Powerlogic java ee open-source

488 views

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
488
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Powerlogic java ee open-source

  1. 1. O histórico do Java Open-Source na iniciativa privada, no governo e o futuro Juarez Barbosa Junior juarez.junior@powerlogic.com.br UFLA - III Semana Acadêmica
  2. 2. Roteiro Powerlogic Histórico do Java – linha do tempo Movimento Open-source Open-source 2.0 Powerlogic jALM Suite jCompany Developer Suite Projetos Nacionais e que migraram para Open-Source Solution Providers e Parcerias Evolução e tendências Demonstração jCompany Q&A
  3. 3. - De Limitada em 1994…- Cliente/Servidor Corporativo - Pioneirismo  PowerBuilder 1o. Certificado América Latina (1994)  Downsing e Desligamento de Mainframes  Frameworks e Metodologia  Soluções de Segurança e Rotinas Batch.- eBusiness – Pioneirismo!  CNI - Indicadores Econômicos (1997)  Java Application Server (1998)  Portais Corporativos (EIP - 1999)  J2EE e Open-Source 2.0 (2002)…a Sociedade Anônima em 2004
  4. 4. • -Em 2003, o BNDES contemplou a Powerlogic com aporte de capital dentro do programa PROSOFT, um reconhecimento não somente de suas qualidades de gestão, contábeis e administrativas, como também um aval à capacidade da empresa de engendrar com sucesso suas estratégias de produto e marketing.• Em 2007, a SOFTEX reconheceu a qualidade e eficácia dos processos de desenvolvimento Ágeis utilizados pela Powerlogic, conferindo-lhe o selo de qualidade MPS.Br Nível F (equivalente ao CMMI Nível 2).
  5. 5. Java – linha do tempo 1991 Início do projeto Green MS-DOS é o sistemaoperacional Telefones celularespesam meio Kg 1992 Nasce a linguagem"Oak" Nasce o "Duke" 1993 O projeto Green muda onome para FirstPerson Mosaic v1.0 liberado
  6. 6. Java – linha do tempo•1994•WebRunner liberado – primeirobrowser suportando objetos emmovimento e conteúdo•1995•Tecnologia Java liberada para umgrupo restrito através do sitewicked.neato.org•O Jornal San Jose Mercury Newspublica uma reportagem de capasobre a tecnologia Javatechnology•O nome muda oficialmente de"Oak" para "Java"•Java anunciada no eventomundial Sun World - tecnologiaJava é oficialmente anunciadapara o mundo
  7. 7. Java – linha do tempo 1996 Primeira conferência JavaOne JDKtm 1.0 liberado 1997 220,000 downloads do JDK 1.1em apenas três semanas JavaOne atrai 8,000 participantes,torna-se maior conferênciamundial de desenvolvedores desoftware Criada tecnologia Java Card 2.0 1998 JDK 1.1 atinge 2 milhões dedownloads Visa lança primeiro smart cardbaseado em Java Card Criado o Java CommunityProcess (JCP)
  8. 8. Java – linha do tempo 1999 Código fonte do Java 2 liberado JavaOne atrai 20,000 participantes J2EE beta liberado 2000 Mais de 400 JUGs no mundo Java Developer Connection atinge1.5 milhões de participantes 2001 Primeiro JavaOne Japão Mais de 1 milhão de downloads doJava EE SDK 2002 J2EE SDK atinge 2 milhões dedownloads 78% dos executivos aponta J2EEcomo a tecnologia mais efetiva paraconstruir e disponibilizar Webservices
  9. 9. Java – linha do tempo 2003 Java está presente em mais de 550milhões de desktops Quase 75% dos desenvolvedoresde software profissionais utilizaJava como linguagem principal 2004 Java 2 Platform, Standard Edition 5(Tiger) liberado, torna-se Java SE 5 A sonda espacial Spirit,desenvolvida com tecnologia Javapousa em Marte2005 Java comemora o décimoaniversário 4.5 milhões de desenvolvedoresutilizam tecnologia Java Mais de 2.5 bilhões de dispositivosJava disponíveis mundialmente
  10. 10. Java – linha do tempo 2006 Richard Green anuncia no JavaOne2006 que todo o código do Java seráliberado como Open-Source Liberado o NetBeans IDE 5.0, grandeevolução do IDE Sun torna libera vários componentescomo Open-source através do projetoGlassfish 2007 Java SE e Java ME também liberadoscomo Open-source. 2008 Java SE e Java ME também liberadoscomo Open-source. Liberado Java SE 6, Java SE 7 beta 2009 Oracle anuncia a compra da SunMicrosystems
  11. 11. Open-source Distribuição livre Código fonte Trabalhos Derivados Integridade do autor do códigofonte Não discriminação contrapessoas ou grupos Não discriminação contra áreasde atuação Distribuição da Licença Licença não específica à umproduto Licença não restrinja outrosprogramas Licença neutra em relação atecnologia http://www.opensource.org
  12. 12. Movimento Open-source “Lei de Moore”: a capacidade dohardware continua a dobrar acada dois anos, sem aumento doscustos, custos, e com ela tambémo espaço de inovação dosoftware. Software é difícil, porque não seconsegue atualizar osprofissionais de desenvolvimento,na mesma velocidade em que aspossibilidades se atualizam. “(...) É por isso que não existe Leide Moore para software. Chipspodem dobrar de capacidade acada ano ou dois; nossoscérebros não.” Ref. A1.1. ScottResenberg, em Dreaming in Code[Rosenberg, Scott 2007].
