Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Questões de história da uece.2

867 views

Published on

Questões de História dos vestibulares da UECE

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Questões de história da uece.2

  1. 1. QUESTÕES DE HISTÓRIA DA UECE. ORGANIZAÇÃO: PROF. ÍTALO COLARES
  2. 2. 2013.2 – Período Joanino. Em dezembro de 1815, Dom João elevou o Brasil à condição de Reino Unido de Portugal e Algarves. Atente para o que é dito sobre esse assunto. I. Tal medida deveu-se à transferência da família real portuguesa para o Brasil, posto que acabara de desembarcar e precisava oficializar a nova sede do governo português. II. O Brasil deixou de ser colônia e, tornando-se a sede da monarquia portuguesa, equiparava-se politicamente à metrópole. III. A medida facilitou as relações comerciais, e possibilitou maior autonomia à antiga colônia. Está correto o que se afirma em A) I e II apenas. B) II e III apenas. C) I e III apenas. D) I, II E III.
  3. 3. 2013.2 – Pós Abolicionismo Brasileiro. Leia atentamente o texto a seguir. “Em 1887, o Marechal Hermes da Fonseca, um dos principais líderes do exército brasileiro, enviou um documento à Princesa Isabel, filha de Dom Pedro II, comunicando que os militares se recusariam, dali em diante, a perseguir escravos. Finalmente, em 13 de maio de 1888, a Princesa Isabel, Regente do Império na ausência do pai que se encontrava na Europa, assinou a Lei Áurea, libertando os escravos no Brasil.” MOTA, Myriam Becho e BRAICK, Patrícia Ramos. História: das cavernas ao terceiro milênio. São Paulo: Editora Moderna, 2005. Sobre a vida dos ex-escravos após a abolição, assinale com V a afirmação verdadeira e com F a falsa. ( ) Após a abolição, a vida dos negros sofreu muitas alterações, uma vez que houve planejamento para inseri-los na sociedade. ( ) Alguns ex-escravos plantavam pequenas roças de subsistência e tentavam sobreviver dessa atividade. ( ) Como o mercado de trabalho não conseguiu absorver o contingente de libertos, foi grande o número de desempregados e subempregados. ( ) As elites da época consideravam os recém-libertos preguiçosos, malandros e vadios, juízos de valor ainda hoje transmitidos aos seus descendentes, em certa medida. Está correta, de cima para baixo, a seguinte sequência: A) F, V, F, F B) V, F, V, F. C) F, V, V, V. D) V, F, F, V.
  4. 4. 2013.2 – Movimentos Feministas. O excerto abaixo foi extraído de uma revista feminina brasileira dos anos 1950 e citado pela historiadora Mary del Priori. “[...] Felizmente, porém, a ambição da maioria das mulheres ainda continua a ser o casamento e a família. Muitas, no entanto, almejam levar uma vida dupla: no trabalho e em casa. [...] Procurar ser à noite esposa e mãe perfeitas e funcionária exemplar durante o dia requer um esforço excessivo. O resultado é geralmente a confusão e a tensão reinantes no lar, em prejuízo dos filhos e da família.” PRIORI, Mary del. História das Mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto, 2008. O fragmento acima sugere que A) o mercado de trabalho feminino sofreu decréscimo nos anos seguintes em virtude da dupla jornada feminina. B) o trabalho feminino na época em tela foi aceito completamente. C) nos anos 1950 era mais fácil para a mulher conciliar casamento e vida profissional. D) a participação feminina no mercado de trabalho cresceu na década de 1950.
  5. 5. 2013.2 – Rev. Inglesa. “Os ingleses tiveram que enfrentar situações revolucionárias inesperadas durante os anos de 1640 e 1650, sem nenhuma orientação teórica, como a que Rousseau e Marx deram a seus sucessores franceses e russos, e sem experiência dos acontecimentos anteriores que pudessem ser chamados de revoluções. Eles tiveram que improvisar. A Bíblia em inglês foi o livro ao qual naturalmente voltaram-se em busca de orientação.” HILL, Christopher. A Bíblia Inglesa e as Revoluções do Século XVII. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003. De acordo com o excerto, os ingleses no século XVII A) liam a Bíblia e teóricos como Rousseau e Marx. B) tinham vasta experiência revolucionária. C) guiavam suas ações com base na Bíblia. D) liam Marx e Rousseau durante situações revolucionárias.
  6. 6. 2013.2 – Governos Militares na América Latina. Os quatro países do cone sul da América Latina que sofreram golpes militares nas décadas de 1960 e 1970 foram: A) Equador, Uruguai, Argentina e Colômbia. B) Chile, Colômbia, Equador e Peru. C) Uruguai, Venezuela, Brasil e Peru. D) Brasil, Chile, Uruguai e Argentina.
