Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Espiritismo doutrina consoladora e bendita

28,019 views

Published on

Published in: Spiritual

Espiritismo doutrina consoladora e bendita

  1. 1. Allan Kardec - O Evangelho segundo o Espiritismo, cap. X, item 18. Espiritismo! doutrina consoladora e bendita! Felizes dos que te conhecem e tiram proveito dos salutares ensinamentos dos Espíritos do Senhor! — Dufêtre, bispo de Nevers. (Bordéus.)
  2. 2. Meus amigos, agradecei a Deus o haver permitido que pudésseis gozar a luz do Espiritismo. Não é que somente os que a possuem hajam de ser sal-vos; é que, ajudando-vos a compreender os ensinos do Cristo, ela voz faz melhores cristãos. (ESE - Cap. XV, item 10, Paulo, o apóstolo)
  3. 3. Assim como o cristo disse: "não vim destruir a lei, porém cumpri-la", também o espiritismo diz: ―não venho destruir a lei cristã, mas dar- lhe execução.‖ Nada ensina em contrário ao que ensinou o cristo; mas, desenvolve, completa e explica, em termos claros e para toda gente, o que foi dito apenas sob forma alegórica. ESE – capítulo 1 – item 7.
  4. 4. Allan Kardec - ESE, Cap. VI, ítem 4 O Espiritismo vem abrir os olhos e os ouvidos, porque fala sem figuras e sem alegorias; ele ergue o véu deixado propositadamente sobre certos mistérios.
  5. 5. Allan Kardec - Livro dos Médiuns cap. XXVI - item 292 - q. 22. . "Não esqueçais que o fim essencial, exclusivo, do Espiritismo é a vossa melhora‖
  6. 6. Allan Kardec - R. E. 1867, P. 8. Não basta se dizer espírita : aquele que o é de coração o prova por seus atos.
  7. 7. Allan kardec - R. E. 1859, p. 183 O objetivo do espiritismo é de fazer melhores aqueles que o compreendem ; tratemos de dar o bom exemplo e de mostrar que, para nós, a doutrina não é letra morta ;
  8. 8. Deus, em sua misericórdia infinita, vos pôs no fundo do coração uma sentinela vigilante, que se chama consciência. Escutai-a, que somente bons conselhos ela vos dará. Ouvi-a, interrogai-a e com frequência vos achareis consolados com o conselho que dela houverdes recebido. Um espírito protetor (ESE Cap. XIII, item 10.) Sentinela vigilante

×