  13. 13. Movimento Open-source Empresas cujo foco não sejadesenvolvimento de software têmpartido para a terceirização quasetotal desta expertise tecnológica...O problema é que este modelo dedistanciamento da tecnologia logoexpõe as suas falhas. O ritmo deevolução dos terceiros também élimitado; de qualquer modo serápreciso de um bom nível dedomínio técnico, para se gerenciarterceirizações no nível adequadode detalhe. Este modelo nãoelimina o risco - será precisogerenciá-lo, enfrentando oproblema cultural
  14. 14. Movimento Open-source Muitos compradores de “Fábricasde Software” estão hoje recebendoverdadeiras aplicações “bomba-relógio” de seus fornecedores,construídas rapidamente para umprojeto só, mas difíceis ouimpossíveis de serem mantidasque não por seu criador. Com talnível de variabilidadeimplementada por cadadesenvolvedor terceirizado, maisapropriado seria chamarmos estesmodelos de “Artesanatos deSoftware”.
  15. 15. Movimento Open-source Arquiteturas pobres, falta decriatividade e de inovaçãosinérgica entre tecnologia enegócios, são outros fatoressempre presentes, quando adistância cultural entre aspessoas de negócio e as detecnologia é muito grande... Nofim, não há como nos furtarmosà pergunta da Era doConhecimento: “Como domarnovas tecnologias e convertê-las em inovação para osnegócios?”
  16. 16. Movimento Open-sourceSoftware se constrói comoutros softwares –considerar uma soluçãomadura e homologada,padrões e soluções desoftware que ajudem aosarquitetos edesenvolvedores de softwarea resolver problemascorporativos, na velocidadedos tempos atuais.Open-Source 2.0
  17. 17. Open-Source 2.0- Open Source 1.0 - Free and Collaborative Software (“Romântica”)  GNU Project, Free Software Foundation, Apache Software Foundation  Jakarta, SourceForge  Oportunidades para quebras de oligarquias, redução de dependências e acesso à inovação.- Open Source 1.5 - Free Software; Commercial Services (“Cavalo de Tróia”) Fonte: Delphi Group Março/2004
  18. 18. Open-Source 2.0- Open Source 2.0 - Qualidade Comercial, Vantagens do Código Aberto  De “mais barato” para “melhor”.  Fornecedor assume responsabilidade para desenvolver extensões, testar e homologar produtos Open Source, oferecendo embalagem, documentação, suporte e treinamento com qualidades comerciais.  “Free” (Livre) x “Open Source” (Código Aberto).  Licença “Managed Open Source”  Exs: RedHat Network, Powerlogic Fonte: Delphi Group Março/2004
  19. 19. Open-Source 2.0- Qualidade Comercial, Vantagens do Código Aberto Professional J2EE Open Source Integração Especialização Homologação Documentação Metodologia Suporte (Opção 24 x 7) Treinamento Mentoring Fábrica Consultoria em Geral
  20. 20. Powerlogic jALM Suite
  21. 21. Powerlogic jALM Suite Comunicação e Colaboração Comunicação e Colaboração Processos Corporativos e Gerência de Projetos Processos Corporativos e Gerência de Projetos Segurança e MonitoriaDesenvolvimentoDesenvolvimento Controle de Qualidade Segurança e Monitoria em Produção
  22. 22. Powerlogic jALM
  23. 23. Cenário Atividade Ferramenta EnvolvidoProcesso de Gerente de Qualidade de eCompany Processdesenvolvimento de software ProcessoPlanejamento do projeto eCompany Process Gerente de ProjetoAnálise: Casos de uso, eCompany Process x EA Analista de Requisitosrequisitos - RastreabilidadeDesenvolvimento Design eCompany Process x EA xPattern – jCompany Desenvolvedor jCompany DeveloperDeveloperDesenvolvimento de casos eCompany Process x Analista de Teste e Testerde teste jCompany QA Gerente de Qualidade /Integração Contínua jCompany QA ConfiguraçãoPublicação no portal eCompany Portal x Gerente de Projeto eCompany ProcessAcompanhamento – eCompany Process x Gerente de Projeto e Infra-estatísticas e monitoria jMonitor estruturaAcompanhamento - Contact eCompany Portal Todos - stakeholdersCenter
  24. 24. Desenvolvimento sem Framework Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Módulo Z Módulo Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio B Application Server Java EE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  25. 25. Uso de projetos open-souce sob demanda Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Módulo Z Módulo Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio B DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Leiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server Java EE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  26. 26. Desenvolvimento de framework e projeto simultaneamente Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Módulo Z Módulo Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bc Framework para Reuso Integrado – Generalização Commodity e da Empresa DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Leiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server Java EE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  27. 27. Arquitetura Corporativa Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Módulo Z Módulo Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bd Framework para Reuso Integrado – Generalização da Empresac Framework para Reuso Integrado – Generalização Commodity DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Leiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server Java EE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  28. 28. jCompany Developer SuiteSolução Multidimensional para maximizar a produtividade e a qualidade no desenvolvimento Java EE Open-Source
