Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
 
São vírus, bactérias ou outros micróbios que são transmitidos, principalmente, nas relações sexuais.  Doenças Sexualmente ...
Quem pode pegar DST? Qualquer um pode pegar uma doença sexualmente transmissível, porém, o risco é maior em pessoas que tr...
Conseqüências das DST <ul><li>Facilitam a transmissão sexual do HIV (vírus da AIDS); </li></ul><ul><li>Algumas DST, quando...
DSTs que causam FERIDAS
Herpes genital <ul><li>Região corpórea:   </li></ul><ul><li>Genital ou anal. </li></ul><ul><li>As feridas podem durar de 1...
Herpes genital
Cancro mole - cancróide Região corpórea:  Genital, anal ou anogenital; <ul><li>É mais comum nos homens; </li></ul><ul><li>...
Cancro mole - cancróide
Linfogranuloma venéreo <ul><li>Também conhecido como LGV (Linfogranuloma venéreo); </li></ul><ul><li>Ferida nos órgãos gen...
Linfogranuloma venéreo
Donovanose  (Granuloma inguinal) <ul><li>Sinais e Sintomas: </li></ul><ul><li>Ferida de cor vermelha, sangramento fácil, m...
Donovanose
Sífilis Primária –   1ª fase (Cancro duro) <ul><li>Sinais e Sintomas: </li></ul><ul><li>Ferida única, indolor e caroço. </...
Sífilis Primaria –   1ª fase (Cancro duro)
Sífilis secundária –   2ª fase <ul><li>Os sintomas surgem até 6 meses após o contágio ou do aparecimento do cancro; </li><...
Sífilis secundária –   2ª fase
Sífilis terciária –   3ª fase <ul><li>Ocorre de um a vários anos após o contágio; </li></ul>Região corpórea: Pele, coração...
Sífilis congênita <ul><li>Aborto espontâneo, parto prematuro, baixo peso, infecções peri e neonatal e defeitos físicos con...
DSTs que causam CORRIMENTO
<ul><li>Infecções nas trompas e ovários, causando Doença Inflamatória Pélvica (DIP), pode causar esterilidade e até a mort...
Gonorréia e Clamídia   (cervical) <ul><li>Na gestação, podem ser transmitidas no parto, causando cegueira no bebê; </li></...
Tricomoníase OBS.: os parceiros, mesmo não apresentando sintomas, necessitam fazer o tratamento. Sinais e Sintomas: Corrim...
Vaginose bacteriana   (vaginal) Sinais e Sintomas: Corrimento branco-amarelado não muito intenso, cheiro ruim (“peixe podr...
Candidíase   (vaginal) Sinais e Sintomas: Corrimento de cor branca (leite coalhado), coceira intensa, ardência durante o a...
DSTs que causam VERRUGAS
Condiloma acuminado  (“Crista de Galo”) <ul><li>Causado pelo vírus HPV (Vírus do Papiloma Humano); </li></ul><ul><li>Cresc...
Condiloma acuminado  (“Crista de Galo”)
<ul><li>Reduzir o número de parceiros sexuais; </li></ul><ul><li>Enquanto você estiver com ferida no pênis, vagina ou ânus...
INFORME-SE PROCURE UM PROFISSIONAL DE SAÚDE !!
Rua 21 de Abril S/Nº - Centro Fone: (55) 3744-6922/4911/3244 Em anexo ao Posto de Saúde Central
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

