Alfabetização Digital

510 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
510
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
27
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Alfabetização Digital

  1. 1. O QUE A COMUNIDADE ESCOLAR DA ESCOLA MUNICIPAL NORBERTO SCHWANTES ESPERA COM A CHEGADA DO COMPUTADOR NA ESCOLA? PROFESSORA: EDILEUSA APARECIDA DA SILVA
  2. 2. CHEGUEI
  3. 3. NÃO ESPERO QUE O COMPUTADOR SEJA A SALVAÇÃO DA EDUCAÇÃO. PODERÁ SIM, SER MAIS UM INSTRUMENTO AUXILIAR NA CONSTRUÇÃO DE UM MUNDO MELHOR.
  4. 4. CERTEZAS PROVISÓRIAS O computador é: . Realidade . Avanço Tecnológico . Se bem usado, será útil. . Nem todos possuem acesso, para a maioria o acesso será apenas na escola. . Exigências de mais recursos financeiros. . Expectativa de todos . Causador de desemprego e pré-requisito para outros empregos. . Perda do contato físico; . Vivemos na sociedade da informação e da sociedade fragmentada; . Se não houver interação, ocorrerá a transmissão de “verdades”; . Ter computador não é entrar na era pós-moderna; . Alunos aprendem mais rápido que nós; . Nos traz incertezas; . É um recurso que poderá nos auxiliar a enxergar mais longe;. . Não há uma necessária seqüência lógica para a alfabetização tecnológica .
  5. 5. QUESTIONAMENTOS DO MOMENTO O computador está disponível no mercado, no entanto sua aquisição é selecionada em função do poder aquisitivo das pessoas. Muitas escolas já estão equipadas e utilizando esta máquina. Mas: Qual será a forma de seu uso na escola ? Qual a relação que deve existir entre a sala de informática e o P.P.P? E a avaliação nesse novo processo deverá ser repensada?
  6. 6. RESPOSTAS DO QUESTIONAMENTO 1º) Nossa opção é por uma educação libertadora. E dentro desta concepção há a preocupação com uma visão de conjunto e definições coletivas, embora os níveis de consciência sejam diferentes dos envolvidos , o convite à discussão deve ser uma prática constante. 2º ) No P.P.P. construído coletivamente estão implícitos os anseios da Comunidade Escolar , portanto, a sala de informática se for concebida para auxiliar na aprendizagem das disciplinas poderá contribuir na construção do conhecimento. 3º) A avaliação caminha para o pensar de uma pratica de certificação de validade social. Quando alguém diz ao outro o que aprendeu, o outro terá uma reação, uma troca de saberes, aí é que se potência a livre discussão e o avanço para um novo desenho do futuro.
  7. 7. O QUE VOCÊ ESPERA COM A CHEGADA DOS COMPUTADORES EM NOSSA ESCOLA? Conhecer melhor como funciona e como se usa o computador; Auxiliar na aprendizagem em todas as disciplinas; Adquirir informações; Uso pessoal e particular; Como curso profissional; Distração e diversão; ENTREVISTA
  8. 13. “ QUEREMOS UMA ESCOLA PARA A VIDA E NÃO PARA UMA ETAPA DA VIDA” Mário Osório Marques

×