Joomla! para iniciantes - Evidosol 2011

728 views

Published on

Published in: Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
728
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Joomla! para iniciantes - Evidosol 2011

  1. 1. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011. JOOMLA! PARA INICIANTES Djonatan Buss (UFPel) Jerônimo Median Madruga (UFPel)RESUMO: A disseminação da internet no mundo ocasionou uma explosão na procura de ferramentas paracriação de conteúdo online. No primeiro momento, grande parte dessas ferramentas necessitavam de umagrande quantidade de conhecimento técnico (como saber HTML, CSS e PHP), além de consumirem muitotempo e mão de obra na implementação das mesmas. Com a evolução das tecnologias, surgiram os sistemasde gerenciamento de conteúdo (CMS), sistemas desenvolvidos especificamente para simplificar as atividadesrelacionados a criação e manutenção de websites. Entre as principais ferramentas criadas para esta finalidade,uma das alternativas mais utilizadas mundialmente é o Joomla!, um CMS de código aberto facilmenteextensível e que atende grande parte das necessidades dos usuários. Essa palestra visa explicar esta evoluçãotecnológica, explicando o que é um CMS, e por fim abordar o Joomla!, citando suas características,requisitos e detalhes sobre a sua mais nova versão lançada este ano.ABSTRACT: The dissemination of internet in a global scale triggered an raising interest in tools specializedin creating online content. In the first moment, most of these tools needed a great amount of technicalknowledge (like knowing HTML, CSS and PHP), besides that, they also required a lot of time and workforce to implement them. With the evolution of technology, the content management systems (CMS) werecreated. Those systems were specifically developed to simplify the activities related to the creation andmaintenance of websites. Among the most known software created to do this, one of the most worldwideused alternatives is Joomla!, a open source CMS that is easily extensible and satisfies most of the usernecessities. This talk aims to go trough this technological evolution, explaining what is a CMS, and talkingabout Joomla!, listing its characteristics, requisites and details about its newly released version.Introdução Um dos marcos dos anos 90 foi a expansão do acesso a internet. A redução dos custosligados as tecnologias ligadas a área das telecomunicações em conjunto com as medidas fiscaisincentivando produtos informatizados acabaram por alavancar a criação de conteúdos voltados paraweb. Porém, as primeiras ferramentas voltadas para criação destes conteúdos eram relativamentecomplexas e consumiam muito tempo entre o aprendizado e a manutenção das mesmas. Tambémhaviam problemas ligados a restrições das plataformas de desenvolvimento mais avançadas, queacabavam restringindo a forma correta de exibição de conteúdo para apenas alguns poucosnavegadores na época, por falta de respeito aos padrões da W3C (World Wide Web Consortium),órgão responsável pela criação de padrões e protocolos que garantam interoperabilidade em http://gkosmos.com/evidosol/
  2. 2. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011.aplicações voltadas para a web. Com todos estes empecilhos, a criação de sites profissionais ficavarestrita a programadores com bom conhecimento de HTML (HyperText Markup Language), CSS(Cascading Style Sheets) e alguma linguagem de programação, como PHP (PHP: HypertextPreprocessor) ou Perl (Practical Extraction and Report Language). Esse panorama começa a ser alterado com a criação e evolução dos sistema degerenciamento de conteúdo (CMS). Os CMSs surgiram para facilitar as tarefas ligadas aadministração de sites, agregando ferramentas voltadas para gerenciar aspectos visuais, deconteúdo, de programação, ferramentas de terceiros e de acessibilidade, de forma única e dinâmica.A ideia é a criação de uma plataforma que facilite a execução de tarefas triviais como a gerência deusuários e inserção de conteúdo, deixando que o maior esforço fique para a parte de customizaçãodo ambiente. Com o surgimento dessas ferramentas, muitas das complexidades inerentes da criaçãode um site foram abstraídas, possibilitando que usuários leigos pudessem mostrar suas ideias semgrandes complicações. Ao mesmo tempo, programadores profissionais podem concentrar seu tempodesenvolvendo novas funcionalidades para os sistemas.Joomla! Entre as diversas ofertas de CMSs hoje em dia, o Joomla se destaca pela grande quantidadede