DST

28,880 views

Published on

  • Be the first to comment

DST

  1. 2. São vírus, bactérias ou outros micróbios que são transmitidos, principalmente, nas relações sexuais. Doenças Sexualmente Transmissíveis O que são as DSTs?
  2. 3. Quem pode pegar DST? Qualquer um pode pegar uma doença sexualmente transmissível, porém, o risco é maior em pessoas que trocam freqüentemente de parceiro(a) sexual e que não usam preservativo (camisinha).
  3. 4. Conseqüências das DST <ul><li>Facilitam a transmissão sexual do HIV (vírus da AIDS); </li></ul><ul><li>Algumas DST, quando acometem gestantes, podem provocar aborto, prematuridade ou malformações. </li></ul><ul><li>Mais chances de ter câncer no colo do útero e no pênis; </li></ul><ul><li>Esterilidade no homem e na mulher; </li></ul><ul><li>Inflamação nos órgãos genitais do homem, podendo causar impotência; </li></ul><ul><li>Inflamação no útero, nas trompas e ovários da mulher, podendo complicar para uma infecção em todo o corpo, o que pode causar a morte; </li></ul>
  4. 5. DSTs que causam FERIDAS
  5. 6. Herpes genital <ul><li>Região corpórea: </li></ul><ul><li>Genital ou anal. </li></ul><ul><li>As feridas podem durar de 1 a 3 semanas, depois desaparecem mesmo sem tratamento; </li></ul><ul><li>Mesmo após o desaparecimento das feridas a pessoa continua infectada. </li></ul>Sinais e Sintomas: Ardência, coceira, vermelhidão, dor local, bolhas e feridas, inchaço, febre, corrimento vaginal ou secreção do pênis.
  6. 7. Herpes genital
  7. 8. Cancro mole - cancróide Região corpórea: Genital, anal ou anogenital; <ul><li>É mais comum nos homens; </li></ul><ul><li>Nas mulheres ocorre sangramento e corrimento vaginal; </li></ul><ul><li>Sangramento retal. </li></ul>Sinais e Sintomas: Feridas dolorosas, pus nos órgãos genitais, caroços na virilha que rompem e soltam pus;
  8. 9. Cancro mole - cancróide
  9. 10. Linfogranuloma venéreo <ul><li>Também conhecido como LGV (Linfogranuloma venéreo); </li></ul><ul><li>Ferida nos órgãos genitais de curta duração (de três a cinco dias); </li></ul><ul><li>Depois surgem caroços na virilha, que se rompem e soltam pus. </li></ul>Região corpórea: Vaginal, pênis, anal e virilha. Sinais e Sintomas: Abscesso, inchaço, dor, secreção purulenta.
  10. 11. Linfogranuloma venéreo
  11. 12. Donovanose (Granuloma inguinal) <ul><li>Sinais e Sintomas: </li></ul><ul><li>Ferida de cor vermelha, sangramento fácil, múltiplas lesões, indolor. </li></ul>Região corpórea: Vulva, períneo, região perianal e virilha. <ul><li>Pode causar deformidades genitais, elefantíase e tumores. </li></ul>
  12. 13. Donovanose
  13. 14. Sífilis Primária – 1ª fase (Cancro duro) <ul><li>Sinais e Sintomas: </li></ul><ul><li>Ferida única, indolor e caroço. </li></ul>Região corpórea: Grandes lábios, vagina, clitóris, períneo, colo do útero, glande e prepúcio. <ul><li>Os sintomas surgem de 1 a 12 semanas após o contágio, desaparecendo espontaneamente após 1 a 6 semanas; </li></ul><ul><li>Pessoas infectadas podem não apresentar sintomas; </li></ul><ul><li>Transmissão transplacentária ou hematogênica. </li></ul>
  14. 15. Sífilis Primaria – 1ª fase (Cancro duro)
  15. 16. Sífilis secundária – 2ª fase <ul><li>Os sintomas surgem até 6 meses após o contágio ou do aparecimento do cancro; </li></ul><ul><li>Não coçam, mas podem surgir ínguas no corpo. </li></ul>Região corpórea: Todo o corpo. Sinais e sintomas: Manchas : principalmente palmas das mãos e plantas dos pés, também em tronco e ínguas pelo corpo.
