Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Peça de teatro para o dia dos pais: Lição para um pai.

136,764 views

Published on

Peça de teatro "Lição para um pai". Foi apresentada na Igreja em homenagem ao dia dos pais.

Published in: Entertainment & Humor

Peça de teatro para o dia dos pais: Lição para um pai.

  1. 1. LIÇÃO PARA UM PAI PRIMEIRA CENA NARRADOR: Pai, Deus confiou em você a alegria de cuidar, ensinar, sustentar e amar seus filhos. Pai crente, mas sem compromisso. O pai está muito ocupado lendo jornal, somando as contas, ligando, rindo porque fechou um grande negócio, reclama do cansaço. Entra o filho mais velho e diz: FILHO: Pai, precisamos conversar. PAI: Vamos marcar na hora do jantar, ta bom? FILHO: Mas pai, o que eu tenho pra dizer não pode esperar. PAI: Filho, chega tá! Vocês jovens acham que tem que resolver tudo na hora que vocês querem. Não posso perder tempo com besteiras, tempo é dinheiro. FILHO: Pai, quanto o senhor ganha por hora? PAI: Escuta filho, isso nem a sua mãe sabe. Não me amole porque eu estou ocupado. FILHO: Mas pai, por favor, me fala só quanto o senhor ganha por hora. PAI: Está bem (faz os cálculos na calculadora), ganho 20 reais. Por que você quer saber? FILHO: Então pai, o senhor pode me emprestar 10 reais? PAI: Há então era essa a razão que você queria saber quanto eu ganho né, só me procura por dinheiro, vá dormir e não me amole mais seu aproveitador! O filho sai com raiva e decepcionado pois o que tinha a dizer ao pai era que fora convocado para fazer um teste num grande time e precisava decidir ainda naquela noite, pois precisava viajar pela manhã para fazer o teste.
  2. 2. A mãe entra de encontro com o filho: MÃE: Meu filho, o que você tem? FILHO: Mãe, a senhora me autoriza a viajar amanhã sozinho pra fazer o teste, pois o papai não tem tempo de me ouvir. MÃE: Claro, meu filho. Mas eu vou com você, não se preocupe. Não fique triste com seu pai não, ele ainda há de perceber o tempo que está perdendo, ele é um bom homem. Eu vou conversar com ele. Mas alegre-se, você é meu campeão. Chega a filha mais nova toda dengosa FILHA: Paizinho, paizinho lindo do meu colação, minha bonequinha queblou a pena e ta cholando, óia, óia. PAI: Filha, silêncio! FILHA: Papai, minha bonequinha ta cholando alto. PAI: Sai já daqui Maria dengosa, e leve essa boneca com você, antes que eu perca a paciência. FILHA: (Sai bem triste e chorando falando com a bonequinha) Fica tliste com ele não Lilí, papai ta nevoso, ne com você não, é comigo. Papai não gosta de mim não. Gota é de dinhelo. Vamos olar pa pai do céu bençoá meu papai pla ele blincar comigo. Amém? MÃE: Meu bem, meu bem (ele nem olha). É, acho que você está passando dos limites, até nossos filhos hoje sentiram seu alto nível de estresse. Será que não seria a hora de fazermos uma viagem juntos nesse final de semana, pra descansar, relaxar. PAI: Ir passear ? nesse final de semana? MÃE: Éh, quem sabe a gente não podia ir na Praia? PAI: Praia? E eu lá tenho tempo pra isso? Nem pensar! Estou atolado de trabalho, só hoje eu tenho 5 reuniões. MÃE: Vamos conversar.
