Tarefa 5 Tabela Rbe

346 views

Published on

Published in: Technology, Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
346
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Tarefa 5 Tabela Rbe

  1. 1. Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares<br />Metodologias de operacionalização (Parte II)<br />Tarefa 5<br />Grelha<br />Joana Generoso / Formanda da turma 8<br />D. Gestão da BED.1. Articulação da BE com a Escola. Acesso e serviços prestados pela BEIndicadoresFactores críticos de SucessoInstrumentos de recolha de Evidências SugeridosEvidências extraídas dos instrumentos a integrar no Relatório de Auto - AvaliaçãoD.1.1. Integração da BE na Escola -A escola inclui a BE na formulação e desenvolvimento da sua visão/ missão, princípios e objectivos estratégicos e de aprendizagem.-O professor bibliotecário tem assento no Conselho Pedagógico.-São desencadeadas acções com vista à partilha, discussão e aprovação da missão e objectivos da BE nos órgãos de administração e gestão, departamentos curriculares e demais estruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica.-O Regulamento Interno da Escola contempla os seguintes aspectos:*missão e objectivos da BE;*organização funcional do espaço;Organização e gestão dos recursos de informação;*Gestão dos recursos humanos afectos à BE;-Serviços prestados à comunidade escolar no âmbito do Projecto Educativo;-Regimento do funcionamento da BE-A BE adequa os seus objectivos, recursos e actividades ao currículo nacional, ao PCE e aos PCT.-O plano de desenvolvimento da BE acompanha, em termos de acção estratégica, o PEE e outros projectos.- O PAA da BE relaciona-se, em termos de objectivos operacionais, com o apoio ao currículo, com o PAAE e com outros projectos em desenvolvimento. - Projecto Educativo de Escola;-Regulamento Interno da Escola;-Plano Anual de Actividades da Escola - Projecto Curricular de Escola- Projectos Curriculares de Turma-Documentos que regem o funcionamento da BE:*Regulamento e Regimento Interno;*Plano Anual de Actividades da BE;-Registos de reuniões (conselho pedagógico, reuniões da equipa da BE; reuniões de departamento/área disciplinar, Registos dos contactos informais com os professores-Estatísticas de utilização da BE;-Questionários aos professores;-Questionários aos alunos;-Recolha de sugestões; - No PEE é reconhecida a importância da BE;- O RI prevê objectivos e missão da BE, funcionamento e composição da equipa, competências do professor bibliotecário, nomeação do AO e horário da BE;- O PCE refere a BE como um recurso ao seu desenvolvimento e às suas actividades;- O PAA da BE integra-se no PAA da escola, em articulação com o PEE;- A BE conhece os projectos a desenvolver pelos docentes;-O professor bibliotecário tem uma participação activa no C. Pedagógico contribuindo para a afirmação e valorização do papel da BE, no seio da comunidade educativa;- Os resultados da estatística de utilização comprovam a utilização da BE por um maior ou menor número de alunos e professores;- Dados percentuais resultantes dos questionários atestam ou não a intervenção adequada da BE;<br />IndicadoresFactores críticos de SucessoInstrumentos de recolha de Evidências SugeridosEvidências extraídas dos instrumentos a integrar no Relatório de Auto - AvaliaçãoD.1.2. Valorização da BE pelos órgãos de direcção, administração e gestão da escola.-Os órgãos de administração egestão (conselho geral, director,conselho pedagógico) apoiam a BEe envolvem-se na procura desoluções promotoras do seufuncionamento.-Os órgãos de administração egestão põem em prática uma políticade afectação de recursos humanosadequada às necessidades dedesenvolvimento da BE.- Os órgãos de administração egestão (director, conselhopedagógico) e os departamentoscurriculares estabelecem estratégiasvisando a articulação entre a BE e asdemais estruturas de coordenaçãoeducativa e de supervisãopedagógica.-A escola contempla a BE e osseus recursos nos projectos eactividades educativas e curriculares.Os órgãos de administração egestão atribuem uma verba anualpara a renovação de equipamentos,para a actualização da colecção epara o funcionamento da BE.-A escola encara a BE como recurso fulcral no desenvolvimento do gosto pela leitura, na aquisição das literacias fundamentais, na progressão nas aprendizagens e nosucesso escolar.-Os docentes valorizam o papelda BE e integram-na nas suaspráticas de ensino/aprendizagem.- Documentos de gestão da escola.