Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
ALUNO (a): ___________________________________________________________________
3ª Série do Ensino Médio
DATA: ___/____/___...
O pH do sangue varia entre 7,35 e 7,45, e uma alteração de apenas 0,4 unidades pode ser fatal. Durante uma
crise de ansied...
09. (UNIRIO/RJ) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro -
A - 2
B - 4
C - 6
D - 8
E - 10
10. (UFF/RJ) - Universidade Federal Fluminense - Sabe-se que: "A constante de hidrólise de um sal
derivado de ácido forte ...
Os gráficos indicam que:
A - no instante t2, a velocidade da reação direta é
igual da inversa;
B - após t1, não ocorre rea...
Os gráficos indicam que:
A - no instante t2, a velocidade da reação direta é
igual da inversa;
B - após t1, não ocorre rea...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Equilibrio quimico equação

8,427 views

Published on

Published in: Sports, Automotive
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Equilibrio quimico equação

  1. 1. ALUNO (a): ___________________________________________________________________ 3ª Série do Ensino Médio DATA: ___/____/_____ PROFESSOR: José Antônio Obs: Justifique todas as suas respostas. AVALIAÇÃO 01. (PUC-MG) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - A reação a seguir representa a oxidação do ferro em presença de ácido clorídrico: Fe(s) + 2HCl(aq) => FeCl2(aq) + H2(g) Qual ação apresentada a seguir não aumentará a velocidade dessa reação? A - a adição de um catalisador; B - o aumento da temperatura; C - o aumento da concentração de HCl; D - o aumento da pressão. 02. (PUC/CAMP) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas - Um refrigerante apresenta pH = 3. Isso significa que em 1 L dele há, em “liberdade” (H = 1): A - 3 g de íons H+; B - 3 mg de íons H+; C - 1 g de íons H+; D - 1 mg de íons H+; E - 10 mg de íons H+. 03. (PUC-PR) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná - O pH de uma solução 0,25 M de uma monobase que está 0,4% dissociada é: A - 13 B - 11 C - 9 D - 7 E - 5 04. (UFRGS) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul - O soluto que em água forma uma solução com pH maior que 7,0 é o: A - nitrato de amônio; B - gás carbônico; C - vinagre; D - cloreto de sódio; E - sabão. 05. (PUC-MG) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - No sangue do ser humano, existe o seguinte equilíbrio químico:
  2. 2. O pH do sangue varia entre 7,35 e 7,45, e uma alteração de apenas 0,4 unidades pode ser fatal. Durante uma crise de ansiedade ou de histeria, o ser humano respira de modo ofegante e seus pulmões perdem muito dióxido de carbono. Nessa situação, é CORRETO afirmar que: A - o equilíbrio da reação acima é deslocado para direita. B - o pH do sangue diminui. C - o sangue fica ácido. D - a injeção de uma solução de NH4Cl pode combater a perda de CO2. 06. (PUC-PR) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná - 07. (CESGRANRIO/RJ) - Fundação CESGRANRIO - 08. (PUC-RIO) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - A - B - C - D - E - A - 3,0 B - 5,0 C - 7,0 D - 9,0 E - 11,0 A - B - C - D - E -
  3. 3. 09. (UNIRIO/RJ) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - A - 2 B - 4 C - 6 D - 8 E - 10
