Tarefa 7 Actividade 2

253 views

Published on

Published in: Technology, Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
253
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Tarefa 7 Actividade 2

  1. 1. O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operacionalização (workshop) Tarefa 7 – Actividade 2 Objectivos:  Examinar a operacionalização do modelo de auto-avaliação no concernente à utilização da linguagem com vista a uma eficaz avaliação e consequente planificação de acções para a melhoria.  Estabelecer metas credíveis.  Identificar etapas de intervenção exequíveis e seguras.  Tornar enunciados gerais em específicos. Domínio B Acções para a melhoria Fragilidades Transformação em enunciados específicos 3 – Reforçar o trabalho Este enunciado é muito  A BE organiza um calendário, anteriormente articulado vago dificultando a discutido com os professores de Área de planificação do trabalho e projecto e os professores titulares de turma, no não permitindo a sentido de permitir a todos os alunos utilizarem identificação clara de as valências da BE no domínio da leitura para etapas de intervenção. informação e estudo. Interessa que um número Não é indicado o tipo de cada vez mais significativo de alunos utilize a trabalho, quem articula e BE para desenvolver as suas capacidades no quais os resultados referente às várias fases do processo de esperados. pesquisa, em vários suportes, e tratamento da informação.
  2. 2. 4 – Reforçar a produção Não especifica que tipo de  Produzir guiões de apoio ao trabalho de de instrumentos de apoio instrumentos de apoio pesquisa e informação. a ser usados por nem o que se pretende  Em colaboração com as coordenadoras dos professores e alunos atingir com a sua vários Departamentos e Anos, elaborar elaboração e utilização, materiais em vários suportes que colaborem daí que se considere este para o desenvolvimento das competências dos enunciado muito vago. vários utilizadores da BE e que vão ao encontro dos currículos dos alunos. A Formanda: Luísa Nogueira

×