Certificação Digital (Conceitos e Tendências)

2,711 views

Published on

Published in: Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,711
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
15
Actions
Shares
0
Downloads
138
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Certificação Digital (Conceitos e Tendências)

  1. 1. Jairo Barros Junior jairobjunior@gmail.com Faculdade de Alagoas (FAL)
  2. 2.  A Internet  A certificação digital  Assinatura digital  Criptografia  Certificado digital  Criando certificado digital - Grátis  Enviando e-mail assinado e criptografado 2
  3. 3.  Segurança da informação sempre foi uma preocupação (criptografia).  Aumento da utilização do meio eletrônico para transações sigilosas.  Comércio Eletrônico, e-mail seguro, troca de documentos em geral. 3
  4. 4.  Em busca da informação confiável  Autenticação ▪ Saber com quem se comunica.  Privacidade ▪ Proteção de informações sigilosas contra acesso não autorizado.  Integridade dos dados ▪ Detectar alterações não autorizadas. ▪ Hash - MD5, SHA-1, SHA-2 ...  Não repúdio ▪ Criar uma prova incontestável da transação. 4
  5. 5.  Criptografia Simétrica  Criptografia Assimétrica 5
  6. 6.  A chave utilizada para criptografar é a mesma utilizada para a decriptografar.  Vantagens:  Mais rápido que a criptografia assimétrica.  Mais apropriados para grandes arquivos de dados.  Chaves simples.  Desvantagens:  Há o perigo da chave ser interceptada por terceiros durante seu compartilhamento. 6
  7. 7. Fonte: www.linux.ime.usp.br 7
  8. 8.  Par de chaves único para cada pessoa (pública e privada).  Uma chave é matematicamente ligada à outra e é muito difícil de ser quebrada (dependendo do algoritmo e do número de bits utilizados na sua geração). 8
  9. 9.  Vantagens:  Maior segurança, pois a chave compartilhada é a pública. Não existe problema em sua distribuição, o próprio nome já diz, ela é pública.  Desvantagens:  Geralmente mais lentos que os algoritmos de criptografia simétrico. 9
  10. 10. Fonte: Mundo Java, 28, ano V 10
  11. 11. 11 Fonte: Mundo Java, 28, ano V
  12. 12.  Documento eletrônico que identifica pessoas físicas e jurídicas e também servidores.  Contém a chave pública do titular.  Autoridade Certificadora (AC)  Autoridade Registradora (AR) 12
  13. 13. 13
  14. 14. 14
  15. 15. Passo a passo: http://www.takenami.com.br/2007/03/27/assinatura-digital-com-certificado-gratuito/ 15
  16. 16.  Medida Provisória nº 2.200-2  Resumo de mensagem – Hash  TimeStamp  XMLDsig  SSL 16
  17. 17.  O uso da Certificação Digital diminui custos, tempo, volume de papéis e aumenta a confiabilidade dos processos. 17
  18. 18.  ICPBRASIL - https://www.icpbrasil.gov.br/  ITI - http://www.iti.gov.br/  Thawte - http://www.thawte.com/  CERTISIGN - http://www.certisign.com.br/  Mundo Java – Revista número 28, ano V. 18
  19. 19. Obrigado! 19

×