IPCC-  Internacional Panel on Climate Change (Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas)
 
<ul><li>Aumento da temperatura da atmosfera em </li></ul><ul><li>0,6°C (mais ou menos 0,2°C) no século XX </li></ul><ul><l...
<ul><li>Derretimento das geleiras (Alpes 10%a ano ) </li></ul><ul><li>Clima mais quente: peste bubônica, doenças tropicais...
<ul><li>Onda de calor na Europa em 2003; </li></ul><ul><li>Furacões: Katrina, Wilma e Rita (2005, Atlântico Norte); </li><...
<ul><li>Os modelos mostram que as mudanças não são apenas naturais;  </li></ul><ul><li>Concentração de gases do efeito est...
 
 
 
 
 
 
 
 
<ul><li>Nasceu de uma parceria entre pesquisadores brasileiros e americanos, que originou uma proposta conhecida como “Red...
 
 
 
 
 
 
 
<ul><li>Desmatamentos para pastagens estão degradando o cerrado e a floresta amazônica.  </li></ul><ul><li>Ocorre: aumento...
 
<ul><li>O que evitar </li></ul><ul><li>O que pode ser feito </li></ul>
<ul><li>Mudar nossos padrões de consumo </li></ul><ul><li>Evitar todos os desperdícios possíveis </li></ul><ul><li>Poupar ...
 
 
 
 
<ul><li>Maior  consumo :  </li></ul><ul><li>Matérias primas: aço, papel, petróleo, metais. </li></ul><ul><li>Energia </li>...
A vida Por um fio
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
<ul><li>Não é novidade que o desmatamento é um dos principais problemas da floresta amazônica e é o maior causador de emis...
 
 
 
 
 
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

17.10.2011 - Mudanças climáticas e o papel da sociedade - Darci Bergmann (ASPAN) - SNCT 2011

719 views

Published on

Apresentação feita pelo agrônomo e ambientalista Darci Bergmann sobre Aquecimento Global, mudanças climáticas, desastres naturais e o papel dos cidadãos e da sociedade na prevenção e recuperação de danos ambientais. Palestra apresentada durante a mesa redonda Mudanças Climáticas, Desastres Naturais e Jornalismo Científico, em São Borja, na Câmara de Vereadores de São Borja no dia 17 de outubro de 2011.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
719
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
29
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

17.10.2011 - Mudanças climáticas e o papel da sociedade - Darci Bergmann (ASPAN) - SNCT 2011

  1. 1. IPCC- Internacional Panel on Climate Change (Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas)
  2. 3. <ul><li>Aumento da temperatura da atmosfera em </li></ul><ul><li>0,6°C (mais ou menos 0,2°C) no século XX </li></ul><ul><li>Modelos globais do IPCC: </li></ul><ul><li>Entre 1900 e 2100 a temperatura global pode aquecer entre 1,4°C e 5,8°C . Mais rápido que no século XX. </li></ul>
  3. 4. <ul><li>Derretimento das geleiras (Alpes 10%a ano ) </li></ul><ul><li>Clima mais quente: peste bubônica, doenças tropicais malária, dengue desinteria, etc. </li></ul><ul><li>Eventos extremos: secas, enchentes, ondas de calor e frio, furacões e tempestades; </li></ul><ul><li>Perdas de vidas e patrimoniais; </li></ul>
  4. 5. <ul><li>Onda de calor na Europa em 2003; </li></ul><ul><li>Furacões: Katrina, Wilma e Rita (2005, Atlântico Norte); </li></ul><ul><li>Inverno extremo Europa e Ásia em 2006; </li></ul><ul><li>No Brasil: Furacão Catarina em 2004 (Torres, etc); </li></ul><ul><li>Secas: Amazônia, em 2005 e no Sul do Brasil, em 2004, 2005 e 2006; </li></ul><ul><li>Alterações na biodiversidade, nível do mar, saúde, agricultura, geração de energia, etc. </li></ul>
  5. 6. <ul><li>Os modelos mostram que as mudanças não são apenas naturais; </li></ul><ul><li>Concentração de gases do efeito estufa: CO², metano, etc. </li></ul><ul><li>Variabilidade natural não explica o aquecimento observado na segunda metade do século XX; </li></ul><ul><li>___________________________________________________ </li></ul><ul><li>“ El Niño” : aquecimento das águas superficiais do Pacífico Central; alteração no regime de chuvas e ventos; </li></ul><ul><li>“ La Ninã” : efeito contrário: aquecimento das águas no Pacífico Oeste e resfriamento no Pacífico Central: </li></ul>
  6. 15. <ul><li>Nasceu de uma parceria entre pesquisadores brasileiros e americanos, que originou uma proposta conhecida como “Redução Compensada de Emissões” (Santilli  et al , 2000 ) </li></ul><ul><li>O argumento colocado é que os países tropicais são responsáveis por estabilizar o clima por meio de suas florestas e, assim, os custos para mantê-las em pé devem ser divididos por todos. Esta iniciativa fez com que, oficialmente, o assunto REDD fosse incluído na pauta de negociações internacionais. </li></ul>
  7. 23. <ul><li>Desmatamentos para pastagens estão degradando o cerrado e a floresta amazônica. </li></ul><ul><li>Ocorre: aumento de CO2 e do gás metano depois. </li></ul><ul><li>A dieta vegetariana ou quem sabe menos carnívora poderá reduzir esse impacto. </li></ul>
  8. 25. <ul><li>O que evitar </li></ul><ul><li>O que pode ser feito </li></ul>
  9. 26. <ul><li>Mudar nossos padrões de consumo </li></ul><ul><li>Evitar todos os desperdícios possíveis </li></ul><ul><li>Poupar energia e buscar alternativas mais sustentáveis. </li></ul><ul><li>Estilo de vida mais simples, mais despojado. </li></ul><ul><li>Recuperar áreas degradadas. </li></ul><ul><li>Controle da prole </li></ul><ul><li>Agir onde for possível </li></ul>
  10. 31. <ul><li>Maior consumo : </li></ul><ul><li>Matérias primas: aço, papel, petróleo, metais. </li></ul><ul><li>Energia </li></ul><ul><li>Espaço físico : cidades, ocupação de áreas de risco </li></ul><ul><li>Mais poluição </li></ul><ul><li>Mais degradação </li></ul><ul><li>Problemas de saúde, segurança e mobilidade </li></ul><ul><li>Mais alimentos: ligados ao consumo de matérias primas, energia, pesticidas, uso intensivo do solo, degradação de mananciais. </li></ul><ul><li>Água e saneamento. </li></ul>
  11. 32. A vida Por um fio
  12. 50. <ul><li>Não é novidade que o desmatamento é um dos principais problemas da floresta amazônica e é o maior causador de emissões de gases do efeito estufa (GEEs) do Brasil. Mas um novo estudo da NASA indica que a seca de 2010 na região também liberou grandes quantidades de CO2 para a atmosfera, ultrapassando o total de emissões do desmatamento no mesmo período. E caso haja um aumento na emissão de carbono no local, cientistas prevêem que o ecossistema pode entrar em colapso até o final do século. </li></ul><ul><li>Fenômeno, que ocorreu em 2010 e reduziu 7% da produção primária líquida de algumas áreas da floresta, liberou mais carbono na atmosfera do que o desmatamento ocorrido na região no mesmo período, ou que as emissões anuais na Índia. </li></ul>

×