o Romantismo, 04 Manoel Neves
  2. 2. QUESTÃO 01 revisando o romantismo NÃO é próprio do Romantismo:Explorar assuntos nacionais como história, tradições, folclore;Idealizar a mulher, tornando-a perfeita em todos os sentidos;Explorar assuntos ligados à Antiguidade Clássica, imitando-lhe os poetas e prosadores;Valorizar temas fúnebres e soturnos.
  3. 3. SOLUÇÃO COMENTADA revisando o romantismoO Romantismo rompe com os padrões e modelos artísticos clássicos [baseados na imitação dosGregos e dos Romanos] e instaura o princípio da Inspiração, da Autenticidade e do Novo.Assinale-se, pois, a alternativa “c”.
  4. 4. QUESTÃO 02 revisando o romantismoDe acordo com a posição romântica, é CORRETO afirmar que:A natureza é expressiva no Romantismo e decorativa no Arcadismo.Com a liberdade criadora implantada no Romantismo, as regras fixas do Classicismo caem e “opoema começa onde começa a inspiração e termina onde termina esta”.A visão do mundo romântica é centrada no sujeito, no "eu" do escritor, daí a predominância dafunção emotiva na linguagem do Romantismo.Todas as alternativas anteriores estão corretas.
  5. 5. SOLUÇÃO COMENTADA revisando o romantismoTodas as alternativas apresentam comentários CORRETOS acerca do Romantismo. Por isso,marque-se a letra “d”.
  6. 6. QUESTÃO 03 revisando o romantismoPoderíamos sintetizar uma das características do Romantismo pela seguinte aproximação deopostos:Cultivando o passado, procurou formas de compreender e explicar o presente.Pregando a liberdade formal, manteve-se preso aos modelos legados pelos clássicos.Embora marcado por tendências liberais, opôs-se ao nacionalismo político.Voltado para temas nacionalistas, desinteressou-se do elemento exótico, considerando-oincompatível com exaltação da pátria.
  7. 7. SOLUÇÃO COMENTADA revisando o romantismoOs escritores românticos interessaram-se tanto pelo passado, o que se percebe nos poemas eromances indianistas [Ubirajara] e nos romances históricos [As minas de prata], quanto pelopresente, analisado detidamente nos romances urbanos [Lucíola] e regionalistas [Inocência].Assinale-se, pois, a alternativa “a”.
  8. 8. QUESTÃO 04 revisando o romantismoA visão do mundo, nostálgica nos românticos, explica-se:Pelas inúmeras guerras havidas na época do Romantismo.Pela inadaptação aos valores absolutistas implantados pela monarquia brasileira.Pelo descontentamento da nobreza, que deixa o poder, e de parte da burguesia, que ainda nãohavia assumido ou que tivesse ficado à margem dele.Pela contemplação de um Brasil conservador, baseado no latifúndio, no escravismo e namonarquia.
  9. 9. SOLUÇÃO COMENTADA revisando o romantismoA alternativa que apresenta uma melhor avaliação do quadro histórico e social do Romantismo éa letra “c”.
  10. 10. QUESTÃO 05 revisando o romantismo(FMU) O homem de todas as épocas se preocupa com a natureza. Cada período a vê de modoparticular. No Romantismo, a natureza aparece como:um cenário cientificamente estudado pelo homem: a natureza é mais importante que oelemento humano.um cenário estático, indiferente; só o homem se projeta em busca de sua realização.um cenário sem importância nenhuma; é apenas um pano de fundo para as emoções humanasconfidente do poeta, que compartilha seus sentimentos com a paisagem; a natureza se modificade acordo com o estado emocional do poeta.é um cenário idealizado onde todos são felizes e os poetas são pastores.
  11. 11. SOLUÇÃO COMENTADA revisando o romantismoA relação do escritor romântico é muito profunda – ela pode ser um refúgio para os males, podeser a confidente, pode, ainda, ser um espaço no qual suas inquietações existenciais esentimentais aparecem refletidas. Assinale-se, pois, a alternativa “d”.

×