Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
QUEM É BRODY DALLE?
Brody Dalle é o nome artístico da australiana Bree Leslie  Pucilowski, que desde cedo entrou no mundo da música com  letra...
Com 18 anos Brody muda-se para a Califórnia (E.U.A), formando a banda  The Distillers . Aprende então a 1.ª lição no meio ...
À medida que iam sucedendo   os concertos e os álbuns dos  The Distillers , Brody ia se entranhando cada vez mais debaixo ...
Brody ia amadurecendo, tal como o seu público que a acompanhava. Recompensando-os com algo que estes sentiam que fora excl...
«Uma borboleta não passa de uma lagarta, não é melhor  nem mais perfeita que uma lagarta; uma borboleta é uma criatura dif...
Esta reinvenção de Brody Dalle excedeu as expectativas reforçando o passa-a-palavra,  a fidelização e alcançando múltiplos...
<ul><li>Mantendo a sua identidade com a mesma irreverência, Brody permaneceu relevante também para sua base de fãs que foi...
Brody Dalle fundava a banda  Spinnerette , dando corpo à capa e contra-capa do primeiro trabalho desta sua nova banda.  Ap...
<ul><li>O percurso de Brody Dalle sugere: </li></ul><ul><li>Criar uma ligação emocional com o seu público. E fomentá-la ao...
QUEM É BRODY DALLE? (carregue na imagem)
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Quem é Brody Dalle?

2,417 views

Published on

Published in: Technology, Travel
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Quem é Brody Dalle?

  1. 1. QUEM É BRODY DALLE?
  2. 2. Brody Dalle é o nome artístico da australiana Bree Leslie Pucilowski, que desde cedo entrou no mundo da música com letras, ritmos e músicas, que reflectiam realidades, desejos e aspirações dos seus ouvintes. A chave para criar uma marca cool é frequentemente associá-la a pessoas e comportamentos admirados pelo segmento para o qual a marca é dirigida. As marcas têm de ser a voz de alguém.
  3. 3. Com 18 anos Brody muda-se para a Califórnia (E.U.A), formando a banda The Distillers . Aprende então a 1.ª lição no meio do punk rock californiano, de onde surgiram também os Green Day: « Sell Like you Buy! » Algumas vezes os nossos maiores sucessos podem derivar das capacidades e áreas pelas quais somos mais apaixonados, investindo as nossas forças e evoluindo sem vaguear muito longe das nossas competências nucleares. Gestão rimará sempre com Paixão!
  4. 4. À medida que iam sucedendo os concertos e os álbuns dos The Distillers , Brody ia se entranhando cada vez mais debaixo da pele do seu público. Conseguindo encontrar o motivo e as emoções às quais o seu público se ligava, gerando experiências que iriam criar valor muito para além de qualquer tangibilidade.
  5. 5. Brody ia amadurecendo, tal como o seu público que a acompanhava. Recompensando-os com algo que estes sentiam que fora exclusivamente criado para eles, movendo assim a relação para um nível mais íntimo.
  6. 6. «Uma borboleta não passa de uma lagarta, não é melhor nem mais perfeita que uma lagarta; uma borboleta é uma criatura diferente. A reinvenção envolve uma série de metamorfoses contínuas dessa magnitude com o passar do tempo. A reinvenção não é mudar o que é, mas sim criar o que não é.» - Richard Pascale, consultor norte-americano.
  7. 7. Esta reinvenção de Brody Dalle excedeu as expectativas reforçando o passa-a-palavra, a fidelização e alcançando múltiplos segmentos.
  8. 8. <ul><li>Mantendo a sua identidade com a mesma irreverência, Brody permaneceu relevante também para sua base de fãs que foi crescendo consigo. </li></ul><ul><li>Ela não só comunicava uma nova imagem para os seus fãs, como dava a estes uma forma de comunicar consigo, participando na construção da sua marca, completando o ciclo de comunicação bidireccional. </li></ul>
  9. 9. Brody Dalle fundava a banda Spinnerette , dando corpo à capa e contra-capa do primeiro trabalho desta sua nova banda. Apesar destas estratégias se focarem essencialmente na mudança, estas demonstram no entanto que a chave é evoluir sem abandonar o que fez sucesso no passado. Em acções de rebranding é frequente, quando se elaboram novas estratégias de marca, negligenciarem-se nichos numa tentativa de atrair um maior número de consumidores mais rapidamente. Brody não cedeu a essa tentação.
  10. 10. <ul><li>O percurso de Brody Dalle sugere: </li></ul><ul><li>Criar uma ligação emocional com o seu público. E fomentá-la ao longo do tempo; </li></ul><ul><li>Evoluir a um ritmo que não aliene os clientes actuais; </li></ul><ul><li>Centrar-se em toda a experiência e não apenas ao nível do produto </li></ul><ul><li>Desenvolver talento de forma contínua; </li></ul><ul><li>Relacionar a mensagem com a missão e com o seu público; </li></ul><ul><li>Definir a marca sendo esta mais que um produto; incluindo os atributos funcionais e emocionais da marca; </li></ul><ul><li>Resistir à tentação de sobreexposição; </li></ul><ul><li>Capacitar o público para ajudar a sua marca a tornar-se e manter-se bem sucedida no mercado. </li></ul>
  11. 11. QUEM É BRODY DALLE? (carregue na imagem)

×