Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Antiguidade oriental mesopotâmia net

3,274 views

Published on

Slides da aula de Mesopotâmia.

Published in: Education
  • Be the first to comment

Antiguidade oriental mesopotâmia net

  1. 1. MesopotâmiaProfª. Karoline de Oliveira Rebouças
  2. 2. Localização geográfica: A Mesopotâmia localizava-se,basicamente, onde atualmente é oterritório iraquiano. A leste e aoeste encontram-se desertos (doIrã, da Síria e da Jordânia); aonorte, montanhas e desertosturcos; ao sul, o golfo Pérsico e odeserto da Arábia. Os rios Tigre e Eufrates eram a fonte de vida dosdiversos povos mesopotâmicos, que também viviamda agricultura praticada em suas margens.
  3. 3. “Terra entre rios” Ao contrário do Nilo, os rios Tigre e Eufrates, cujas fontes estão nas montanhas das atuais Armênia e da Turquia, têm cheias não muito regulares e, por vezes, violentas (daí surgirem, nessa região, as primeiras narrativas de dilúvios). Governos centralizados → construção de diques para defender as plantações de cheias devastadoras. Alta Mesopotâmia (norte) → região mais árida e montanhosa X Baixa Mesopotâmia (sul) → região fértil, mas com poucas matérias-primas resistentes (como rochas e madeira). Sucessivas invasões ao território (diferentemente do Egito) → sucessão de diferentes reinos e impérios.
  4. 4. POVO LÍDER CIDADE(S) CARACTERÍSTICASSumérios Patesi (rei) Ur, Uruk, Escrita cuneiforme; Zigurates Nippur, LagashAcádios Sargão I Idem aos Unificação; sumériosAmoritas Hamurábi Babilônia Código de HamurábiAssírios Assurbanipal Assur, Nínive ViolênciaCaldeus Nabucodonossor Babilônia Conquistas territoriais; construções (Jardins Suspensos).
  5. 5. Estrutura Social REIGOV. LOCAL SACERDOTES COMERCIANTES (Patesi) GUERREIROS CAMPONESES ARTESÃOS ESCRAVOS
  6. 6. Economia: agrícola (principal), com comércio eartesanato desenvolvidos;Servidão coletiva;Propriedade da terra = deuses– Sacerdotes + políticos + imperador = intermediários entre homens e deuses;Cultura: identificação de movimentos de planetas,previsão de eclipses, diferenciação entre planetas eestrelas, domínio da multiplicação, divisão, raizquadrada, raiz cúbica, divisão da circunferênciaem 360 graus, divisão do ano em 12 meses,semana em 7 dias e dias com 12 horas;Maiores contribuições:- ESCRITA CUNEIFORME- CÓDIGO DE LEIS.
  7. 7. Religião mesopotâmica Politeísmo → as principais divindades eram os astros (Sol, Lua, algumas estrelas). Astrologia → como forma de conhecer a vontade dos deuses); Desenvolvimento da astronomia e da geometria. www.mesopotamia.co.uk/gods/home_set.html www.mesopotamia.co.uk/astronomer/home_set.html
  8. 8. Sumérios e acádios(3.000-2.000 a.C.) Ocupação da Caldéia (Baixa Mesopotâmia), a partir do ano 3.000 a.C.; Surgimento de cidades independentes, como Ur, Uruk e Lagash, governada por reis (sumérios); Criação da escrita cuneiforme (sumérios); Surgimento de cidades no centro da Mesopotâmia, como Agadê, Sipar e Babilônia (acádios). www.mesopotamia.co.uk/tombs/home_set.html www.mesopotamia.co.uk/ziggurats/home_set.html
  9. 9. Primeiro Império Babilônico(2.000-1750 a.C.) Criado pelos invasores amoritas, tendo como capital a cidade da Babilônia; Primeiro conjunto de leis (Código de Hamurabi) – lei de talião; Lei de Talião- Louvre
  10. 10. Período Intermediário(1.750-1.300a.C.) Declínio do poder amorita; Reorganização da Mesopotâmia em cidades independentes, como ocorrera antes 2.000 a.C.
  11. 11. Império Assírio(1.300-612 a.C.) Originário da Alta Mesopotâmia (Assíria), tendo como capital a cidade de Nínive; Mais famoso e importante exército da Antiguidade Oriental Dominadores de vastas áreas (incluindo toda a Mesopotâmia, a Síria, a Palestina e o Egito); Conhecidos pela extrema crueldade. www.mesopotamia.co.uk/palaces/index.html www.mesopotamia.co.uk/warfare/home_set.html
  12. 12. Segundo Império Babilônico(612-539 a.C.) Famoso pelo rei Nabucodonosor, citado várias vezes no Antigo Testamento (sobretudo pela destruição da cidade de Jerusalém); Construção dos Jardins Suspensos da Babilônia Dominado pelos persas, em 539 a.C.

×