Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
O IMPACTO DAS TIC NO CURRÍCULO E NA APRENDIZAGEM ESCOLAR: UMA    TRANSFORMAÇÃO EM CURSO                          César Col...
O impacto das TIC no curriculo         direto                                                            indiretoIncorpora...
As TIC como conteúdos de aprendizagem:o domínio funcional da tecnologiaAs TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, mel...
As TIC como conteúdos da aprendizagem:o domínio funcional da tecnologia  As necessidades básicas de aprendizagem  associad...
As TIC como conteúdos de aprendizagem:o domínio funcional da tecnologia Questões abertas e linhas de pesquisa   A alfabeti...
As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensino As TIC e a criação de espaços semióticos com possibilida...
As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensino O estado da questão: diferenças entre as expectativas e ...
As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensinoQuestões abertas e linhas de pesquisa    Usos “transforma...
As TIC e a configuração de uma novaecologia da aprendizagem O surgimento de novos nichos de aprendizagem e agentes educati...
As TIC e a configuração de uma nova ecologia da aprendizagem              Escolarização universal                         ...
O currículo escolar no contexto da nova ecologia da aprendizagem          Escolarização universal                         ...
O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagemTensões e desajustes  Sobrecarga de conteúdos curriculares ...
O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagem Desafios e propostas   Realizar uma profunda revisão do cu...
O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagem … Além do currículo   Estabelecer mecanismos e procediment...
O CURRÍCULO ESCOLAR PARA A NOVA ECOLOGIA DE               APRENDIZAGEM       OBRIGADO PELA ATENÇÃO!                 César ...
Referências bibliográficasBanks, A. et. alt. (2007). Learning In and Out of School in Diverse Environments: Life-Long, Lif...
Referências bibliográficasLOOI, C. K. (2001). Enhancing learning ecology on the internet. Journal of ComputerAssisted Lear...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

O impacto das TIC no currículo e na aprendizagem escolar

2,088 views

Published on

Coll, C. (2012). El impacto de las TIC en el curriculum y el aprendizaje escolar: una transformación en curso. Conferencia invitada en Interdidáctica. Fórum Internacional de Tecnología Educacional. Sao Paulo, 17-18 de abril.

