Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Sipi2013

315 views

Published on

Apresentação realizada no SIPI 2013, organizado pelo NIPI da UFGD, nos dias 20 e 21 de agosto, em Dourados/MS

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Sipi2013

  1. 1. 1 Empresas Juniores: uma base para a incubação de empresas José Ricardo Patelli Júnior SIPI 2013 - Dourados/MS – agosto 2013
  2. 2. 2 O que é EJ • Objetivos • Experiência • Oportunidades Habitat de Inovação Incubadora de Empresas • Conceito • Objetivos • Importante Empreendedorismo Uma Visão Empresas Juniores: uma base para a incubação de empresas
  3. 3. 3 • associação civil, sem fins lucrativos; • formada por alunos de nível superior; • apoiada por seus professores; • com o objetivo de aplicar as teorias recebidas em aula; • através de serviços de consultoria prestados à comunidade; • a preços reduzidos; • atendendo empresários, profissionais liberais, pessoas físicas e empreendedores. OqueéEmpresaJúnior
  4. 4. 4 • promover o desenvolvimento técnico e acadêmico; • promover o desenvolvimento econômico e social da comunidade, através de suas atividades; EmpresaJúnior:objetivos • fomentar o espírito empreendedor; • promover o contato dos alunos com o mercado de trabalho; • promover o desenvolvimento pessoal e profissional.
  5. 5. 5 A EJ é funcional em dois sentidos*: • primeiramente, para quem já é formado na universidade e quer começar como empreendedor, utilizando o apoio da empresa júnior para iniciar seu negócio; • em um segundo, também ajuda os alunos na própria formação, pois serve como base de estágio. Os membros efetivos tem cargos (presidência, diretoria e gerência) e aprendem, nesta multidisciplinaridade, a tomar conta do negócio e a ensinar as pessoas. EJ:umaexperiência Vanda Oliveira, coordenadora da empresa JR. da Universidade Cruzeiro do Sul Os alunos tem de lidar com os clientes e com os projetos desenvolvidos internamente, além de cuidar do funcionamento da própria empresa.
  6. 6. 6 Aprendizado de rotina de uma empresa e agilidade na captação de informações, saindo da universidade preparado para enfrentar o mercado de trabalho. Desenvolvimento profissional e maturidade, exposição ao relacionamento com outras pessoas que pensam de formas diferentes, tem ideias distintas. Desenvolvimento do senso de responsabilidade, através da negociação e observação de prazos. Desenvolvimento comportamental, a atuação em uma organização exige trabalho em equipe, comunicação e facilidade de relacionamento. Capacita os estudantes ao mercado de trabalho, sendo uma grande oportunidade para pequenos empresários. Os alunos são orientados por professores e o preço da consultoria júnior é menor do que o de mercado. EJ:Oportunidades
  7. 7. 7 "Arranjo interinstitucional com instalações e infra-estrutura adequadas, estabelecido para estimular e facilitar a vinculação empresa-universidade e outras instituições acadêmicas.“* IncubadoradeEmpresas- HabitatdeInovação * Vedovello, C. aspectos relevantes de parques tecnologicos e incubadoras de empresas. Revista do BNDES, RJ, v7 n14, p. 273-300, Dez. 2001. É uma ferramenta na geração de empresas competitivas, por meio do escoamento da produção científica e tecnológica, oriunda das Universidades e Centros de excelência, para o mercado. Atua na capacitação de empresas agregando novas tecnologias produtivas e de gestão.
  8. 8. 8 Incubadorade:conceito As Incubadoras de empresas são organizações que podem estar vinculadas as instituições de ensino públicas ou privadas, prefeituras, e com iniciativas empresariais independentes. A sustentação de um programa de incubação se alicerça no incentivo a cultura empreendedora, ao conhecimento e a inovação. É o mesmo sentido das incubadoras de hospitais. Assegurando as funções vitais das empresas ‘recém-nascidas’ com problemas específicos, suportando o nascimento, desenvolvimento e amadurecimento. O desenvolvimento adequado e fortalecimento de novos empreendimentos é proporcionado por meio de facilidades e apoio aos empreendedores: consultorias especializadas, orientações e capacitações gerenciais, acesso a conhecimento, estrutura física, infraestrutura operacional, administrativa e técnica.
  9. 9. 9 Incubadorade:objetivo Acelerar o processo de criação de micro e pequenas empresas aumentando suas chances de sobrevivência. Os objetivos específicos são alinhados com as expectativas regionais e locais: • reforçar o espírito empreendedor; • capacitar os empresários; • estimular a associação entre as Universidades e as Empresas; • estimular a parceria entre as Empresas; • apoiar a geração de empregos e de renda; • apoiar a introdução de novos produtos, processos e serviços no mercado; • facilitar o acesso a tecnologias; • apoiar projetos de revitalização de empresas; • consolidar micro e pequenas empresas que apresentem potencial de crescimento.
  10. 10. 10 Incubadoras:importante “A existência de um ensino de empreendedorismo talvez seja um dos principais fatores que determinarão o sucesso de uma incubadora de empresas em certa região. Sem empreendedores, não há incubadoras de empresas.”* * DORNELAS, J. C. A. Planejando incubadoras de empresas: como desenvolver um plano de negócios para incubadoras. 2. ed. Rio de janeiro: Campus, 2002.
  11. 11. 11 Empreendedorismo Empreender é uma das quatro funções básicas no processo de tomada de decisões das gerências das organizações ou instituições, além das funções de produzir, administrar e integrar.* Está associado à questão de antecipação do futuro, do planejamento, da ousadia e identifica-se com as perguntas: “por que fazer?”, “para que fazer?”, “quando fazer” e “onde fazer”. Assim, as atividades empreendedoras são aquelas que exigem, para sua realização, uma categoria de pessoas sonhadoras e inovadoras, com capacidade de trabalho, espírito de liderança, coragem para assumir riscos, enfim, pessoas imbuídas do desejo de transformar sonhos em soluções. O empreendedor é curioso, obstinado, criativo, proativo e otimista, acreditar em si próprio sem desmerecer ninguém. * Ichak Adizes, estudioso iugoslávo da área da administração empresarial radicado nos Estados Unidos.
  12. 12. 12 UmaVisão Sociedade, Mercados Regional, Nacional e Global Universidade e Centros de Pesquisa Centros Tecnológicos Centros de Referência em Inovação Incubadora Parque TecnológicoEJ
  13. 13. 13 Muito obrigado

×