  3. 3. PAI: Sim, vamos conversar, mais bem rapidamente pq eu estou atrasado com alguns negócios. MÃE: Meu bem, dinheiro não é tudo. Deus tem nos dados tanto, mas você está em falta conosco. PAI: Como assim em falta? Eu não entendo, vocês têm tudo o que você quer mulher, vcs querem roupas eu compro pra vcs, sapatos também. Quer trocar de apartamento, trocamos. Carro, você pode escolher até o modelo e a cor. Tem não sei quantos cartões de crédito pra gastar a vontade. Eu dou tudo o que vocês querem. O que está te faltando? Diga? MÃE: Amor, carinho, atenção, companheirismo, uma boa conversa. PAI: Amor, carinho, companheirismo. Ah não mulher, tenho tempo pra essas frescuras não. MÃE: Além disto eu preferia ter bem menos coisas matérias e mais qualidade de vida, com paz e alegria no nosso lar. O tempo passa, e se nós não tivermos mais tempo??? O amanhã pertence a Deus, e você parece ter se esquecido dEle. Nem à Igreja vai mais. PAI: Ah, eu não tenho tempo, você sabe disso. Deixa eu trabalhar em paz. Tenho muito o que fazer hoje. MÃE: Ta bom, não vou mais te incomodar. O pai para e pensa um pouco... e segue com seus afazeres. Anoitece e ele adormece na mesa, começa aí o sonho: ___Cena 2 na próxima folha.___
  4. 4. CENA 2 Entra a morte. (Devidamente caracterizada com máscara, roupas negras e uma foice.) PAI: O que que é isso, meu deus do céu? Quem é você? MORTE: Eu sou a morte PAI: O que que você está fazendo aqui? MORTE: Chegou o seu dia, eu vim te buscar. PAI: Vc ta louco? Eu num tô doente, nem nada! MORTE: Isso é o que você pensa! Há quanto tempo não vai ao médico? PAI: Ah, uns 5 anos, sou sadio igual um coco, sei lá. MORTE: Consta no meu fichário que ocê bebe muito, fuma muito, trabalha em excesso, não faz exercício, ta com a veio entupida, colesterol alto. Conclusão: vai dar um infarto agora e eu vim óh... PAI: Espera aí! Vc ta querendo dizer que eu vou morrer? MORTE: Agora! PAI: Mas isso é uma injustiça viu. Fique vc sabendo que pra ter uma velhice digna e de conforto eu trabalhei pra morrer! MORTE: Verdade, trabalhou pra morrer! Se tivesse economizado energia, cuidado da saúde, podia viver mais uns 30 ou 40 anos. Agora já era pra você! PAI: Não, não, não espera aí! Tem um mal entendido nessa história. Como é que é seu nome mesmo? MORTE: Anjo da morte, mas pode me chamar de morte memo, sou simples. PAI: Sei, sei. Éehh. Dona morte, vc sabe que tudo na vida é uma questão de negócios. MORTE: Seeei, só num tem jeito pra morte.
  5. 5. PAI: Diga lá, quanto é que vc quer pra me deixar viver aqui mais 40 anos. Pode falar que eu vou fazer o cheque. A vista, 40 anos. Pode falar! MORTE: Meu fi, aqui é onde que o filho chora e a mãe num vê. Dessa vez não tem pra onde correr não, meu fi! Sabe quantas pessoas tem na terra? Bilhões. Sabe quantas vão tá vivas daqui a 120 anos? Nenhuma. Sabe porque? Porque eu vou óh.... Uma por uma. PAI: Mas eu vou morrer??? MORTE: Agora! PAI: Eu vou deixar minhas empresas, meus negócios aqui. A minha mulher, tão nova, tão boa. Meus lindos e amados filhos. Meus irmãos na fé. MORTE: Você é cara de pau hein rapaz! C é falso hein rapaz! Você está sendo um péssimo pai. Quantas vezes seus filhos te procuraram hoje e você não deu atenção? Não dedicou a eles nem um pouco do seu tempo. E a Igreja, que você abandonou. Tem quanto tempo que você não ora, já nem fala mais com Deus, não lê mais a bíblia. E há quanto tempo você não liga mais pra sua mulher, nem dá atenção pra ela. Tudo que ela faz por você e você nem reconhece. Agora diz que vai sentir falta? Sabe do que vc ta com medo? PAI: Do que? MORTE: Dela casa denovo e gastar seu dinheiro com outro. E mais, seus filhos chamarem outro de pai. O que você acha disso? PAI: Nem fale uma coisa dessas, nem fale um negócio desses porque vai me dar um troço. MORTE: E vai mesmo. E é agora! PAI: Nem me fale. MORTE: Sabe o que o outro vai fazer? Vai levar sua mulher na praia. PAI: Não! MORTE: Itacaré!
