Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
 
Belém – PA 06/maio/2002
Introdução As usinas hidrelétricas passaram a ser utilizidas na Europa á partir de 1860.Apesar de terem suas vantagens, em...
Como funciona uma Hidrelétrica 1ª-  A água do rio é retida pela barragem de concreto, formando uma repressa; 2ª-  A água r...
UHE TUCURUÍ UHE SAMUEL UHE BALBINA UHE COARACY  NUNES UHE CURUÁ-UNA Localização UHE BELO MONTE
População Beneficida
As usinas e seus impactos <ul><li>A Amazônia possui um ecossistema frágil. Os solos são pobres e a floresta vive de seu pr...
UHE Tucuruí <ul><li>Localização: Rio Tocantins, no Pará; </li></ul><ul><li>Gerou, no total, 236.629.110 MWH de energia; </...
UHE Tucuruí <ul><li>Para remover a madeira submersa, Tucuruí utilizará motosseras hidráulicas. </li></ul><ul><li>A água de...
UHE Tucuruí Rio Tocantins Área inundada
UHE Balbina <ul><li>Localizada no rio Uatumã, em Manaus. </li></ul><ul><li>A n tes de sua existência , Manaus era abasteci...
UHE Balbina <ul><li>É uma tragédia ambiental, devido á área inundada de cerca de 240 mil hectares, e a muitas espécies de ...
UHE Samuel <ul><li>A usina hidrelétrica de Samuel construída no Rio Jamari,  em Rondônia  possui uma área inundada de 584,...
UHE Samuel <ul><li>A usina de Samuel teve sua construção iniciada em 1982 e ainda não está concluída. </li></ul><ul><li>È ...
UHE Coaracy Nunes <ul><li>L ocalizada no estado do Amapá ,   no rio Araguari . </li></ul><ul><li>A primeira missão da Elet...
UHE Coaracy Nunes <ul><li>A  usina começou a gerar energia 21 anos depois da concessão outorgada ao governo do território ...
UHE Curuá-Una <ul><li>A 70 Km de Santarém está instalada a usina hidrelétrica de Curuá-Una, no rio de mesmo nome. </li></u...
UHE Curuá-Una <ul><li>É  necessário o monitoramento da qualidade da água de forma que se crie subsídios que permitam o con...
UHE Belo Monte  <ul><li>A  usina poderá gerar 11 mil MW ,   acima até mesmo de Itaipu, a maior hidrelétrica brasileira e d...
UHE Belo Monte <ul><li>A s obras desse porte só serão aceitas e incorporadas se as sociedades locais forem convencidas de ...
UHE Belo Monte <ul><li>Imagens virtuais da futura usina hidrelétrica de Belo Monte, projetadas no Rio Xingu </li></ul>
Conclusão Mesmo que valesse a pena provocar os distúrbios nesses rios para atender a demanda imediata de fornecimento de e...
Agradecimentos
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Usinas hidrelétricas

22,956 views

Published on

As usinas hidrelétricas passaram a ser utilizidas na Europa á partir de 1860.Apesar de terem suas vantagens, em detrimento de outras formas de obtenção de energia, acabam por se destacar nos grandes impactos sócios-ambientais. Assim, a construção de uma hidrelétrica na Amazônia não representa apenas o desenvolvimento econômico, com a geração de energia. Pode-se afirmar que as usinas colaboram para a geração de energia voltadas aos grandes projetos da Amazônia, os quais benefeciam o mercado externo.