  7. 7. 2013.2- História dos EUA. A Guerra da Secessão (1861-1865), conhecida entre os historiadores como a segunda revolução norte-americana, foi palco de um dos mais letais conflitos bélicos dos Estados Unidos, dividindo o país entre norte e sul. Durante a guerra, mais de 600 mil norte-americanos morreram; as explicações para essa guerra são várias. Dentre as opções a seguir, assinale a que NÃO constitui uma razão para a referida guerra. A) A formação de um governo alternativo pelos estados do sul. B) A preservação da unidade nacional dos Estados Unidos. C) A superioridade econômica dos estados do norte. D) O fim da escravidão no sul do país.
  8. 8. 2014.2 – Era Vargas. Atente para o que se afirma a respeito do Governo Provisório de Getúlio Vargas. I. Foi um período de estabilidade política, com o fortalecimento do poder dos estados e dos partidos políticos. II. Esse período foi marcado por incertezas econômicas, tendo como pano de fundo a Grande Depressão Mundial. III. O Poder Executivo passou a concentrar também o Legislativo, e os governadores dos estados foram substituídos por interventores. Está correto o que se afirma apenas em A) I. B) I e III. C) II e III. D) II.
  9. 9. 2014.2 – República Populista. O Plano de Metas do Governo JK procurava contemplar o que era caracterizado como “políticas de impacto”. Nesse sentido, dentre as opções a seguir, destaque aquela que NÃO corresponde a uma prioridade considerada por esse governo. A) A campanha “O petróleo é nosso”, grande mobilizadora da população no período JK. B) A fabricação de automóveis, verdadeiros ícones da modernidade. C) A construção de rodovias como a Belém-Brasília. D) A transferência da capital federal para Brasília.
  10. 10. 2014.2 – República Populista. Jânio Quadros venceu as eleições de outubro de 1960 com 48% dos votos. Atente para as afirmações a respeito de alguns dos seus atos, como Presidente. I. Ocupou-se de temas de menor importância como a proibição de brigas de galo, lança- perfume e uso de biquínis nas praias brasileiras. II. No âmbito político, combinou iniciativas simpáticas à esquerda, com medidas agradáveis aos conservadores. III. Criou conflitos em relação a sua política externa ao declarar “uma vaga simpatia” pelo regime de Fidel Castro e ao condecorar Che Guevara. Está correto o que se afirma em A) I e II apenas. B) I, II e III. C) I e III apenas. D) II e III apenas.
  11. 11. 2014.2 – Rev. Islâmica. Atente para o seguinte excerto a respeito da Revolução Islâmica: “O problema é que o Ocidente não entende o Irã, país persa e não árabe, e não aceita a Revolução Islâmica de 1979”. (Carta, G. O Irã desconhecido in: Carta Capital, São Paulo, nº 792, p.30-37, 2014.) Sobre a Revolução Islâmica, é correto afirmar que A) foi um movimento que conduziu mudanças no estado e na sociedade iraniana, e que substituiu o regime monárquico pela república islâmica. B) foi uma disputa estabelecida entre grupos fundamentalistas islâmicos, o Hezbollah e os Xiitas, pelo controle religioso do Irã. C) originou o conflito, entre a Arábia Saudita e o Irã, pela posse do monopólio e da exclusividade comercial da maior reserva petrolífera do Golfo Pérsico. D) deu origem ao Movimento Verde, brutalmente reprimido por milícias enviadas pelo governo de Ahmadinejad. GABARITO DA UECE CORREÇÃO POR ALGUNS PROFESSORES
  12. 12. 2014.2 – História Antiga. A forma mais importante de escrita do Oriente Médio antigo, usada em diferentes sistemas, considerada o primeiro sistema de escrita completa existente no mundo, surgiu A) no Egito e recebeu o nome de hieróglifo. B) na Ásia Oriental e recebeu o nome de hànzi. C) no vale do Indo e recebeu o nome de sânscrito. D) na Suméria e recebeu o nome de cuneiforme.
  13. 13. 2014.2 – Grécia Antiga. O desenvolvimento de núcleos urbanos, o crescimento demográfico, a necessidade de intensificar as trocas e controlar as rotas comerciais e as zonas ricas de matérias primas impulsionaram a criação de “colônias gregas” ao longo da costa do Mediterrâneo; dessa maneira, o modelo urbano e habitacional grego se difundiu, em larga escala, influenciando e marcando o molde de uma cultura comum, a estrutura e o gosto urbano de cidades distantes entre si. Assinale a opção que corresponde a dois exemplos de grandes centros urbanos resultantes de ocupações gregas. A) Roma e Cartago. B) Pérgamo e Alexandria. C) Constantinopla e Mileto. D) Capadócia e Luxor.
