Successfully reported this slideshow.

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

2,139 views

Published on

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

Published in: Education
  • Be the first to comment

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

  1. 1. ARGUMENTOS CONTRA: O JURAMENTO DE HIPÓCRATES OBRIGA O MÉDICO A NÃO PROVOCAR DANOS NO UTENTE VIOLADO AO AJUDAR ALGUÉM A APRESSAR A VINDA DA MORTE
  2. 2. ARGUMENTOS CONTRA: FORMA ABUSIVA - A MORTE SEM O CONSENTIMENTO DAS PESSOAS EM CAUSA. PREVER O TEMPO DE VIDA QUE RESTA AO DOENTE - PROGNÓSTICO MÉDICO ESTAR ERRADO - PRÁTICA DE MORTES PRECOCES E SEM SENTIDO. RELAÇÃO MÉDICO/UTENTE VIESSE A SER AFECTADA DE UMA FORMA NEGATIVA..
  3. 3. E OS INTERESSES MUNDANOS... REITERAR ESCONDER DISPUTAS DE HERANÇAS INTERESSES CONJUGAIS SUBTERRÂNEOS O TRÁFICO DE ÓRGÃOS HUMANOS
  4. 4. ARGUMENTOS A FAVOR: ESCOLHA DE MODO A EVITAR A DOR E O SOFRIMENTO NÃO PERDE O PODER DE SER DIGNO ATÉ AO FIM. DIREITO DE MORRER
  5. 5. ARGUMENTOS A FAVOR: RAMON SAMPEDRO REFERE, NO FILME MAR ADENTRO, “A VIDA ASSIM NÃO É DIGNA PARA MIM” LEVA A CONDUZIR O INDIVÍDUO A PEDIR O DIREITO A MORRER COM DIGNIDADE E A AFIRMAR QUE “VIVER É UM DIREITO NÃO UMA OBRIGAÇÃO”
  6. 6. IGREJA DEFENSORA SERVIDORA INVISIBILIDADE ADVOGADA
  7. 7. 20.900.000 PESSOAS NO MUNDO FORMA DE CERCEAMENTO DA LIBERDADE VIOLAÇÃO DO DIREITO DA DIGNIDADE
  8. 8. TRÁFICO HUMANO EXPLORAÇÃO SEXUAL ADOÇÃO ILEGAL EXTRAÇÃO DE ÓRGÃOS TRABALHO ESCRAVO
  9. 9. FATORES DE VULNERABILIDADE POBREZA, TRABALHO, SUSTENTAR A FAMÍLIA SECAS OU INUNDAÇÕES MOTIVAÇÕES SÃO BEM MAIS COMPLEXAS DESEJO: CULTURA, CORPO, CASAMENTO, CONDIÇÃO DE VIOLAÇÃO DE DIREITOS DEFICIÊNCIA DE RESPOSTAS ESTATAIS
  10. 10. 1) TRABALHO ESCRAVO:
  11. 11. 1) TRABALHO ESCRAVO:
  12. 12. 1) TRABALHO ESCRAVO:
  13. 13. 1) TRABALHO ESCRAVO:
  14. 14. 2) EXPLORAÇÃO SEXUAL: MAIOR TRAFICANTE DE MULHERES; CRESCENTE NÚMERO DE HOMENS; MODELOS – ÁSIA (ÍNDIA)
  15. 15. ÓRGÃOSDE 3) TRÁFICO PROIBIDO A VENDA DE SANGUE IMAGINE ENGANDAS POR FRAUDES DOAM ÓRGÃOS ÓRGÃOS NEGÓCIO RENTOSO
  16. 16. 4) ADOÇÃO ILEGAL NUNCA RETOMARÃO SUAS VIDAS SEM PROTEÇÃO “ QUEM DISSE QUE ONDE FALTA DIHEIRO, FALTA AMOR.” TRAFICANTE É TORPE
  17. 17. DESAFIO FLUXO MIGRATÓRIO CONTER ANTES DA SAÍDA MUDANÇA DA LEGISLAÇÃO REGULARIZAÇÃO
  18. 18. POLÍTICA NACIONAL DE COMBATE 1) PREVENÇÃO 3) PROTEÇÃO E ASSISTÊNCIA COOPERAÇÃO JURÍDICA INTERNACIONAL 2) REPRESSÃO PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS DE ABORDAGENS
  19. 19. PROTOCOLO DE PALERMO DIRETRIZ INTERNACIONAL 115 METAS - 2016 CAMPANHA CORAÇÃO AZUL 17 MINISTÉRIOS ESFORÇO GLOBAL
  20. 20. PENA DE RECLUSÃO 03 A 08 ANOS MENOR - ARMAS E DROGAS.
  21. 21. CONCEITO FORMA MODERNA DE ESCRAVIDÃO INSTRUMENTALIZAÇÃO DA VIDA PARA O EXERCÍCIO DO PODER DE HOMENS SOBRE HOMENS MERCANTILIZAÇÃO DA VIDA

×