Successfully reported this slideshow.
PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE  SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃOSUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO E POLÍTICAS             E...
A AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM    COMO UM PRINCÍPIO NODESENVOLVIMENTO DA AUTORIA
Tratar da educação nosremete às ações que devemosestabelecer para que osalunos consigam sedesenvolver em suaaprendizagem. ...
Luckesi (2011) descreve a        Avaliação como um ato de   investigação que se apresenta         como uma das formas de  ...
Sendo que a avaliação muitasvezes não é concebida deste modo,mas como um momento para aplicar testes de medição; ou mesmo,...
A avaliação deve ter como concepçãoa ação de refletir sobre qual a melhormaneira para contribuir comcrescimento do aluno e...
Hoffman (2005) diz quedevemos garantir condiçõesdignas de aprendizagem acada um, valorizando suasdiferenças; condições que...
Luckesi (2011) ressalta que o conteúdo,método, tempo de aprendizagem e cuidado por   parte do educador (a) são os ingredie...
Para que possamos ter osdados necessários paraorganizar todo o trabalho,para obtenção de resultadossatisfatórios durante a...
Hoffman (2005) coloca que a   avaliação mediadora em que “O professor como parceiro maisexperiente” tem como papel facilit...
Enquanto podemos destacar que a  avaliação formativa, é aquela queacontece em seu dia-a-dia, em que oprofessor faz uma aná...
Não podemos deixar de exporsobre a avaliação formativareguladora que Janssen (2003)descreve em seus escritos, em queo ato ...
A dinâmica avaliativa é mediadora doprocesso de desconstrução ereconstrução da práxis pedagógica;portanto, preciso descons...
Para ter uma educação que faça adiferença entre o que temos e o quepodemos ter, é necessário que façamosuma avaliação do q...
REFERÊNCIAS:ANTUNES, Irandé. Aula de Português: encontro einteração. São Paulo: Parábola Editorial, 2003.HOFFMANN, Jussara...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Avaliação, aprendizagem e autoria

541 views

Published on

Curso AVA, SEMED, DITEC- Campo Grande/MS

Published in: Education
  • Be the first to comment

Avaliação, aprendizagem e autoria

  1. 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃOSUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO E POLÍTICAS EDUCACIONAIS DIVISÃO DE TECNOLOGIA EDUCACIONALMediador Pedagógico: Cristiane Oliveira Delboni Cursista: Leila Fermino
  2. 2. A AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM COMO UM PRINCÍPIO NODESENVOLVIMENTO DA AUTORIA
  3. 3. Tratar da educação nosremete às ações que devemosestabelecer para que osalunos consigam sedesenvolver em suaaprendizagem. E a ação quenos permite perceber seprecisamos ou não retomaralgum conteúdo é a avaliação.
  4. 4. Luckesi (2011) descreve a Avaliação como um ato de investigação que se apresenta como uma das formas de obtenção de dados sobre a realidade, permitindo qualificá-la em seu desempenho;consequentemente, possibilitando uma intervenção adequada aomomento em que o processo está acontecendo
  5. 5. Sendo que a avaliação muitasvezes não é concebida deste modo,mas como um momento para aplicar testes de medição; ou mesmo, paramostrar ao aluno que não aprendeu e não aprenderá.
  6. 6. A avaliação deve ter como concepçãoa ação de refletir sobre qual a melhormaneira para contribuir comcrescimento do aluno em relação aoseu aprendizado, deixando-oestimulado para que sua vontade deaprender esteja cada vez mais alta,fazendo com que ele tenha coragemde vencer seus próprios limites e istoserá possível a partir de situações deaprendizagens elaboradas pelosprofessores no ambiente escolar.
  7. 7. Hoffman (2005) diz quedevemos garantir condiçõesdignas de aprendizagem acada um, valorizando suasdiferenças; condições queenvolvam um atendimentoindividualizado a partir dacompreensão peloseducadores da história decada aluno e dasnecessidades e dos jeitos deser de cada um
  8. 8. Luckesi (2011) ressalta que o conteúdo,método, tempo de aprendizagem e cuidado por parte do educador (a) são os ingredientes imprescindíveis para uma aprendizagemsignificativa, que vem propiciar não somente o desenvolvimento cognitivo, mas o social,tornando o aluno um ser ativo e criativo, capaz de produzir conhecimentos e modificar o meio social que está inserido.
  9. 9. Para que possamos ter osdados necessários paraorganizar todo o trabalho,para obtenção de resultadossatisfatórios durante aaprendizagem, torna-seimprescindível conhecerdois tipos de avaliações quesão importantes para nossaprática enquantoprofessores, que é aavaliação formativa e aavaliação mediadora,
  10. 10. Hoffman (2005) coloca que a avaliação mediadora em que “O professor como parceiro maisexperiente” tem como papel facilitar o acesso do aluno a este conhecimento
  11. 11. Enquanto podemos destacar que a avaliação formativa, é aquela queacontece em seu dia-a-dia, em que oprofessor faz uma análise sobre comoos alunos estão assimilando os novos conhecimentos, suas dificuldades, e quais as situações que precisam ser repensadas para que este aluno aprenda.
  12. 12. Não podemos deixar de exporsobre a avaliação formativareguladora que Janssen (2003)descreve em seus escritos, em queo ato avaliativo é eminentementepolítico, sempre está alicerçado e aserviço de um modelo desociedade. Ou seja, a avaliação étrabalhada e desenvolvidaconforme as necessidades reaisque a sociedade exige em umdeterminado momento e tambémsituação vigente nas relaçõessociais.
  13. 13. A dinâmica avaliativa é mediadora doprocesso de desconstrução ereconstrução da práxis pedagógica;portanto, preciso desconstruir tudoaquilo que tínhamos aprendido, haver odesequilíbrio, para que haja o equilíbrio,sendo no caso os professores,precisamos ter momentos em que nãoconseguimos atingir nosso alunado cempor cento, para que possamos repensarem nossa prática, e repensandoestaremos organizando uma novametodologia que traga o benefícioesperado pela escola, que é aaprendizagem dos alunos
  14. 14. Para ter uma educação que faça adiferença entre o que temos e o quepodemos ter, é necessário que façamosuma avaliação do que estamos produzindoe como estamos produzindo, o querealizamos enquanto professor para avaliaro que fazemos com os resultados obtidos.
  15. 15. REFERÊNCIAS:ANTUNES, Irandé. Aula de Português: encontro einteração. São Paulo: Parábola Editorial, 2003.HOFFMANN, Jussara. O jogo do contrário emavaliação. Porto Alegre: Editora Mediação, 2005. 2ª ed._____. Avaliar para promover: as setas do caminho. PortoAlegre: Editora Mediação.LIBÂNEO, José C. Organização e gestão da escola. 5.ed. Revista e ampliada. Goiânia: Editora Alternativa, 2004.LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação de Aprendizagem- Componente do Ato Pedagógico. São Paulo: Cortez,2011.Práticas Avaliativas e Aprendizagens Significativas:em diferentes áreas do currículo/ Organizadores JanssenFelipe da Silva, Jussara Hoffman, Maria Teresa Esteban.Porto Alegre: Mediação, 2003.

×