Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Game Design & Desing Instrucional

Palestra durante o VI Seminário Jogos Eletrônicos, Educação e Comunicação: Construindo Novas Trilhas. 06/05/2010, Uneb - Salvador.

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all

Game Design & Desing Instrucional

  1. 1. Games Educacionais &Design Instrucional<br />João Mattar<br />UNEB – 06/05/2010<br />
  2. 2. Relationship Among Terms Associate with Instruction<br /> SMITH, Patricia L.; RAGAN, Tilman J. Instructional design. 3rd ed. Hiboken, NJ: John Wiley & Sons, 2005.<br />
  3. 3. Education without Instruction<br /> SMITH, Patricia L.; RAGAN, Tilman J. Instructional design. 3rd ed. Hiboken, NJ: John Wiley & Sons, 2005.<br />
  4. 4. Constructivist Learning<br />LINDEMAN, Michael. Concept Maps, Instructional Design, and Constructivism. LindemanoneLearning, 2005. Blog post.<br />
  5. 5. Aprendizado Tangencial<br />Não é o que você aprende ao ser ensinado, mas o que aprende por ser exposto a coisas, em um contexto no qual você está envolvido. <br />Permitir e facilitar o aprendizado com games, em vez de ensinar. Sem sermos forçados a aprender, e estando envolvidos com o game, temos mais probabilidade de aprender. <br />A ideia de aprendizado tangencial considera que uma parte da sua audiência se auto-educará, caso você facilite sua introdução a assuntos que possam lhe interessar, em um contexto que ela considere excitante e envolvente.<br />http://www.youtube.com/watch?v=rN0qRKjfX3s<br />
  6. 6. GoodVideo Games + GoodLearning<br />http://blog.joaomattar.com/2009/07/10/good-video-games-good-learning-collected-essays-on-video-games-learning-and-literacy/<br />
  7. 7. Professor Game Designer<br />O uso de games em educação não significa o fim da função dos professores. <br />A dicotomia entre instrução e orientação, de um lado, e imersão, de outro, é falsa. <br />Games envolvem muita orientação, e o importante não é o game na caixa, mas o Game, uma combinação entre o game na caixa e o sistema social e de aprendizado construído ao redor dele.<br />Como os designers de games, os professores têm que ser designers de sistemas de aprendizado.<br />
  8. 8. Pedagogia Pós-Progressiva<br />Professor acompanha os alunos jogarem e então desenvolve recursos de apoio e orientações adicionais, estimulando-os a interpretar os eventos que estavam ocorrendo na tela e fazer previsões sobre como eles imaginavam que a simulação se comportaria. <br />Esse movimento do professor para tornar o uso do game adequado James Gee denomina pedagogia pós-progressiva (post-progressivepedagogy).<br />
  9. 9. MovingLearning Games ForwardTheEducationArcade<br />Não ignore nem se limite muito ao treinamento e à disponibilidade do professor.<br />O aluno deve ser capaz de começar a jogar sem a ajuda do professor. <br />Não se deve pressupor que o professor seja um expert no jogo. <br />O que o game deve fornecer ao professor é suporte para ele relacionar a experiência do aluno com o game ao currículo. <br />O jogo deve ser desenhado de maneira que os professores possam avaliar com facilidade experiências de jogo específicas, sem necessariamente terem que entrar tanto no jogo como os alunos.<br />Dessa maneira, é possível introduzir o uso de games em educação sem necessariamente reformular todo o sistema educacional.<br />http://education.mit.edu/papers/MovingLearningGamesForward_EdArcade.pdf<br />
  10. 10. Tríade<br />Manual orientando o professor a como utilizar o jogo em sala de aula e como se posicionar para obter melhores resultados de aprendizagem. <br />
  11. 11. Design de Games x DI<br /><ul><li>“Designers de games têm uma melhor compreensão sobre a natureza do aprendizado do que designers de currículos” - SeymourPapert
  12. 12. “Assim que você acrescenta um designer instrucional em uma equipe [de game design], a primeira coisa que eles fazem é arrancar a diversão.”
  13. 13. Incorporar princípios do design de games (como gameplay, interatividade, capacidade de personalização e colaboração) ao DI</li></li></ul><li>Adventure Learning<br />Produção de ambientes de <br /> aprendizagem de aventura online híbridos<br />ArcticTransect 2004 (AT2004) - 2003 e 2004 - Nuvavut, Canadá Ártico<br />Conectou 3.000.000 alunos ao redor do mundo. <br />Novos projetos: GoNorth e GeoThentic, para o aprendizado de geografia e ciências sociais no ensino fundamental e médio. <br />
  14. 14. De Mattar<br />http://blog.joaomattar.com<br />http://twitter.com/joaomattar<br />http://www.slideshare.net/joaomattar<br />

×