Published in: Education
  • Be the first to comment

O impacto das TIC no currículo e na aprendizagem escolar

  1. 1. O IMPACTO DAS TIC NO CURRÍCULO E NA APRENDIZAGEM ESCOLAR: UMA TRANSFORMAÇÃO EM CURSO César Coll (Traducción al portugués de Vanessa Helena Campos de Miranda) Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  2. 2. O impacto das TIC no curriculo direto indiretoIncorporação das TIC TIC e mudanças na educação escolar associadas à SITIC e conteúdos curriculares As TIC e a nova ecologia da aprendizagem TIC e metodologia docente O currículo escolar no contexto da nova ecologia da aprendizagem Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  3. 3. As TIC como conteúdos de aprendizagem:o domínio funcional da tecnologiaAs TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensinoAs TIC e a configuração de uma novaecologia da aprendizagemO currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagem Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  4. 4. As TIC como conteúdos da aprendizagem:o domínio funcional da tecnologia As necessidades básicas de aprendizagem associadas às TIC A alfabetização digital como meta da educação formal O estado da questão: os currículos da educação escolar frente a alfabetização digital Alfabetização em TIC Alfabetização em práticas letradas digitais Alfabetização multimídia: meios, linguagem e formatos Alfabetização no processamento da informação Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  5. 5. As TIC como conteúdos de aprendizagem:o domínio funcional da tecnologia Questões abertas e linhas de pesquisa A alfabetização digital no currículo escolar: especificidade ou transversalidade? A (in)coerência dos conteúdos e habilidades digitais com outros conteúdos e habilidades do currículo escolar Importância, impacto e articulação das aprendizagens formais e informais na alfabetização digital: nativos digitais e alfabetização digital http://www.jisc.ac.uk/whatwedo/programmes/resou Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  6. 6. As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensino As TIC e a criação de espaços semióticos com possibilidades inéditas para Buscar, representar, processar, transmitir e compartilhar informação Pensar e interpensar (“ferramentas da mente”) Mediar –planificar, orientar, regular, ajustar– os processos de ensino e aprendizagem (“ferramentas didáticas”) Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  7. 7. As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensino O estado da questão: diferenças entre as expectativas e a realidade Em geral, as TIC são pouco utilizadas e tendem a reforçar as abordagens e práticas educativas existentes As diferenças não são atribuídas (apenas) à problemas de acesso: inclusive com livre acesso, o uso é em geral limitado e pouco inovador As TIC não geram automaticamente dinâmicas de inovação e melhoria educativa; mas sua utilização em determinados contextos de uso podem gerá-las. A potência transformadora das TIC e relações entre pedagogia e tecnologia Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  8. 8. As TIC e a metodologia: promover aaprendizagem, melhorar o ensinoQuestões abertas e linhas de pesquisa Usos “transformadores” versus usos “reforçadores” das práticas pedagógicas A conexão entre metodologias de pesquisa (PBL, CBL, Projetos), aprendizagem colaborativa e TIC O acesso e uso de Recursos Educativos Abertos e Práticas Educativas Abertas na educação formal Simulações, realidade virtual, realidade aumentada e aprendizagem Jogos, videogames, jogos sérios e aprendizagem baseada em jogos Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  9. 9. As TIC e a configuração de uma novaecologia da aprendizagem O surgimento de novos nichos de aprendizagem e agentes educativos As oportunidades de aprendizagem em cenários tradicionalmente “não educativos” As mudanças no mundo do trabalho e as necessidades da aprendizagem ao longo da vida A onipresença das TIC e a transformação das práticas sociais e culturais: a cultura digital A nova ecologia da aprendizagem: rumo a um modelo de educação distribuída e interconectada Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  10. 10. As TIC e a configuração de uma nova ecologia da aprendizagem Escolarização universal Educação distribuída e interconectada Multiplicidade de cenários eOnde e Instituições educativas agentes educativoscom quem Profissionais da educação A rede de nichos de aprendizagem e sua articulação Necessidades de aprendizagem em diferentes etapas da vidaQuando No início da vida Alternância dos períodos de formação e não formação Competências ou “habilidades Saberes culturais “estáveis” básicas” para o século XXIO quê mais valorizados As novas alfabetizações Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  11. 11. O currículo escolar no contexto da nova ecologia da aprendizagem Escolarização universal Educação distribuída e interconectada Preparar-se para desenvolver Formar aprendizes competentes,Para um projeto de vida pessoal e capazes de seguir aprendendo aoquê profissional longo da vida Participação em comunidades de Mediante a ação educativa interesse, prática e aprendizagem intencional, sistemática e planificada (ensino) Utilização de diferentes formatos e linguagem de representação daComo Predomínio das tecnologias informação (com predomínio da baseadas na lingua escrita e linguagem visual) as habilidades requeridas para seu uso (ler, escrever, As TIC digitais como vias de ler e escrever para aprender) acesso a informação e ao conhecimento Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  12. 12. O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagemTensões e desajustes Sobrecarga de conteúdos curriculares (também e especialmente na educação básica) Escassa funcionalidade de alguns conteúdos curriculares Repetições, falta de articulação e inclusive contradições entre os conteúdos curriculares e as práticas socioculturais do alunado fora dos centros educativos Ausência de conteúdos (saberes fundamentais e habilidades básicas) necessários para o século XXI Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  13. 13. O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagem Desafios e propostas Realizar uma profunda revisão do currículo escolar com a finalidade de: Redimensioná-lo, atendendo as redes de nichos de aprendizagem do alunado Ajustá-lo as necessidades básicas de aprendizagem na SI e a sua satisfação a “através” e “ao longo” da vida (o debate sobre “o básico” na educação básica inicial) Promover no alunado a construção de uma identidade de aprendiz que os habilite para seguir aprendendo ao longo da vida Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  14. 14. O currículo escolar no contexto da novaecologia da aprendizagem … Além do currículo Estabelecer mecanismos e procedimentos de coordenação e acompanhamento do alunado no trânsito entre nichos de aprendizagem Assegurar a infraestrutura e o equipamento em TIC necessários para facilitar o acesso e uso do alunado e do professorado a recursos e agentes educativos situados fora da sala de aula Atender as particulares ecologias da aprendizagem do alunado na definição de políticas curriculares orientadas a promover a qualidade e a equidade em educação Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  15. 15. O CURRÍCULO ESCOLAR PARA A NOVA ECOLOGIA DE APRENDIZAGEM OBRIGADO PELA ATENÇÃO! César Coll Universitat de Barcelona ccoll@ub.edu www.ub.es/grintie - www.psyed.edu.es/mipe Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  16. 16. Referências bibliográficasBanks, A. et. alt. (2007). Learning In and Out of School in Diverse Environments: Life-Long, Life-Wide, Life-Deep. The Learning in Informal and Formal Environments Center.University of Washington, Stanford University, and SRI International. Available(01/10/2011) at: http://education.washington.edu/cme/cenpub.htmBROWN, J.S. (1999). Learning, working, and playing in the digital age.BARRON, B. (2006). Interest and self-sustained learning as catalysts of development: Alearning ecologies perspective. Human Development, 49, 193-224.BARRON, B. (2010). Conceptualizing and Tracing Learning Pathways over Time andSetting. National Society for the Study of Education, 109(1), 113–127.COLLINS, A & HALVERSON, R. (2010). Rethinking education in the age of technology. Thedigital revolution and schooling in America. New York: Teachers College.GREENHOW, CH., ROBELIA, B. & HUGHES, J. E. (2009). Learning, Teaching, andScholarship in a Digital AgeToward a Creative Social Web for Learners and Teachers.Educational Researcher, 38(4) 246–259.HAYES JACOBS, H. (Ed.) (2009). Curriculum 21. Essential education for a changing world.Virginia: ASCD. Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012
  17. 17. Referências bibliográficasLOOI, C. K. (2001). Enhancing learning ecology on the internet. Journal of ComputerAssisted Learning, 17, 13-20.MILLER, R. et al. (2008). Schools Over: Learning Spaces in Europe in 2020: AnImagining Exercise on the Future of Learning. Joint Research Center. EuropeanCommission.RUDD, T., SUTCH, D. & FACER, K. (2006). Towards new learning networks. Available(04.09.2011) at: www.futurelab.org.uk/research/opening_education.htm.SPIRES, H., WIEBE, E., YOUNG, C. A., HOLLEBRANDS, K. & LEE, J. (2009). Toward a NewLearning Ecology: Teaching and Learning in 1:1 Environments. Friday Institute WhitePaper Series. NC State University: Raleigh, NCUS DEPARTMENT OF LABOR (1991). What Work Requires of Schools: A SCANS Report forAmerica 2000. The Secretarys Commission on Achieving Necessary Skills, a publication ofthe US Department of Labor, June 1991.WILLIAMS, R., KAROUSOU, R. & MACKNESS, J. (2011). Emergent Learning andLearning Ecologies in Web 2.0. International Review of Research in Open and DistanceLearning, 12(3), 39-59. Interdidática. Fórum Internacional de Tecnologia Educacional. Sâo Paulo. 17-18 de abril de 2012

×