  29. 29. jCompany: Arquitetura Corporativ Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Aplicação Z Aplicação Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bd Empresa – Camada Bridge (“Última Milha”)c jCompany - Framework de Integração (“Penúltima Milha”) DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Leiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server JavaEE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  30. 30. jCompany: Arquitetura Corporativ Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Aplicação Z Aplicação Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bd Empresa – Camada Bridge (“Última Milha”)c jCompany - Framework de Integração (“Penúltima Milha”) DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Laiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server JavaEE 5 (Web e EJB Containers)a Infra-Estrutura Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  31. 31. jCompany: Arquitetura Corporativ Aplicação A Aplicação A Aplicação B Aplicação B Aplicação C Aplicação C … …e Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Módulo Z Módulo Z do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bd Empresa – Camada Bridge (“Última Milha”)c jCompany - Framework de Integração (“Penúltima Milha”) Arquitetura DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Laiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server JavaEE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Infra-Estrutura Sistema Operacional (Windows, Linux)
  32. 32. jCompany: Solução Corporativa Aplicação A Aplicação A Aplicação N Aplicação N Ferramentas, Utilitáriose Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável … … Módulo N Módulo N Processo, Padrões do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio Bd Empresa – Camada Bridge (“Última Milha”)c jCompany - Framework de Integração (“Penúltima Milha”) Arquitetura DOJO/Ajax CSS JBoss Seam EJB3/POJO Hibernate/JPAb Apache Trinidad Laiautes Tiles JSF/Struts Cglib AOP ... Application Server JavaEE 5 (Web e EJB Containers)a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Infra-Estrutura Sistema Operacional (Windows, Linux)
  33. 33. jCompany: Arquitetura IDE Aplicação A Aplicação A … … Orienta jCompany Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Patterns & Methods Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio B Gera Constrói & Libera UsaTemplates Customizáveis para Geração de Projetos, Artefatos, Construção e Liberação d c Geração de Projetos e Artefatos segundo o Processo Construção e Liberação Hibernate Red Hat Studio Derby Maven Plug-in Console b WTP Quantum DB Subversive ... Eclipse IDE Maven 2.x a Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  34. 34. jCompany Test for Developer Aplicação A Aplicação A … … Testa Testes de Unidade Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Da Aplicação Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável do Negócio A do Negócio A do Negócio B do Negócio B Produz, Constrói & Liberac Framework Light para Testes de Unidade MVC-P Stubsb JUnit EasyMock Coverage Eclipse IDE Maven 2.xa Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) Sistema Operacional (Windows, Linux)
  35. 35. Arquitetura MVC-P Qualquer Cliente Browser Celular, Palm XML, Integração Camada de VisualizaçãoServidor A Camada de Controle Camada de Modelo Camada de ModeloServidor B Camada de Persistência Camada de PersistênciaQualquer SGBD
  36. 36. Arquitetura em Camadas do jCompany
  37. 37. jCompany FreejCompany FS Framework – Community & Intl VersionFramework de Integração de Alto Nível (Última Milha)
  38. 38. Uma Solução Para Cada Necessidade jCompany Developer Professional Suite Licença Open-Source Gerenciada POSLv2 (Comercial com Liberdade & QA) R$ 600,00 (1 licença por CPF/CNPJ, via download) Framework + Plugins Eclipse + Gerência de Configuração Gerência de Configuração diferenciada (40 produtos OSS integrados instalados e evoluídos como uma única versão) Repasses de Responsabilidade e Garantia para a Powerlogic ...