  6. 6. PAI: Não! MORTE: Você já levou sua mulher pra um jantar a luz de velas? Cinema? PAI: Não, levei não! MORTE: Ele vai levar! PAI: Não! MORTE: Vai já levou seus filhos na Disney? PAI: Não! MORTE: O outro vai levar. PAI: Escuta aqui? Porque vc cismou comigo hein? Tem tanto bandido por aí precisando morrer e vc vem logo pra cima de mim? Eu não sei se vc sabe, eu sou empresário honesto, trabalhador, cumpridor dos meus deveres, contribuo para o crescimento do meu país, pago os meus impostos em dia. MORTE: Todo mundo é assim. PAI: Leva os bandidos que tão por aí, que tem demais! Fernandinho beira mar, sei lá! MORTE: Moço, deixa de ficar empurrando os outros rapaz, chegou a sua vez meu fi, óh.... É hoje! PAI: É aquele velho ditado neh, pra morrer basta tá vivo. MORTE: E é. PAI: Ouh senhorita! MORTE: Senhorita não, rapaz! Êeê Eu já tô apelando com vc rapaz. PAI: Eu num tô pronto pra morrer não.
  7. 7. MORTE: Eu já tô uma morte meio cansada já, já tô querendo pedir aposentadoria. Rapaz eu já tô cansado de tirar motoqueiro, de meia em meia hora um motoqueiro morrer e eu óh.... É rapaz! Arruma logo que eu vim te buscar! PAI: Pelo amor de Deus, por tudo que é mais sagrado, me deixa viver aqui pelo menos mais 20 anos. MORTE: C ta louco rapaz, 20 anos é uma eternidade! PAI: Ta bom, 10 anos então. MORTE: É muito. PAI: Gente, mas que morte difícil de negócio, meu deus do céu. Pelo amor de deus, me dê 5 anos. MORTE: Cinco! PAI: Ainda bem, 5 anos. MORTE: Cinco dias. PAI: 5 dias? MORTE: Isso pra vc repensar sua vida. Restaurar sua vida com Deus. Cuidar do seu casamento, dar atenção e carinho aos seus filhos, sendo um ótimo pai. Ver se valeu a pena ganhar tanto dinheiro, correr tanto, pra não levar nada. Já viu falar que caixão não tem gaveta? Num vai levar nada. E ocês que tão me olhando aí, o dia de vcs vai chegar e eu vou óh... (olhando pro pai) 5 dias, óh! .... O pai adormece enquanto a morte vai saindo. De repente o pai acorda: PAI: Meu Deus, que sonho mais estranho esse que tive! O filho entra: PAI: Filho, está aqui o dinheiro que você havia me pedido. Está feliz meu filho?
  8. 8. FILHO: Puxa pai, muito obrigado (disse o filho retirando mais dez reais do bolso). Agora já completei o dinheiro. Tenho 20 reais. O senhor poderia me vender uma hora do seu tempo? PAI: (emocionado) Me perdoe filho, mas não precisamos disso, a partir de hoje vou me dedicar mais a você e te dar o tempo que precisar. Eu te amo, filho. FILHO: Eu também te amo, pai. O pai grita. PAI: Meu bem, querida! Filha, quero ver vocês! Entra a esposa e filha: PAI: Querida, eu fui um pouco grosso com vc aquela hora. Você me desculpe viu. Eu estive pensando sobre aquilo que vc me falou, sobre passear. Nós vamos! Vou tirar férias, vamos passear, ir a Igreja juntos, agradecer a Deus pela nossa vida, nossa família. Me perdoa, Senhor, pelo tempo que perdi. MÃE: Mas que notícia boa, meu bem. Mas me diga, o que te fez mudar de idéia? PAI: Ah, querida, a vida é muito curta neh? MÃE: Realmente: PAI: Éh, vc está aqui agora mas pode tá morto daqui a 5 dias. PAI: Filhinha, eu te amo, vou brincar com você sempre que possível, ta bom? A filha vira pra boneca e diz: FILHA: Ta vendo lilí, olamos pa papai blincar comigo e papai do céu respondeu. Vira pra platéia e diz: FILHA: Deus abençoe todos os papais pelo seu dia.
  9. 9. Créditos: Esta peça contém trechos retirados do espetáculo “A morte” de Nilton Pinto e Tom Carvalho.
  10. 10. Créditos: Esta peça contém trechos retirados do espetáculo “A morte” de Nilton Pinto e Tom Carvalho.

×