Inovaday Projeto Chão de Fábrica

1,002 views

Published on

Published in: Education, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,002
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
18
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Inovaday Projeto Chão de Fábrica

  1. 1. PROJETO de GC no chão de fábrica
  2. 2. O que é Conhecimento? Informação + Aplicação Prática experiências valores histórias notícias escola internet
  3. 3. <ul><li>De que modo (“método”) identificar pessoas-chave e promover a transferência do conhecimento útil aplicável ? </li></ul><ul><li>Como focar nos recursos humanos para gerar fatores internos alavancadores? </li></ul><ul><li>O que são ........ OP........OT...........GC ? </li></ul>Questões a serem respondidas para o desenvolvimento da GC no chão de fábrica
  4. 4. Muniz, 2009
  5. 5. <ul><li>OP - Organização da Produção </li></ul><ul><li>MSP – Método de Solução de Problemas </li></ul><ul><li>Instrução de Trabalho </li></ul><ul><li>5S </li></ul><ul><li>Zero - Defeito </li></ul><ul><li>Troca Rápida </li></ul>Questões a serem respondidas para o desenvolvimento da GC no chão de fábrica Muniz, 2009
  6. 6. <ul><li>OT - Organização do Trabalho </li></ul><ul><li>Metas de Desempenho: Pessoal e Corporativo </li></ul><ul><li>Papel e responsabilidade de cada profissional </li></ul><ul><li>Recurso Material e Temporal </li></ul><ul><li>Comunicação Interna entre os profissionais </li></ul><ul><li>Comunicação na tomada de decisão </li></ul><ul><li>Treinamento </li></ul><ul><li>Remuneração/Reconhecimento/Recompensa </li></ul><ul><li>Característica e relacionamento pessoal (Sociometria) </li></ul>Questões a serem respondidas para o desenvolvimento da GC no chão de fábrica Muniz, 2009
  7. 7. <ul><li>Como criar um ambiente favorável à mudança e ao compartilhamento ? </li></ul><ul><li>Como registrar e reter o conhecimento tácito na organização? </li></ul><ul><li>Existem profissionais com perfil adequado para realizar os trabalhos de GC? </li></ul><ul><li>Como desenvolver profissionais integradores na operação? </li></ul>Questões a serem respondidas para o desenvolvimento da GC no chão de fábrica
  8. 8. <ul><li>Diagnóstico: </li></ul><ul><li>Resultado insuficiente com os treinamentos tradicionais; </li></ul><ul><li>Aumento do corpo técnico (sem tradição vidreira); </li></ul><ul><li>Preocupação com o elevado número de pessoas que detinham conhecimento tácito; </li></ul><ul><li>Necessidade de compartilhamento de conhecimento entre supervisores / técnicos / operadores; </li></ul><ul><li>Uso do conhecimento operário (sistema de gestão). </li></ul>Caso Wheaton Brasil Vidros
  9. 9. <ul><li>Dados corporativos </li></ul><ul><li>2.600 funcionários </li></ul><ul><li>90 milhões de frascos produzidos por mês </li></ul><ul><li>21 linhas de produção </li></ul><ul><li>Principais Clientes: </li></ul>Bio Chimico ® Caso Wheaton Brasil Vidros
  10. 10. Gestão do Conhecimento Métodos Utilizados *Storytelling ou Narrativas Registros Sociometria Silver Hair Planos de Aprendizagem Processo de Avaliação
  11. 11. Passos para a preparação de uma Narrativa <ul><ul><li>1- Selecione uma história; </li></ul></ul><ul><ul><li>2- Teste a história; </li></ul></ul><ul><ul><li>3- Visualize a Cena; </li></ul></ul><ul><ul><li>4- Narre a história do ponto de vista de alguém da cena; </li></ul></ul><ul><ul><li>5- Estabeleça a verdade central da história; </li></ul></ul><ul><ul><li>6- Planeje suas primeiras palavras; </li></ul></ul><ul><ul><li>7- Como a história termina; </li></ul></ul><ul><ul><li>8- Pesquise os fatos; </li></ul></ul><ul><ul><li>9- Elimine detalhes desnecessários; </li></ul></ul><ul><ul><li>10- Adicione descrições que tragam vida à história. </li></ul></ul>Narrativas / Link Bruzamolin, 2009
  12. 12. Concluindo...
  13. 13. Referências
  14. 14. <ul><li>EQUIPE DE TRABALHO : </li></ul><ul><li>Jorge Muniz , engenheiro mecânico pela UNESP (1990), mestrado e doutorado em Engenharia de Produção . Experiência acadêmica e Industrial (Engenharia e Gestão). </li></ul><ul><li>Edgard D. Batista Jr ., engenheiro mecânico pela UNESP (1971), mestre em Análise de Sistemas e Aplicações e doutor em Engenharia de Sistemas e Computação (UFRJ). Experiência acadêmica e industrial (Simulação e TI) </li></ul><ul><li>Carlos Donizetti de Oliveira , engenheiro mecânico pela FEI (1984), mestre em Engenharia de Produção. Experiência acadêmica e Industrial (Projetos e Processos). </li></ul><ul><li>Edison J. Toporcov , engenheiro mecânico pela Mauá (1972). Experiência acadêmica e Industrial,37 anos de Indústria Vidreira dos quais 10 anos na Diretoria Industrial. </li></ul><ul><li>Walter Minutti Santalucia Jr , engenheiro mecânico pela Mauá (1980), Pós Graduação em Marketing Industrial-ESPM. Experiência acadêmica e Industrial (Gestão Industrial). </li></ul><ul><li>Alberto Pido , técnico químico , mais de 40 anos de indústria vidreira, dos quais 20 anos como Gerente de Assistência Técnica. </li></ul><ul><li>Valério Bruzamolin, Graduado em Processamento de Dados pela Universidade Federal do Paraná (1987), possui mestrado em Gestão do Conhecimento e da TI pela Universidade Católica de Brasília (2005) e atualmente cursa Doutorado em Ciência da Informação na Universidade de Brasília. </li></ul>

×