Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
AS CORES NA PROPAGANDA TELEVISIVA E FORMAÇÃO DE LEITORESO presente trabalho, que faz parte do Projeto Institucional de Bol...
You’ve finished this document.
Download and read it offline.
Upcoming SlideShare
Enoc martinez fotos montajes 11211
Next
Upcoming SlideShare
Enoc martinez fotos montajes 11211
Next
Download to read offline and view in fullscreen.

Share

Resumo millaine

Download to read offline

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all

Related Audiobooks

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to like this

Resumo millaine

  1. 1. AS CORES NA PROPAGANDA TELEVISIVA E FORMAÇÃO DE LEITORESO presente trabalho, que faz parte do Projeto Institucional de Bolsa de Iniciação aDocência (PIBID) / Letras – Língua Materna da Universidade Federal do Pampa(UNIPAMPA), campus Jaguarão, enfoca sua análise na utilização da cor no gênerodiscursivo/textual propaganda televisiva. Partindo do princípio de que é necessário queos alunos tenham consciência dos vários níveis de significação dos textos, “isto é,mostrar-lhes que, além de significação explícita, existe toda uma gama de significaçõesimplícitas, muito mais sutis, diretamente ligadas à intencionalidade do produtor.”(KOCH, 2002, p. 160), é fundamental considerar que as diferentes cores utilizadas nessegênero são intencionais e que os conhecimentos prévios do leitor interferem naprodução de sentidos. O gênero discursivo/textual propaganda televisiva tem por meta avenda de produtos através da indução ao consumo. Assim, o objetivo preponderantedesse trabalho é apresentar uma análise preliminar sobre a influência da utilização decor na propaganda, bem como seu significado dentro dela e como essas cores podeminfluenciar na escolha de um determinado produto. Sabendo que leitura é um processocognitivo que exige não somente a decodificação de palavras, mas também envolveinformações não-visuais (Liberato e Fulgêncio, 2007), analisaremos, primeiramente,propagandas televisivas da empresa de telefonia Oi, bem como as cores empregadasnelas. Após, aplicaremos um estudo piloto a 17 alunos, com idades entre 12 e 15 anosde idade, do 6º ano do Ensino Fundamental de uma escola estadual da cidade deJaguarão, no qual utilizaremos data show, caixas de som e computador e, porconseguinte, verificaremos, através da escolha dos alunos pelas cores existentes emdiferentes imagens de propaganda da mesma empresa telefônica, se há ou não essainfluência, fazendo com que os alunos entendam de forma crítica o motivo de talutilização. Nosso pressuposto é que o leitor menos proficiente tende a ser influenciadopelo uso dessas cores, uma vez que, nem sempre esse leitor consegue refletir sobre asestratégias de produção utilizadas nesse gênero. Portanto, um dos aspectos relevantespara a aplicação deste trabalho é a necessidade de se enfocar no ensino da leitura aformação do leitor crítico, pois a proficiência da leitura encontra-se interligada aoconhecimento linguístico e os conhecimentos prévios do aluno. Dessa forma, éimportante abordar essa questão em sala de aula, principalmente no que se refere aoensino de Língua Portuguesa.Palavras-chave: Leitura; Leitor crítico; Cor;

Views

Total views

188

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

1

Actions

Downloads

1

Shares

0

Comments

0

Likes

0

×