Usinas hidrelétricas

  1. 2. Belém – PA 06/maio/2002
  2. 3. Introdução As usinas hidrelétricas passaram a ser utilizidas na Europa á partir de 1860.Apesar de terem suas vantagens, em detrimento de outras formas de obtenção de energia, acabam por se destacar nos grandes impactos sócios-ambientais. Assim, a construção de uma hidrelétrica na Amazônia não representa apenas o desenvolvimento econômico, com a geração de energia. Pode-se afirmar que as usinas colaboram para a geração de energia voltadas aos grandes projetos da Amazônia, os quais benefeciam o mercado externo.
  3. 4. Como funciona uma Hidrelétrica 1ª- A água do rio é retida pela barragem de concreto, formando uma repressa; 2ª- A água repressada se escoa por uma tubulação em declive e move as pás da turbina. 3º- Ao girar a turbina move o eixo do gerador, produzindo energia elétrica; 4ª- Através de cabos instalados em altas torres, a energia elétrica é distribuida.
  4. 5. UHE TUCURUÍ UHE SAMUEL UHE BALBINA UHE COARACY NUNES UHE CURUÁ-UNA Localização UHE BELO MONTE
  5. 6. População Beneficida
  6. 7. As usinas e seus impactos <ul><li>A Amazônia possui um ecossistema frágil. Os solos são pobres e a floresta vive de seu próprio material orgânico.O equilíbrio é instável e sua preservação, complexa.Uma perturbação qualquer, a menor imprudência, pode causar danos irreversíveis: co mo exemplo temos a construção de hidrelétricas. As principais hidrelétricas da Amazônia são: </li></ul>
  7. 8. UHE Tucuruí <ul><li>Localização: Rio Tocantins, no Pará; </li></ul><ul><li>Gerou, no total, 236.629.110 MWH de energia; </li></ul><ul><li>Beneficia 11 milhões de habitantes e irá ampliar o atendimento com suas novas unidades geradoras; </li></ul><ul><li>Responsável pelo desaparecimento da flora e fauna Amazônica, inundando as florestas e deixando torras de madeira no Lago Tucuruí; </li></ul><ul><li>Abastece a produção de minério de ferro de Carajás e a produção de alumínio do sistema Albrás-Alunorte; </li></ul>
  8. 9. UHE Tucuruí <ul><li>Para remover a madeira submersa, Tucuruí utilizará motosseras hidráulicas. </li></ul><ul><li>A água de seu reservatório tornou-se ácida causando problemas em suas turbinas; </li></ul><ul><li>Há a presença de nuvens de moscas, devido as emanações do Lago; </li></ul>
  9. 10. UHE Tucuruí Rio Tocantins Área inundada
  10. 11. UHE Balbina <ul><li>Localizada no rio Uatumã, em Manaus. </li></ul><ul><li>A n tes de sua existência , Manaus era abastecida de energia produzida por termoelétricas que queimavam o petróleo. </li></ul><ul><li>Balbina é considerada uma tragédia econômica. Os custos para a sua construção foram elevados, pórem a quantidade de energia gerada é pequena. </li></ul>
  11. 12. UHE Balbina <ul><li>É uma tragédia ambiental, devido á área inundada de cerca de 240 mil hectares, e a muitas espécies de animais que habitavam o meio ecológico que foram extintas. </li></ul><ul><li>É uma tragédia social. Uma parte da sua enorme empresa inundou territórios que antes eram habitações indígenas. </li></ul>
  12. 13. UHE Samuel <ul><li>A usina hidrelétrica de Samuel construída no Rio Jamari, em Rondônia possui uma área inundada de 584,6 Km 2 e uma pot ência final 216MW. </li></ul><ul><li>A energia elétrica é um sério problema para a vida urbana em Rondônia. </li></ul>Àrea Inundada em maio/95 Área em novembro/98
  13. 14. UHE Samuel <ul><li>A usina de Samuel teve sua construção iniciada em 1982 e ainda não está concluída. </li></ul><ul><li>È responsável pelo abastecimento de cerca de 50% do estado, gerando 172,80 Mw. </li></ul><ul><li>Há projetos para a construção de uma usina com capacidade inicial de 237,70MW , e com a possibilidade de expansão da geração e do sistema para abastecer também o Acre. </li></ul>
  14. 15. UHE Coaracy Nunes <ul><li>L ocalizada no estado do Amapá , no rio Araguari . </li></ul><ul><li>A primeira missão da Eletronorte no campo da geração hidrelétrica foi a conclusão das obras da usina de Coaracy Nunes . </li></ul><ul><li>P rimeira hidrelétrica da Amazônia brasileira , entra ndo em operação comercial e m novembro de 1975 </li></ul>
  15. 16. UHE Coaracy Nunes <ul><li>A usina começou a gerar energia 21 anos depois da concessão outorgada ao governo do território do Amapá para promover o aproveitamento progressivo da cachoeira do Paredão. </li></ul><ul><li>Marcando o início da fase operativa da Eletronorte, a usina dispunha de duas unidades de 20 MW de potência cada uma. </li></ul><ul><li>Sua produção foi inteiramente destinada à Cea e entregue na subestação provisória de Santana . </li></ul>
  16. 17. UHE Curuá-Una <ul><li>A 70 Km de Santarém está instalada a usina hidrelétrica de Curuá-Una, no rio de mesmo nome. </li></ul><ul><li>Antes da construção da barragem foi a Cachoeira do Aru, submersa pelo lago das águas da hidrelétrica. </li></ul><ul><li>Em todo trecho próximo à represa do Curuá-Una há milhares de arvores mortas por falta de oxigenação das raízes. </li></ul>
  17. 18. UHE Curuá-Una <ul><li>É necessário o monitoramento da qualidade da água de forma que se crie subsídios que permitam o controle das modificações registradas quando o ambiente natural for mais uma vez alterado. </li></ul><ul><li>O s moradores da área próxima à usina chegaram ao local com as frentes de trabalho para a construção da hidrelétrica. </li></ul><ul><li>O não desmatamento de todo trecho inundado provocou a liberação de ácidos, inclusive acido sulfidrico, que poluíram a água. </li></ul>
  18. 19. UHE Belo Monte <ul><li>A usina poderá gerar 11 mil MW , acima até mesmo de Itaipu, a maior hidrelétrica brasileira e do mundo. </li></ul><ul><li>Terá aumentado em quase 20% a capacidade atualmente instalada de energia em todo país. </li></ul><ul><li>Vários povos indígenas , que conservavam a floresta , terão sua áreas atingidas. </li></ul><ul><li>Organizadores, que combatem a execução da obra, reivindicam um estudo melhor do seu significado e dos impactos que ir á causar. </li></ul>
  19. 20. UHE Belo Monte <ul><li>A s obras desse porte só serão aceitas e incorporadas se as sociedades locais forem convencidas de que serão beneficiadas e não prejudicadas. </li></ul><ul><li>O Ministério Público questiona a elaboração do estudo de impacto ambientais da obra . </li></ul><ul><li>O presidente Fernando Henrique Cardoso anunciou que as execução do projeto, com custos estimado de 6,5 bilhões de dólares, serão iniciado em outubro, ainda em sua administração. </li></ul>
  20. 21. UHE Belo Monte <ul><li>Imagens virtuais da futura usina hidrelétrica de Belo Monte, projetadas no Rio Xingu </li></ul>
  21. 22. Conclusão Mesmo que valesse a pena provocar os distúrbios nesses rios para atender a demanda imediata de fornecimento de energia, o país dificilmente terá dinheiro para arcar com custos de despoluição para aproveitamento das águas no futuro. Os grandes aproveitamentos energeticos a ser realizados tendem a ser situados em regiões predominantemente naturais, de alta biodiversidade, como na Ama zô n ia.A perda do ambiente natural tem graves conseqüências para a estrutura social e cultural das comunidades.
  22. 23. Agradecimentos

×