  39. 39. Uma Solução Para Cada Necessidade jCompany Developer Enterprise Suite Licença Open-Source Gerenciada POSLv2 (Comercial com Liberdade & QA) Framework + Plugins Eclipse + Gerência de Configuração + Testes de Unidade + Padrões e Métodos Gerência de Configuração diferenciada (60 produtos OSS integrados instalados e evoluídos como uma única versão) Repasses de Responsabilidade e Garantia para a Powerlogic Suporte e Serviços Especializados (Treinamento, Mentoria, Etc.) ...
  40. 40. Projetos Nacionais
  41. 41. Case Nacional – TST
  42. 42. Sudeste e Centro Oeste
  43. 43. Sudeste e Centro Oeste
  44. 44. Sudeste e Centro Oeste
  45. 45. Norte e Nordeste
  46. 46. Sul
  47. 47. Solution Provider
  48. 48. Parceria Red Hat View Controller Model/Persistance N Aplicação A E Aplicação A Aplicação B Aplicação B … … G Ó4 C Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável Módulo Reutilizável (WAR) Módulo Reutilizável (WAR) … Módulo Reutilizável (JAR) Módulo Reutilizável (JAR) I … De Negócio (JAR) A … … de Visão (WAR) A de Visão (WAR) A de Controle (WAR) B de Controle (WAR) B C C De Negócio (JAR) A BB O A3 Cliente – Generalização do Contexto R Q U jCompany FS Framework “Core” – Generalização Commodity I T E2 Ajax/DOJO CSS BIRT JSF 1.2 EJB3 JPA/Hibernate T U JSF - R Tiles ... JBoss Seam ... jBPM ... A Apache Trinidad JBoss Application Server I N1 Java Virtual Machine (JVM 1.5.x) F R Sistema Operacional (Red Hat Enterprise Linux) A1. Red Hat: Infra-Estrutura 2. Powerlogic: Arq. Básica 3. Cliente: Arq. Avançada 4. Componentes Negócio
  49. 49. Evolução e Tendências “Futurologia em TI é algo tãodifícil quanto em qualquer outraárea, com uma diferença: em TIo futuro chega mais cedo” Previsões de curto prazo(próximos 2 anos) IDEs para ALM – além deintegrar atividades básicas deconstrução em si (edição,compilação, montagem,liberação e depuração), deveráintegrar todas as interações dodesenvolvedor com o Processode Desenvolvimento deSoftware (PDS) organizacional.
  50. 50. Evolução e Tendências Filosofia extensível de plugins doEclipse - redefiniu o poder dealcance de IDEs IDEs Java++ (além do Java) -suporte a SOA (SCA, SDO,Composite Apps), Web (Ruby onRails, Ajax, Flash), Mobile, etc IDEs Open-Source para ALM IDEs auto-configuráveis - Manteras centenas de plugins ecomponentes reutilizados em um“IDE para ALM” será um grandedesafio IDEs “nas nuvens”: “Cloudcomputing”, “SaaS”, “Web 2.0” -IDEs “remotas” com “configuraçãointeligente”, gestão earmazenamento centralizados ehomologados

×