Comportamento Organizacional

27,767 views

Published on

Material Pós-Graduação
UnC

Published in: Business, Technology
1 Comment
11 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
27,767
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
127
Actions
Shares
0
Downloads
1,128
Comments
1
Likes
11
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Comportamento Organizacional

  1. 1. COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Debora Aparecida Almeida 2008
  2. 2. Grupo de Trabalho Grupo cujos membros interagem basicamente para partilhar informações e tomar decisões, para mutuamente se ajudarem no desempenho da sua área.
  3. 3. Equipe de Trabalho Grupo cujos esforços individuais resultam em um desempenho, que é maior do que a soma da contribuição de cada um dos indivíduos.
  4. 4. Habilidades Intrapessoais <ul><li>Auto Percepção : Conhecer os próprios estados interiores; </li></ul><ul><li>Auto Regulação : Capacidade de lidar com os estados interiores; </li></ul><ul><li>Auto Motivação : Tendências emocionais que guiam e facilitam o alcance de metas. </li></ul>
  5. 5. Habilidades Interpessoais <ul><li>Empatia : Percepção dos sentimentos, necessidades e preocupações com as outras pessoas ; </li></ul><ul><li>Aptidões Sociais : Aptidão natural para induzir nas outras pessoas as respostas desejáveis. Devem ser baseadas na ética e nos valores morais. </li></ul>
  6. 6. Aprendizagem de Equipe <ul><li>Para os gregos dia-logos, denotava novas idéias e percepções que os indivíduos não conseguiriam ter sozinhos. </li></ul><ul><li>A inteligência da equipe excede a inteligência individual, e as pessoas conseguem evoluir muito mais rápido. </li></ul>
  7. 7. CONFLITO saber agir saber mobilizar saber transferir saber aprender saber se engajar ter visão estratégica assumir responsabilidades Desempenho Organizacional Conceito Diferenças incompatíveis percebidas que resultam em alguma forma de interferência e oposição. Organização Conflito Funcional Conflito Disfuncional
  8. 8. A Rainha de Copas disse : “ Veja você precisa correr tanto quanto pode para ficar no mesmo lugar. Se você quiser chegar a um outro lugar, deverá correr pelo menos duas vezes mais rápido.” ( Lewis Carroll )
  9. 9. As Desculpas . . . Na vida profissional, passamos metade do tempo ouvindo desculpas. E outra metade do tempo passamos dando desculpas. A explicação é cultural. Em latim culpa significa falha. Portanto “me desculpe significa, por favor, esqueça que eu falhei” Como somos humanos erramos, e como erramos nos desculpamos. Em inglês, em francês, em italiano desculpa deriva do latim ex-causa , que quer dizer sem motivo. Scusati Excusez moi Excuse me GEHRINGER, Max. O melhor de Max Gehringer na CNB : conselhos sobre carreira, currículo, comportamento e liderança. São Paulo : Globo, 2006.
  10. 10. NEM TUDO É O QUE PARECE
  11. 13. Vou pensar. Ah! Se eu tivesse feito isso 10 anos atrás. Já tentei e não deu certo O negócio é ir levando. Vai dar muito trabalho Quem sabe mais prá frente. Isso será impossível!!! Só vou perder tempo
  12. 14. O problema não é como pensar diferente, e MUDAR. O problema é como d e l e t a r os velhos conceitos.
  13. 15. O MAPA DO SUCESSO INTER E INTRAPESSOAL ESTÁ EM NÓS MESMOS . . .
  14. 16. ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?
  15. 17. ?
  16. 18. HABILIDADES EFICAZES Começar com uma abertura positiva Lide com os problemas , não com as personalidades Esteja aberto para aceitar a assistência de terceiros Concentre-se em soluções ganha-ganha
  17. 19. <ul><li>MUDANÇA </li></ul><ul><li>ORGANIZACIONAL </li></ul><ul><li>COMPORTAMENTO </li></ul><ul><li>GRUPAL </li></ul><ul><li>COMPORTAMENTO </li></ul><ul><li>INDIVIDUAL </li></ul><ul><li>MOTIVAÇÃO </li></ul><ul><li>CONHECIMENTO </li></ul>PROCESSO DE MUDANÇA
  18. 20. “ Uma instituição não tem cara e não tem alma. Tem história, mas não tem histórias. Cara e histórias têm as pessoas que trabalham na instituição; que são também os que lhe fornecem alma.” Luiz Fernando Veríssimo.

×