extensões (ferramentas desenvolvidas por terceiros que podem ser integradas facilmente aosistema) e por um ótimo sistema de organização de conteúdo. O Joomla é um software livre cujonome é uma palavra adaptada foneticamente da palavra "Jumla” na língua Swahili para o Inglês.Jumla significa “tudo junto" ou “como um todo". O Joomla! foi criado por um grupo dedesenvolvedores dissidentes de outro projeto de CMS de código livre, o Mambo. Insatisfeitos com afalta de oportunidade de contribuição da comunidade, em 2005 eles decidiram criar um novoprojeto que fosse mais transparente e aberto a contribuições, e assim criaram a entidade sem finslucrativos "Open Source Matters", que até hoje é responsável por gerenciar o desenvolvimento doJoomla. Com o apoio de uma grande comunidade de desenvolvedores, facilidade de uso,disponibilidade de diversos recursos e ótimo design, o Joomla se tornou uma das referências paraCMSs, assim como o WordPress e o Drupal. Em comparação a estes dois sistemas, o Joomla acaba http://gkosmos.com/evidosol/ 2
  3. 3. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011.sendo uma ferramenta mais genérica, facilmente adaptada para uso desde portais a hotsites (sitesutilizados em campanhas publicitárias), enquanto o WordPress é uma plataforma mais focada nacriação de blogs e o Drupal se destaca como uma plataforma altamente customizável, mas querequer um maior conhecimento técnico para o bom funcionamento da mesma. O sistema do Joomla é composto fundamentalmente de uma base de dados MySQL(utilizada para armazenamento de configurações), templates (nome dado para o modelo do visual dapágina) utilizando CSS (facilitando assim o desenvolvimento da parte visual) e da linguagem PHP(para gerenciar os aspectos ligados a programação), sendo constituído assim somente decomponentes livres. A licença do Joomla é a GPL (General Public License), o que permite que o software sejacopiado, modificado e distribuído. Com isso, a base do Joomla é aberta e livre para quem tiverinteresse, enquanto extensões e templates desenvolvidos por terceiros podem escolher qualquerforma de distribuição, seja ela paga ou gratuita, mas desde que seja distribuída de acordo com asregras da licença GPL versão 2 ou superior. Com todas estas características, o Joomla se tornou um dos exemplos mais bem sucedidosde software livre. São mais de 1 milhão de pessoas contribuindo com código (seja para a base doJoomla ou extensões) e se estima mais de quarenta milhões de sites utilizando a ferramentamundialmente. Podemos destacar que não somente usuários comuns utilizam Joomla, mas órgãoscomo o MEC, universidades como Harvard e diversos jornais também o utilizam, mostrando amaturidade da plataforma.Conhecendo o interior do Joomla! A última versão do Joomla é a 1.6, porém, devido a ter sido lançada este ano, grande partedos sites e extensões ainda são direcionados para a versão 1.5. A versão de testes atual é a 1.7. A versão 1.5 foi lançada em 22 de janeiro de 2008, e atualmente já está na subversão 1.5.23.Está versão é a mais popular atualmente, conta com milhares de extensões de terceirosdesenvolvidas ao longo dos últimos dois anos. Apesar de não estar ser o foco dos desenvolvedoresdo projeto no momento, ela receberá atualizações de segurança no mínimo até Abril de 2012,garantindo tempo para o planejamento da migração de sites que ainda utilizam está versão. http://gkosmos.com/evidosol/ 3
  4. 4. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011. A versão 1.6 foi lançada em 10 de Janeiro de 2011, tendo como grandes destaques oaperfeiçoamento do sistema de controle de acesso, implementação de uma solução para categoriasaninhadas e a padronização da forma como são desenvolvidas extensões, utilizando um frameworkMVC (Model-view-controller). O suporte a está versão deverá acabar em janeiro de 2012, pois atransição para a versão 1.7 está sendo planejada para acontecer da maneira mais simples possível,visto que a versão 1.7 terá alteração mínima na estrutura do Joomla. A versão 1.7 já está no estágio Alpha, o que a classifica como imprópria para o uso emprodução (sites expostos a internet), logo, só deverá ser utilizada em ambientes de desenvolvimentopara iniciar os testes. A versão 1.7 marcará a separação da plataforma Joomla do CMS Joomla,possibilitando assim agregar componentes e formar novos produtos de forma mais simples, e semnecessitar utilizar todas as ferramentas que o CMS Joomla prove. É previsto que em 10 de Julho aversão 1.7 esteja disponível