Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
TECNOLOGIAS DA  INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NASPRÁTICAS EDUCATIVAS            Renata Tavares Estrela
Tecnologias Tecnologias são os meios, os apoios,as ferramentas que utilizamos para queos alunos aprendam. A forma como oso...
Influência da tecnologiaNa sociedade: Mudanças aceleradas; Eliminação de barreiras físicas e  temporais; Troca de infor...
Influência da tecnologiaNo trabalho: Muda o perfil do trabalhador: “raciocínio lógico, habilidade para  aprender novas qu...
Influência da tecnologiaNa educação: Desmistificar a linguagem tecnológica; Reorganização curricular; Formar cidadãos c...
Preparar professores para o uso do           computadorAtender a três grandes dimensões: Pedagógica – domínio dos conheci...
Desafios Vencer resistências; Capacitação  continuada Superar os problemas  técnicos e de conexão; Desenvolver ativida...
Mais desafios...        Promover atividades que         tenham implicações no         processo educativo;        O ensin...
Educação e tecnologia é pensar             em:“... professor + computador + recursos  pedagógicos + livros + quadro-de-giz...
Tecnologias Assistivas
DESDE O NASCERTEMOS FUNÇÕESA DESEMPENHAR:O nosso corpo é limitado!(congênitas e adquiridas)Como suprir as limitações?     ...
CATEGORIAS   a) Auxílios para a vida    diária e vida prática:    são     os    materiais    e    produtos utilizados em ...
b)   Comunicação      aumentativa      e alternativa: recurso que possibilita a comunicação      de    pessoas     com def...
Figura 2 - CAA: (CSA) Comunicação aumentativa                   (suplementar) e alternativa       Fonte: http://www.comuni...
c)    Recursos     de    acessibilidade    ao  computador: nesta categoria encontram-  se os conjuntos de hardwares e soft...
Figura 5 - Teclado com colméia    Fonte: APAE/Londrina
 d) Sistemas de controle de  ambiente: faz parte desta categoria a  tecnologia projetada para proporcionar  às PNEs as me...
f) Órteses e próteses: as próteses  são equipamentos artificiais que  têm como função substituir partes  ausentes do corpo...
g) Adequação postural: para cuja alteração,  existem   as    tecnologias projetadas para promover conforto e segurança aos...
h) Auxílios de mobilidade: são recursos projetados para auxiliar a locomoção dos indivíduos. Podemos citar: bengalas, mule...
i) Auxílios para cegos ou para pessoas com   visão subnormal: nesta categoria estão os   equipamentos que proporcionam uma...
j) Auxílios para surdos ou para  pessoas com déficit auditivo:  são os aparelhos para surdez, os  telefones com teclado, o...
k) Adaptações em veículos: nesta categoria  encontram-se acessórios e adaptações que  possibilitam a uma pessoa com defici...
Tecnologias para autonomia
Educação    eautonomia
Tecnologia     e sociedade
OBRIGADA!       Renata Estrelaestrela.renata@gmail.com
Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas
Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas
Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas
Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas

1,387 views

Published on

Slides disponibilizados pela Professora Renata Estrela para a IV Etapa do Curso de Ed. Inclusiva de Itapuranga.

Published in: Education
  • Be the first to comment

Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Práticas EducativasAssistivas