-Documentos de gestão da BE.-Entrevista/questionário ao director(CK1).-Excertos de actas de apresentação de projectos/relatórios ao ConselhoPedagógico; -Determinações/recomendações do Conselho Pedagógico.-Registos de projectos/actividadesenvolvendo trabalho na/com a BE. –-Estatísticas de utilização da BE. -O professor Bibliotecário reúne informalmente, sempre que necessário com a direcção.-A directora manifesta clara disponibilidade para a resolução de problemas ligados ao bom funcionamento da BE. -A direcção afectou à BE uma assistente operacional a tempo inteiro.-No Conselho pedagógicos são divulgadas as actividades e parcerias da BE.-A BE divulga os seus recursos.-Não existe uma efectiva articulação entre a BE e as outras estruturas.-A BE não possui uma verba anual para aquisição de documentos.- Os professores recorrem à BEquando da realização de trabalhos de pesquisa.<br />IndicadoresFactores críticos de SucessoInstrumentos de recolha de Evidências SugeridosEvidências extraídas dos instrumentos a integrar no Relatório de Auto - AvaliaçãoD.1.3.Resposta da BE às necessidades da escola. -A BE funciona num horáriocontínuo e alargado que possibilita oacesso dos utilizadores no horáriolectivo e acompanha as necessidadesde ocupação em horário extra lectivo.-As BE no agrupamento são geridas de forma integrada, rentabilizando recursos, possibilidades de acesso aprogramas e projectos.-Os recursos e serviços da BErespondem às metas e estratégiasdefinidas no projecto educativo,projecto curricular e outros projectos.-A BE cria condições e é usadacomo recurso e como local de lazer ede trabalho.-A BE apoia os utilizadores noacesso à colecção, aos equipamentos, à leitura, à pesquisa e ao uso da informação.-A BE planifica com docentes,departamentos curriculares e demaisestruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica.-A BE desenvolve projectos com a escola-A BE assume-se como pólo defomento e de difusão cultural.-Horário da BE.-Estatísticas de utilização da BE.-Registos de reuniões/contactos.-Registos de projectos/actividades.-Questionário aos docentes (QD3).-Livro/Caixa de sugestões/reclamações -O horário da BE sempre que possível cobre todo o horário de funcionamento da escola.-Os alunos utilizam com frequência o espaço da BE.-A BE é utilizada como recurso, como local de trabalho mas também como espaço de lazer.-Os utilizadores sugerem e apresentam críticas.-A PB procura sempre dar resposta às necessidades dos utilizadores.-A BE dinamizou actividades em articulação com os professores responsáveis pelo PNL.-A BE organizou e dinamizou actividades de desenvolvimento cultural e promotoras de uma cidadania activa.<br />IndicadoresFactores críticos de SucessoInstrumentos de recolha de Evidências SugeridosEvidências extraídas dos instrumentos a integrar no Relatório de Auto - AvaliaçãoD.1.4. Resposta da BE às necessidades da escola -A BE implementa um sistema de auto-avaliação contínuo.-Os órgãos de direcção, administração e gestão são envolvidos no processo de autoavaliação da BE.-Os instrumentos de recolha de informação são aplicados, de forma sistemática, e no decurso do processo de gestão.-A informação recolhida é analisada e os resultados da análise/avaliação originam, quando necessário, a redefinição de estratégias, sendo integrados no processo de planeamento.-Os resultados da auto-avaliação são divulgados junto dos órgãos de direcção, administração e gestão(conselho geral, director, conselho pedagógico), estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica, e da restante comunidade, com o objectivo de promover e valorizar as mais-valias da BE e de alertar para os pontos fracos do seu funcionamento.-São realizadas actividades de benchmarking.-A auto-avaliação da escola integra os resultados da auto-avaliação da BE.Informação recolhida com recursoao sistema automatizado de gestãobibliográfica.- Registos de observação,questionários, entrevistas ou outrosrealizados no âmbito da avaliação daBE.-Excertos de documentaçãorecolhida. -A BE procedeu à recolha quantitativa e qualitativa de informação.-A PB fez o tratamento de todos os documentos inerentes à auto-avaliação.-A PB apresentou os resultados estatísticos dos dados recolhidos.-Foram identificados os pontos fortes e os pontos fracos.-Foi dado a conhecer ao órgão de gestão e estruturas pedagógicas os resultados da avaliação.-O PAA e o PA contempla um conjunto de melhorias a implementar no próximo ano lectivo.<br />

×