para o público. O Joomla é composto de duas partes distintas. Primeiro temos o frontend, que é a visão dosite para que está visitando o mesmo. O frontend pode estar acessível a qualquer um, ou tambémpode ser restringido seu acesso a usuários devidamente cadastrados no sistema. Posteriormente,temos o backend, que é a parte administrativa do Joomla. O acesso ao backend deve serobrigatoriamente restrito a pessoas habilitadas para administrar o ambiente, caso contrário podemocorrer invasões no sistema. De acordo com as configurações informadas no backend, podemosalterar o visual e os plugins disponíveis no frontend, customizando as funcionalidades e o visual dosite final. O pacote base do Joomla já prove diversas funcionalidades. Entre elas podemos destacar agerencia do conteúdo, que é conhecido como artigos. Artigos são armazenados no banco de dadosdo sistema, e podem ser organizados através do uso de categorias e seções, o que possibilita umahierarquia de até três níveis de informação (Seções, categorias e artigos). Outra funcionalidadeinteressante é a dos menus, que permitem gerenciar facilmente o acesso as diversas partes eferramentas em um site, ou até mesmo a sites e objetos externos. Também é importante citar o uso das extensões, que se dividem em componentes, módulos,plugins, templates e idiomas. Com isso, diversas funcionalidades não gerenciadas pela base doJoomla podem ser adicionadas, como por exemplo integração com redes sociais e tradução dofrontend e backend para outros idiomas. http://gkosmos.com/evidosol/ 4
  5. 5. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011.Instalação do Joomla! Para a utilização do Joomla, independente da versão, é necessário um servidor web (como oApache), com suporte a linguagem de programação PHP e ao banco de dados MySQL. Éimportante ressaltar que devem ser verificada quais as versões destes programas, pois podemocorrem problemas decorridos da utilização de versões não suportadas pelo Joomla. Para maioresinformações, consulte as notas de lançamento da versão que está sendo utilizada. Não existemrequisitos específicos sobre sistema operacional, ou seja, desde que os programas citadosanteriormente estejam devidamente instalados e configurados, Joomla deverá rodar tanto noWindows, Linux ou *BSD. A instalação consiste em extrair o pacote com os arquivos do Joomla, que devem ser obtidosna seção de download do site oficial do projeto. Os arquivos devem ser extraídos para um localacessível via rede, para então executar o script de instalação do Joomla através de um navegadorweb. Durante a instalação ele irá verificar se os pré-requisitos são atendidos, além de pedirinformações referentes a customização do ambiente (e-mail do administrador, usuário do banco dedados, acesso via FTP (File Transfer Protocol), nome do site, entre outros). A instalação tambémpermite que seja instalado conteúdo de exemplo no site recém criado, que pode ser utilizado para seacostumar as funcionalidades do sistema.Conclusões Contando com uma comunidade forte, uma base madura e diversas extensões que adicionamas funcionalidades mais variadas, Joomla acaba sendo uma ótima alternativa entre os CMS atuais.Isso acaba sendo uma realidade tanto para quem é leigo, quanto para aqueles com mais experiênciaem desenvolvimento, pois a diversidade de opções acabam propiciando que cada pessoa invista seutempo de acordo com seu conhecimento. A garantia que o código será sempre aberto ajuda aassegurar a possibilidade de dar manutenção ao projeto, e o foco na interoperabilidade prove acessopara as mais diversas pessoas em plataformas diferentes. http://gkosmos.com/evidosol/ 5
  6. 6. VIII EVIDOSOL/V CILTEC-online Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia online. V. 1, N. 1, junho de 2011.Para maiores informações sobre Joomla, visite as referências e visualize as apresentações que serãofornecidas em conjunto com este material.REFERÊNCIASSite oficial do Joomla!: http://www.joomla.orgInformações gerais sobre o projeto Joomla!: http://www.joomla.org/about-joomla/the-project.htmlDiretório de extensões do Joomla!: http://extensions.joomla.orgTutoriais de Joomla!: http://www.joomlatutorials.comDocumentação oficial do projeto Joomla!: http://docs.joomla.orgTwitter do projeto: http://twitter.com/joomlaGaleria de sites que utilizam Jooma!: http://community.joomla.org/showcaseFórum oficial: http://forum.joomla.orgInformações sobre a base do Joomla!: http://www.joomla.org/core-features.html http://gkosmos.com/evidosol/ 6

×