  4. 4. 10. (UFF/RJ) - Universidade Federal Fluminense - Sabe-se que: "A constante de hidrólise de um sal derivado de ácido forte e de base fraca é igual à razão entre a constante de ionização da água (constante da autoprotólise) e a constante de ionização da base fraca, a uma dada temperatura." Em particular, considere uma solução de cloreto de amônio (NH4Cl) 0,10 M, admitindo que tal cloreto esteja completamente dissociado (α =100%) e que Kb =1,0 x 10–5. Neste caso, a solução do sal terá caráter: A - básico, devido à hidrólise do ânion; B - neutro, devido à hidrólise do cátion; C - básico, devido à hidrólise do cátion; D - ácido, devido à hidrólise do ânion; E - ácido, devido à hidrólise do cátion. 11. (AMAM/RJ) - Academia Militar das Agulhas Negras - A - B - C - D - 12. (MACKENZIE/SP) - Universidade Presbiteriana Mackenzie - Da reação acima equacionada, pode-se afirmar que o equilíbrio: A - desloca-se no sentido 2, se a pressão aumentar. B - desloca-se no sentido 1, se a concentração do Cl2 aumentar. C - desloca-se no sentido 1, se for adicionado um catalisador. D - desloca-se no sentido 2, se a concentração de gás oxigênio diminuir. E - não se altera, se a pressão diminuir. 13. (UFSCAR/SP) - Universidade Federal de São Carlos - Em um laboratório químico, um aluno identificou três recipientes com as letras A, B e C. Utilizando água destilada (pH = 7), o aluno dissolveu quantidades suficientes para obtenção de soluções aquosas 0,1 mol/L de cloreto de sódio, NaCl, acetato de sódio, CH3COONa, e cloreto de amônio, NH4Cl, nos recipientes A, B e C, respectivamente. Após a dissolução, o aluno mediu o pH das soluções dos recipientes A, B, C. Os valores corretos obtidos foram, respectivamente, A - = 7, > 7 e < 7 B - = 7, < 7 e > 7 C - > 7, > 7 e > 7 D - < 7, < 7 e < 7 E - = 7, = 7 e < 7 14. (UFG/GO) - Universidade Federal de Goiás - Os seguintes gráficos apresentam variáveis de uma reação química.
  5. 5. Os gráficos indicam que: A - no instante t2, a velocidade da reação direta é igual da inversa; B - após t1, não ocorre reação; C - no instante t1, a reação atingiu o equilíbrio; D - a curva 4 corresponde à velocidade da reação inversa; E - no ponto de intersecção das curvas 3 e 4, a concentração de produtos é igual à de reagentes. 15. (UEMS)- Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - No equilíbrio químico genérico AB <=> A + B, em uma temperatura constante, temos que a concentração de AB é de 10-4 mol.L-1 e para cada uma das outras substância é de 10-2 mol.L-1 . Através destes valores, podemos dizer que o valor da constante de equilíbrio para esta equação é: A - 102 B - 10 C - 1 D - 10-1 E - 10-2 DESAFIO! 16. São misturados 2 mols de gás hidrogênio (H2) com 3 mols de gás cloro (Cl2) num recipiente fechado de V litros de capacidade, a certa temperatura. Calcular o valor da constante de equilíbrio para a formação do gás HCl, sabendo que 80% do gás hidrogênio reagiu. R@ 18,3
  6. 6. Os gráficos indicam que: A - no instante t2, a velocidade da reação direta é igual da inversa; B - após t1, não ocorre reação; C - no instante t1, a reação atingiu o equilíbrio; D - a curva 4 corresponde à velocidade da reação inversa; E - no ponto de intersecção das curvas 3 e 4, a concentração de produtos é igual à de reagentes. 15. (UEMS)- Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - No equilíbrio químico genérico AB <=> A + B, em uma temperatura constante, temos que a concentração de AB é de 10-4 mol.L-1 e para cada uma das outras substância é de 10-2 mol.L-1 . Através destes valores, podemos dizer que o valor da constante de equilíbrio para esta equação é: A - 102 B - 10 C - 1 D - 10-1 E - 10-2 DESAFIO! 16. São misturados 2 mols de gás hidrogênio (H2) com 3 mols de gás cloro (Cl2) num recipiente fechado de V litros de capacidade, a certa temperatura. Calcular o valor da constante de equilíbrio para a formação do gás HCl, sabendo que 80% do gás hidrogênio reagiu. R@ 18,3

×