  16. 17. Sífilis secundária – 2ª fase
  17. 18. Sífilis terciária – 3ª fase <ul><li>Ocorre de um a vários anos após o contágio; </li></ul>Região corpórea: Pele, coração, ossos e cérebro. Sinais e Sintomas: Nódulos, aneurisma aórtico, estenose coronária e miocardite, ossos e cérebro, podendo levar a morte.
  18. 19. Sífilis congênita <ul><li>Aborto espontâneo, parto prematuro, baixo peso, infecções peri e neonatal e defeitos físicos congênitos. </li></ul>Via de transmissão: Transplacentária.
  19. 20. DSTs que causam CORRIMENTO
  20. 21. <ul><li>Infecções nas trompas e ovários, causando Doença Inflamatória Pélvica (DIP), pode causar esterilidade e até a morte; </li></ul><ul><li>A maioria das mulheres infectadas não apresentam sintomas, podendo ter corrimento vaginal sem cheiro e sem coceira; </li></ul>Gonorréia e Clamídia (cervical) Sinais e Sintomas: Corrimento vaginal, do pênis e anal, dor ao urinar e nas relações sexuais. Região corpórea: Vaginal, pênis e anal.
  21. 22. Gonorréia e Clamídia (cervical) <ul><li>Na gestação, podem ser transmitidas no parto, causando cegueira no bebê; </li></ul><ul><li>Inflamação na próstata e nos testículos; </li></ul><ul><li>Esterilidade feminina e masculina. </li></ul>
  22. 23. Tricomoníase OBS.: os parceiros, mesmo não apresentando sintomas, necessitam fazer o tratamento. Sinais e Sintomas: Corrimento amarelo ou esverdeado, odor fétido, coceira e dor no ato sexual, podendo ser assintomático. Região Corpórea: Pênis, vagina, vulva, e a cérvice uterina .
  23. 24. Vaginose bacteriana (vaginal) Sinais e Sintomas: Corrimento branco-amarelado não muito intenso, cheiro ruim (“peixe podre”), principalmente depois do ato sexual ou final da menstruação. Região corpórea: Vagina. <ul><li>Comum em mulheres sexualmente ativas, sendo um desequilíbrio da flora vaginal. </li></ul>
  24. 25. Candidíase (vaginal) Sinais e Sintomas: Corrimento de cor branca (leite coalhado), coceira intensa, ardência durante o ato sexual e irritação os órgãos genitais. Região corpórea: Vulva e vagina <ul><li>Faz parte da flora vaginal; </li></ul><ul><li>Gravidez, obesidade, uso de contraceptivos orais de altas dosagens, hábitos de higiene e roupas que aumentam o calor e a umidade do local. </li></ul>
  25. 26. DSTs que causam VERRUGAS
  26. 27. Condiloma acuminado (“Crista de Galo”) <ul><li>Causado pelo vírus HPV (Vírus do Papiloma Humano); </li></ul><ul><li>Crescem mais rapidamente durante a gravidez e em pacientes com imunidade deprimida; </li></ul><ul><li>A falta de tratamento adequado pode predispor ao câncer do colo uterino e vulva, mais raramente, câncer do pênis e também do ânus. </li></ul>Sinais e Sintomas: Verrugas não dolorosas, isoladas ou agrupadas. Região corpórea: Oral (HIV+), glande, prepúcio, meato uretral, vulva, períneo, vagina e colo do útero, podendo aparecer no ânus e no reto .
  27. 28. Condiloma acuminado (“Crista de Galo”)
  28. 29. <ul><li>Reduzir o número de parceiros sexuais; </li></ul><ul><li>Enquanto você estiver com ferida no pênis, vagina ou ânus, suspenda a atividade sexual para não transmitir para outra pessoa; </li></ul><ul><li>Sempre após as relações sexuais fazer uma higiene adequada das genitálias. </li></ul><ul><li>Usar sempre e corretamente a camisinha em qualquer contato sexual, seja ele anal, oral ou vaginal. </li></ul>PREVENÇÃO DA DSTs
  29. 30. INFORME-SE PROCURE UM PROFISSIONAL DE SAÚDE !!
  30. 31. Rua 21 de Abril S/Nº - Centro Fone: (55) 3744-6922/4911/3244 Em anexo ao Posto de Saúde Central

×