"A aia", Contos, Eça de Queirós

13,852 views

Published on

Um conto de Eça de Queirós sobre a lealdade e a fidelidade.

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
13,852
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,546
Actions
Shares
0
Downloads
158
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • {}
  • "A aia", Contos, Eça de Queirós

    1. 1. A Aia, de Eça de Queirós um conto que retrata valores como a lealdade e a fidelidade
    2. 2. A Aia
    3. 3.  Estrutura da Acção  Introdução (dois primeiros parágrafos) Apresentação do rei e do seu reino. Partida do rei, deixando sozinhos a rainha, o filho e o reino.   Desenvolvimento (de "A rainha chorou magnificamente o rei ..." até " Era um punhal de um velho rei (...) e que valia uma província.") Comportamento das personagens aquando da morte do rei: a aia troca as crianças quando pressente o ataque ao palácio pelo ambicioso tio e a sua horda; morte do tio e do escravozinho; reação das personagens à morte do suposto principezinho. Conclusão (três últimos parágrafos) Por amor ao filho, a aia suicida-se.
    4. 4. A Aia  Da conclusão infere-se que se considerarmos a história da aia, estamos perante uma narrativa fechada, pois apresenta um desenlace irreversível.  A articulação das sequências narrativas (momentos de avanço) faz-se por encadeamento.  Os momentos de pausa abrem e fecham a narrativa e interrompem, por vezes, a narração com descrições (espaço, objetos, personagens).
    5. 5. A Aia  Símbolos  Ao longo da ação há inúmeras referências ao ouro, material precioso e incorruptível, símbolo de perfeição. Para além do seu valor material, simboliza a salvação, a elevação de uma forma superior de vida, mais espiritual. O príncipe, frágil e inocente, tem cabelos louros e dormia no seu berço com o seu guizo de ouro fechado na mão. Na câmara dos tesouros todos os objetos cintilavam e até o céu se tingia de ouro. E era no céu, que se encontrava o escravo, salvo dos perigos e era junto dele que a aia desejou estar.  Por outro lado, a presença da escuridão, da noite ao longo da ação, acentua o caráter trágico da mesma. Os cabelos negros do escravo, em contraste com os cabelos louros do príncipe são referências à morte do primeiro, versus a salvação do segundo.
    6. 6. A Aia  ORGANIZAÇÃO DE SEQUÊNCIAS NARRATIVAS JOGO DE CORRESPONDÊNCIAS MORFOLOGIA DE PALAVRAS  http://www.prof2000.pt/users/agrela/SeqNarrativas.htm  
    7. 7. A Aia  ORGANIZAÇÃO DE SEQUÊNCIAS NARRATIVAS JOGO DE CORRESPONDÊNCIAS MORFOLOGIA DE PALAVRAS  http://www.prof2000.pt/users/agrela/SeqNarrativas.htm  

    ×