  1. 1. TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NASPRÁTICAS EDUCATIVAS Renata Tavares Estrela
  2. 2. Tecnologias Tecnologias são os meios, os apoios,as ferramentas que utilizamos para queos alunos aprendam. A forma como osorganizamos em grupos, em salas, emoutros espaços isso também étecnologia. O giz, a caneta que escreveno quadro é tecnologia de comunicaçãoe uma boa organização da escritafacilita e muito a aprendizagem. Aforma de olhar, de gesticular, de falarcom os outros isso também étecnologia.
  3. 3. Influência da tecnologiaNa sociedade: Mudanças aceleradas; Eliminação de barreiras físicas e temporais; Troca de informações, idéias e negócios fazendo emergir o fenômeno da globalização.
  4. 4. Influência da tecnologiaNo trabalho: Muda o perfil do trabalhador: “raciocínio lógico, habilidade para aprender novas qualificações; conhecimento técnico geral; responsabilidade com o processo de produção; iniciativa de resolução de problemas”.
  5. 5. Influência da tecnologiaNa educação: Desmistificar a linguagem tecnológica; Reorganização curricular; Formar cidadãos com visão crítica e sólida formação geral, domínio das tecnologias e capacidade de atuação consciente; Promover o acesso. “Sem estar bem informado é impossível participar; portanto, é impossível ser cidadão”.
  6. 6. Preparar professores para o uso do computadorAtender a três grandes dimensões: Pedagógica – domínio dos conhecimentos relativos ao campo específico da pedagogia; Tecnológica – abrange as relações entre tecnologia e educação em todos os aspectos; Didática – diz respeito à formação específica do professor em determinado campo.
  7. 7. Desafios Vencer resistências; Capacitação continuada Superar os problemas técnicos e de conexão; Desenvolver atividades interativas, colaborativas e motivadoras.
  8. 8. Mais desafios...  Promover atividades que tenham implicações no processo educativo;  O ensino da tecnologia para contribuir no pedagógico;  Possibilitar a reflexão- ação-reflexão.
  9. 9. Educação e tecnologia é pensar em:“... professor + computador + recursos pedagógicos + livros + quadro-de-giz =professor que age, planeja, integra conhecimentos”.“...trata-se de entender que são criadas novas formas de comunicação, novos estilos de trabalho, novas maneiras de ter acesso ao conhecimento e de produzi-lo”. – BRITO, G. S.; PURIFICAÇÃO,I. Educação e novas tecnologias: um repensar. IBPEX: Curitiba,2006.
  10. 10. Tecnologias Assistivas
  11. 11. DESDE O NASCERTEMOS FUNÇÕESA DESEMPENHAR:O nosso corpo é limitado!(congênitas e adquiridas)Como suprir as limitações? TECNOLOGIA
  12. 12. CATEGORIAS a) Auxílios para a vida diária e vida prática: são os materiais e produtos utilizados em tarefas diárias e que favorecem o desempenho dos indivíduos em situação de dependência de auxílio. Nesta categoria temos os talheres modificados, os suportes Figura 1 - Garfo adaptado para utensílios Fonte: http://www.cedionline.com.br domésticos, as roupas que facilitam o vestir e despir, o velcro, além de outros.
  13. 13. b) Comunicação aumentativa e alternativa: recurso que possibilita a comunicação de pessoas com defasagem na sua habilidade ao falar e/ou escrever. As pranchas de comunicação são um dos exemplos desta categoria: construídas com letras ou palavras escritas, elas são um recurso através do qual o aluno com NEE pode expressar seus desejos, sentimentos, entendimentos quando estimulados.
  14. 14. Figura 2 - CAA: (CSA) Comunicação aumentativa (suplementar) e alternativa Fonte: http://www.comunicacaoalternativa.com.br
  15. 15. c) Recursos de acessibilidade ao computador: nesta categoria encontram- se os conjuntos de hardwares e softwares, projetados especialmente para tornar o computador acessível aos indivíduos com dificuldades sensoriais e motoras. Como exemplos temos: teclados modificados, teclados virtuais com varredura, mouses especiais e acionadores diversos, softwares de leitores de tela e sintetizadores de voz, ponteiras de cabeça por luz, monitores especiais, softwares leitores de texto (OCR), impressoras braile.
  16. 16. Figura 5 - Teclado com colméia Fonte: APAE/Londrina
  17. 17.  d) Sistemas de controle de ambiente: faz parte desta categoria a tecnologia projetada para proporcionar às PNEs as mesmas condições que qualquer pessoa “normal” possa ter dentro de um ambiente. e) Projetos arquitetônicos para acessibilidade: são as adaptações estruturais nos diversos ambientes como banheiros, rampas, elevadores, entre outros, que eliminam as barreiras físicas, facilitando a locomoção da pessoa com deficiência.
  18. 18. f) Órteses e próteses: as próteses são equipamentos artificiais que têm como função substituir partes ausentes do corpo, por exemplo, pernas e braços mecânicos. Figura 8 - Órtese Fonte: http://www.cedionline.com.br Figura 7- PróteseFonte: http://www.cedionline.com.br
  19. 19. g) Adequação postural: para cuja alteração, existem as tecnologias projetadas para promover conforto e segurança aos indivíduos que possuem comprometimentos posturais confirmados por diagnósticos. Figura 9 - Adequação postural Fonte: APAE/Londrina Figura 10 - Carteira adaptada Fonte: APAE/Londrina
  20. 20. h) Auxílios de mobilidade: são recursos projetados para auxiliar a locomoção dos indivíduos. Podemos citar: bengalas, muletas, andadores, carrinhos, cadeiras de rodas manuais ou elétricas, entre outros. Figura 11 - Cadeira de roda Fonte: APAE/Londrina Figura 12 - Andador Fonte: APAE/Londrina
  21. 21. i) Auxílios para cegos ou para pessoas com visão subnormal: nesta categoria estão os equipamentos que proporcionam uma maior independência dos indivíduos com deficiência visual na realização de tarefas, como verificar a hora, utilizar a calculadora, verificar a temperatura do corpo, identificar se as luzes estão acesas ou apagadas, cozinhar, identificar cores e peças do vestuário, verificar a pressão arterial, identificar chamadas telefônicas, escrever, ter mobilidade independente, etc. Figura 13 - Lupa eletrônica Fonte: http://www.clik.com.br
  22. 22. j) Auxílios para surdos ou para pessoas com déficit auditivo: são os aparelhos para surdez, os telefones com teclado, os sistemas com alerta táctil-visual, entre outros. Figura 14 - Telefone público Fonte: http://www.koller.com.br
  23. 23. k) Adaptações em veículos: nesta categoria encontram-se acessórios e adaptações que possibilitam a uma pessoa com deficiência física dirigir um automóvel, por exemplo, os facilitadores de embarque e desembarque como elevadores para cadeiras de rodas (utilizados nos carros particulares ou de transporte coletivo), rampas para cadeiras de rodas, serviços de auto-escola para pessoas com deficiência. Figura 15 - Ônibus adaptado Fonte: http://www.londrina.pr.gov.br
  24. 24. Tecnologias para autonomia
  25. 25. Educação eautonomia
  26. 26. Tecnologia e sociedade
  27. 27. OBRIGADA! Renata Estrelaestrela.renata@gmail.com

×