Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Ficha de Trabalho nr 1 - Experiência de Frederick Griffith (resolução)

1,974 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Ficha de Trabalho nr 1 - Experiência de Frederick Griffith (resolução)

  1. 1. Ficha de Trabalho nr. 1 Experiência de Frederick GriffithAnalise a experiência realizada por Griffith, em 1928, e responda às questões.Interessado em conhecer o modo de actuação dos pneumococos, bactérias que provocam a pneumonia, e sabendoda existência de duas estirpes distintas da espécie Steptococcus pneumoniae, a forma R (com aspecto rugoso e nãovirulenta) e a forma S (de aspecto liso altamente virulenta), Griffith idealizou a experiência seguinte:1.1. Com base nos dados da figura, justifique as designações: a) virulenta, atribuída à forma S; A designação de virulenta, atribuída à forma S, justifica-se pelo facto de esta estirpe de bactéria, quando inoculada no rato, provocar a sua morte. b) não virulenta, atribuída à forma R; A designação de não virulenta, atribuída à forma R, justifica-se pelo facto de esta estirpe de bactéria, quando inoculada no rato, não provocar a sua morte.1.2. Griffith concluiu, a partir da análise dos resultados desta experiência, que existia nas bactérias S um «princípio transformante» capaz de alterar as bactérias R. Comente as suas conclusões. A conclusão de Griffith tem lógica, dado que as formas R, quando inoculadas juntamente com as bactérias S mortas, têm um comportamento diferente, passando a provocar a morte dos ratos. Tal facto só pode ser explicado partindo do princípio de que estas bactérias foram transformadas, e essa transformação deverá ser atribuída a um qualquer componente das bactérias S, que será, segundo Griffith, o «princípio transformante».1.3. É possível identificar, com base na interpretação desta experiência, a molécula responsável pela determinação das características da célula? Justifique a resposta. Com esta experiência, não é possível determinar o constituinte da bactéria S que corresponde ao «princípio transformante», pois todos eles actuaram em. conjunto. Para tirar tal conclusão, seria necessário proceder a inoculações dos constituintes em separado.1.4. Qual (quais) do(s) lote(s) pode(m) ser considerado(s) como controlo? Lote :A,B e C 1 Nuno Correia

×