  14. 14. 2015.2 – Brasil Império (Exploração cafeeira) Acerca da exploração e do crescimento da produção cafeeira no século XIX, no Brasil, é correto afirmar que A) o café era produzido em larga escala, porém a preços baixos e com baixa rentabilidade. B) desde o período colonial a produção cafeeira competia no mercado internacional com a produção açucareira brasileira. C) essa fase coincide com uma fase de vitalidade e expansão dos mercados europeus e com o desenvolvimento dos Estados Unidos. D) o norte do Brasil era a região produtora de café por excelência, pois podia contar com vasta mão de obra escrava.
  15. 15. 2015.2 – República Populista. No dia 14 de novembro de 1961, realizou-se a primeira reunião de um gabinete parlamentarista na história republicana brasileira. Atente ao que se diz acerca do período parlamentarista brasileiro. I. A experiência parlamentarista brasileira, que durou pouco mais de um ano, foi recusada pelo povo brasileiro através de um plebiscito. II. Tancredo Neves foi o Primeiro Ministro durante o breve período em que ocorreu o parlamentarismo brasileiro. III. Com a renúncia do Presidente Jânio Quadros, João Goulart, o vice-presidente, assumiu a Presidência; contudo, a emenda parlamentarista restringiu os seus poderes. É correto o que se afirma em A) II e III apenas. B) I, II e III. C) I e II apenas. D) I e III apenas.
  16. 16. 2015.2 – História de Fortaleza. Analise as afirmações abaixo sobre a evolução histórica da cidade de Fortaleza. I. Fortaleza atualmente ocupa a terceira posição no contexto econômico das metrópoles brasileiras. II. No passado, Fortaleza estabeleceu acirrada competição com Aracati e outras cidades cearenses até alcançar a posição de capital do Estado. III. Paralelamente ao acentuado processo de favelização que Fortaleza tem experimentado nas últimas décadas, os bairros nobres têm-se tornado visivelmente verticalizados. É correto o que se afirma apenas em A) I e II. B) I e III. C) II. D) II e III.
  17. 17. 2015.2 – História da África. A Nigéria tem atualmente uma população com cerca de 174 milhões de habitantes, sendo o país mais populoso do continente africano. Do ponto de vista econômico, o norte nigeriano conta com aproximadamente 70% da sua população vivendo com menos de 1 dólar por dia. O último censo no país, em 2010, indica que a região possui também maior índice de analfabetismo, como o estado de Yobe que apresenta apenas 61,9% de sua população alfabetizada. Recentemente o norte do país tem sido palco de violentos e sangrentos ataques terroristas por parte do grupo extremista A) Isis, braço iraquiano da al-Qaeda, embora não esteja mais a ela associado. B) Kibutz, que opera ilegítima e brutalmente dentro de países extremamente turbulentos. C) Boko Haram, que exerce maior influência em jovens analfabetos que não têm perspectivas de futuro digno nesse país. D) Sharia, que justifica a barbárie com o islamismo, na tentativa de estabelecer sua legitimidade como um Estado religioso.
  18. 18. 2015.2 – História dos EUA. “(...)Pelo caminho perdemos até o direito de nos chamarmos americanos, embora os haitianos e os cubanos já estivessem inscritos na História, como novos povos, um século antes que os peregrinos do Mayflower se estabelecessem nas costas de Plymouth. Agora, para o mundo, América é tão só os Estados Unidos, e nós quando muito habitamos uma subAmérica, uma América de segunda classe, de nebulosa identidade (...)” (GALEANO, Eduardo. As veias abertas da América Latina. Tradução de Sérgio Faraco. São Paulo: L&PM, 2010. p. 18). A partir do excerto acima, pode-se concluir acertadamente que A) a identidade americana é negada para os habitantes da América Latina. B) os haitianos e os cubanos não são americanos. C) os peregrinos do Mayflower são historicamente americanos. D) a cidadania americana pertence exclusivamente aos Estados Unidos.
  19. 19. 2015.2 – Massacre na Arménia O dia 24 de abril é feriado na Armênia quando evoca a memória das vítimas do genocídio do povo armênio nos territórios do Império Otomano no ano de 1915. Um massacre brutal cujas estimativas indicam que entre 500 mil e 1,8 milhão de pessoas foram mortas pelo exército Otomano. Sobre o massacre armênio é correto afirmar que A) contou com a participação da Alemanha, inimiga declarada dos russos, que viu no genocídio um modo de enfraquecer o controle da Rússia naquele território. B) o governo turco reconhece que antecipou os horrores da Segunda Guerra Mundial ao considerar legítimo o extermínio desse povo de maioria cristã. C) começou em Constantinopla, nas casas dos intelectuais, estudiosos e poetas, e estendeu-se para os demais locais da parte oriental do território ocupada por armênios. D) este episódio foi um caso isolado sem relação com o enfraquecimento do Império Otomano no final do século XIX diante do avanço do Império Russo.

×