Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

7º ano cap3 a evolução dos seres vivos

9,341 views

Published on

7º ano cap3 a evolução dos seres vivos

  1. 1. Darwin VIVOSEVOLUÇÃO DOS SERES
  2. 2. As ideias revolucionárias donaturalista inglês, que nasceu há200 anos, são os pilares da biologiae da genética e estão presentes emmuitas áreas da ciência moderna. Omistério é por que tanta gente aindareluta em aceitar que o homem é oresultado da evolução.
  3. 3. Charles Darwin é um paradoxomoderno. Não sob a ótica daciência, área em que seu trabalhoé plenamente aceito e celebradocomo ponto de partida para umgrau de conhecimento semprecedentes sobre os seres vivos.
  4. 4. Sem a teoria da evolução, a modernabiologia, incluindo a medicina e abiotecnologia, simplesmente não fariasentido. O enigma reside narelutância, quase um mal-estar, quesuas ideias causam entre um vastocontingente de pessoas, algumas delasfervorosamente religiosas, outras nemtanto.
  5. 5. Criacionismo (Fixismo) x Evolucionismo.
  6. 6. só um em cada dois americanos acreditaque o homem possa ser produto de milhõesde anos de evolução. O outro considerarazoável que nós, e todas as coisas que noscercam, estejamos aqui por dádiva dacriação divina. Mesmo na Inglaterra, paísnatal de Darwin, o fato de ele ser festejadocomo herói nacional não impede que um emcada quatro ingleses duvide de suas ideiasou as veja como pura enganação.
  7. 7. Investigar a razão pela qual as ideias de Darwinainda são vistas como perigosas, é preciso recuarno passado. Quando o naturalista inglês pelaprimeira vez propôs suas teses sobre a evoluçãopela seleção natural, a maioria dos cientistasacreditava que a Terra não tivesse mais de 6.000anos de existência, que as maravilhas da naturezafossem uma manifestação da sabedoria divina. Ahipótese mais aceita sobre os fósseis dedinossauros era que se tratava de criaturas queperderam o embarque na Arca de Noé e foramextintas pelo dilúvio bíblico.
  8. 8. A publicação de A Origem das Espécies teve o efeitode um tsunami na Inglaterra vitoriana. Os biólogos seviram desmentidos em sua certeza de que as espéciessão imutáveis. A Igreja ficou perplexa por alguémdesafiar o dogma segundo o qual Deus criou o homemà sua semelhança e os animais da forma como osconhecemos. A sociedade se chocou com a tese de queo homem não é um ser especial na natureza e, aindapor cima, tem parentesco com os macacos. Havia,naquele momento, compreensível contestaçãocientífica às novas ideias. Darwin havia reunido umaquantidade impressionante de provas empíricas – masainda restavam muitas questões sem resposta.
  9. 9. • Cientistas revelam fóssil que pode ser de ancestral do homem• Da BBC Brasil• Cientistas revelaram em Nova York nesta terça- feira o fóssil de uma criatura de 47 milhões de anos que pode ser um elo perdido na evolução dos primatas superiores - macacos, gorilas e os seres humanos.• O fóssil, batizado de Ida, está em estado tão bom de conservação que é possível ver sua pele e traços de sua última refeição.
  10. 10. • Os restos do animal, que se assemelha a um lêmure (tipo de animal parecido com um macaco que vive na ilha africana de Madagascar) foram apresentados no Museu Americano de História Natural pelo prefeito de Nova York, Michael Bloomberg.• Eles foram descobertos na década de 1980 na Alemanha e pertenciam a uma coleção particular.
  11. 11. O medo do inferno Muito religiosa, Emma, a mulher deDarwin, temia que o marido fosse para oinferno. Ela dava por certo que iria para océu e sofria com a ideia de ficaremseparados pela eternidade. À direita, acasa da família, nos arredores deLondres: nela, Darwin viveu e trabalhou
  12. 12. A teoria da evolução causa mal-estar emmuita gente – mas só algumas confissõesevangélicas converteram o darwinismo em uminimigo a ser combatido a todo custo.
  13. 13. Em A Origem das Espécies, num raciocínioque cabe em poucas linhas mas expressa ideiasde alcance gigantesco, Darwin produziu umarevolução que alteraria para sempre os rumos daciência. Ele mostrou que todas as espéciesdescendem de um ancestral comum, uma formade vida simples e primitiva. Darwin demonstroutambém que, pelo processo que batizou deseleção natural, as espécies evoluem ao longodas eras, sofrendo mutações aleatórias que sãotransmitidas a seus descendentes.
  14. 14. Essas mutações podem determinar apermanência da espécie na Terra ou suaextinção – dependendo da capacidade deadaptação ao ambiente. Uma década depoisda publicação de seu livro seminal, oimpacto das ideias de Darwin se multiplicariapor mil com o lançamento de ADescendência do Homem, obra em quemostra que o ser humano e os macacosdivergiram de um mesmo ancestral, há 4milhões de anos.
  15. 15. O embate entre evolucionistas e criacionistasteria causado um desgosto profundo aDarwin, que era religioso e chegou a se prepararpara ser pastor da Igreja Anglicana. Esse plano foiinterrompido pela fantástica aventura queprotagonizou entre 1831 e 1836, em viagem abordo do Beagle, um pequeno navio deexploração científica, numa das passagens maisconhecidas da história da ciência. Aos 22anos, Darwin embarcou no Beagle para servir deacompanhante ao capitão do barco, o aristocratainglês Robert Fitzroy.
  16. 16. Durante a viagem, que se estendeu por quatrocontinentes, Darwin deu vazão à curiosidade sobre omundo natural que o acompanhava desde a infância.Até a volta à Inglaterra, havia recolhido 1 529 espéciesem frascos com álcool e 3 907 espécimes preservados.Darwin escreveu um diário de 770 páginas, no qualrelata suas experiências nos lugares por onde passou.No Brasil, visitou o Rio de Janeiro e a Bahia, extasiando-se com a biodiversidade da Mata Atlântica – mas ficouhorrorizado com a escravidão e com a maneira como osescravos eram tratados.
  17. 17. Teorias Evolucionárias– Teoria de Lamark • Pontos básicos: • Lei do Uso e desuso • Lei da transmissão dos caracteres adquiridos • Importância: • Combateu o fixismo • Primeira teoria científica sobre a evolução

×