Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Os príncipios por trás do DevOps

881 views

Published on

Muito tem se falado em desenvolvimento de aplicações modernas. Mas como garantir que essas aplicações atendem as necessidades e estão gerando o retorno esperado ? Nessa sessão falaremos um pouco sobre esses e outros assuntos.

Published in: Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Os príncipios por trás do DevOps

  1. 1. Os princípios por trás do DevOps Guilherme Cardoso Consultor ALM | Arquiteto de Software Microsoft Technical Audience Contributor | MCP | MCSD ALM guilherme.silvacardoso@hotmail.com @guilhermescard
  2. 2. Quem sou eu ? Consultor ALM / Arquiteto de Software Especialista em Desenvolvimento de Sistemas & Gestão de Projetos blog.guilhermescardoso.com.br guilherme.silvacardoso@hotmail.com twitter.com/guilhermescard http://almbrasil.com.br
  3. 3. #psicologia Éssa não é uma palestra sobre: #finanças #gestãodeempresas #motivaçãodetimes Mas bem que poderia ser
  4. 4. Mas o que é DevOps
  5. 5. … conjunto de processos, métodos e sistemas para comunicação, colaboração e integração entre os departamentos para Desenvolvimento, Operações. Os desenvolvedores estão sendo integrados aos processos de entrega de serviços operacionais Operações englobou o novo papel de serviço proprietário DevOps é
  6. 6. Por que DevOps está na moda ?
  7. 7. Eu quero estabilidade ! Eu quero mudanças !
  8. 8. #DevOps == #Cultura + #Processos * (#Pessoas + #Engajamento) #Cultura + #Processos ^ (#Pessoas * #Engajamento)
  9. 9. #Continuando o por que …
  10. 10. O mundo atualmente ….
  11. 11. Cloud computingNovas tecnologias gerando novas oportunidades de valor Agilidade para competirContato direto com o consumidor Proliferação de dispositivos Modernização do negócio Fatores que modificaram os negócios
  12. 12. A TI usada para modernizar o negócio Equilibrar agilidade com qualidade, escala e compliance. Negócio pensado “pra frente” Maximizar economias em escalas Melhoria no time-to-market Entrega continua de valor Fatores que modificaram os negócios
  13. 13. #As príncipais perspectivas do DevOps …
  14. 14. Algumas perspectivas do DevOps Aceleração das demandas (TIME) Redução (EMPRESA) Satisfação (CLIENTE)
  15. 15. DevOps não é #cargo #produto #OitavaMaravilhaDoMundo #SoluçãoDeTodosOsProblemas
  16. 16. Desafios nas entragas de software ! Mais um fator de adoção do DevOps
  17. 17. Como eram as entragas de software Planning Code Test & Stabilize Code Test & Stabilize Beta ? RTM ? 2.5 years!
  18. 18. Planning Chat Every 3 sprints Sprint 3 week sprints Season 6 month season Vision 18 month vision O cenário atual ideal
  19. 19. Pilares para uma adoção de DevOps
  20. 20. Plan 1 Monitor + Learn ReleaseDevelop + Test 2 Development Production DevOps 4 3
  21. 21. It starts with an idea – and a plan how to turn this idea into reality … Manage work Develop + Test 1 Plan Project starts PlanTrack progress
  22. 22. Write Code Unit Testing 2 Build Version Control Build Verification Release Once the iteration starts, developers turn great ideas into features … Develop +Test
  23. 23. Cloud Load Testing Integration testing environment Automated functional testing environment 3 Pre-production environment Staging environment Monitor + Learn When all tests pass, the build is deployed to testing environments for each stage in the release process Release
  24. 24. Learn and understand how users use your app, how it reacts and quickly fix issues and bugs Monitor + Learn 4 Monitor Feedback Plan the next iteration
  25. 25. Mas por que agora ?
  26. 26. • Usuários • Clientes • Browser • Devices • Desktop • Servidores • Banco de dados • Serviços Tudo está conectado
  27. 27. Bug na aplicação Respostas do servidor muito lentas Banco de dados sobrecarregado Serviço de terceiros fora do ar Funcionalidade difícil de usar Portanto: Um montão de coisas pode dar errado
  28. 28. Legal mas como adotar ?
  29. 29. Necessidade de uma mudança cultural Nenhuma troca de conhecimento Processos dissociados Falta de automação DevOps: barreiras de adoção
  30. 30. • Artefatos compartilhados • A saída do processo de desenvolvimento é nativamente consumida pelo ferramental operacional e vice-versa • Automação • Releases automáticos liberados para qualquer ambiente através de uma experiência “self-service”. • Objetivo comum • Métricas de monitoramento únicas e automatizadas. Cultura colaborativa, onde todas as partes interessadas trabalham em conjunto durante todo o ciclo. O esqueleto do DevOps
  31. 31. #Obrigado ! Guilherme Cardoso Consultor ALM | Arquiteto de Software Microsoft Technical Audience Contributor | MCP | MCSD ALM guilherme.silvacardoso@hotmail.com @guilhermescard

×