Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Conceito de Técnica e Tecnologia [em Álvaro Vieira Pinto]

943 views

Published on

Slides sobre o conceito de Técnica e Tecnologia, abordando diversas concepções, mas oferecendo enfoque ao conceito de tecnologia do filósofo brasileiro Álvaro Vieira Pinto, que apresenta a técnica como existencial do ser humano.

Published in: Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Conceito de Técnica e Tecnologia [em Álvaro Vieira Pinto]

  1. 1. conceito de técnica 
 e tecnologia 
 rodrigo@gonzatto.com rodrigo gonzatto gonzatto.com
  2. 2. O que éTecnologia? O que não éTecnologia?
  3. 3. Cozinhar é tecnologia?
  4. 4. Comer é técnica?
  5. 5. Chupar frutas in Salvador da Bahia: 
 a case of practice-specific alterities (VAN DE PORT; MOL, 2015) http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/1467-9655.12151/abstract ABSTRACT: In this article we interfere with the naturalization of ‘eating’ by comparing two modes of engaging with fruits in Salvador da Bahia, Brazil. One of these is comer, which translates as ‘to eat’.The other is chupar,‘to suck’. In comer, a piece of fruit crosses distinct bodily boundaries and gets swallowed; in chupar, juices spill over hands, while stones or fibres that have made it into a mouth are taken out again. Some fruits, like apples, compel a person to comer; others, like mangoes, invite chupar. But fruits do not decide by themselves how they will be handled: at a dinner table, in public, or in places that need to stay clean, comer is advisable; chupar fits backyards and more intimate company.And then there are gratifications: comer may come with the pride of being educated; chupar offers such pleasures as overflowing juices and childhood memories.All in all, our comparison reveals that ‘eating’ is not a given precedent, but that comer and chupar evoke different worlds, populated by different entities (bodies, fruits), and coloured by different pleasures. One might say that the ontologies involved are different, but that is not quite strong enough, as the relevant alterities also include activities and normativities, while the boundaries between the worlds of comer and chupar are markedly fluid and shot through with partial connections.
  6. 6. “O Conceito de Tecnologia”, VIEIRA PINTO, Álvaro
  7. 7. Tecnologia como estudo da técnica Pesquisa, ciência e discussão sobre a técnica. Tecnologia como sinônimo de técnica É o sentido popular de técnica como modos de produzir alguma coisa.
 Artes, habilidades do fazer, profissões, know-how. Tecnologia como conjunto das técnicas Todas as técnicas que dispõe uma sociedade. Concepção usada para
 comparar sociedades usando a tecnologia como medida e valor. Tecnologia como ideologia da técnica Discursos sobre a técnica e a tecnologia que identificam apenas 
 algumas técnicas com o “status" de tecnologia VIEIRA PINTO, Álvaro. O conceito de tecnologia. Rio de Janeiro: Contraponto, 2005.
  8. 8. O termo ‘Tecnologia' costuma aparecer exclusivamente quando se fala de máquinas, especialmente de computadores. Tecnologia não tem a ver com outras seções de um jornal? Economia? Política? Cultura?
  9. 9. Tecnologia é apenas a técnica mais atual? Desde quando computar é técnica? PS.: Computador era o nome de uma profissão.
  10. 10. Só o computador é Técnica e Tecnologia? mas… quais as técnicas do computar? ENIAC 1946 máquinas eletrônicas computadores programáve ábaco babilonico (2700–2300 a.C) contar com os dedos cálculo, em latim calculus: 
 “contas com pedras” “pedra pequena" 4 operações memória imprime (1834) Babbage Roda graduada de Leibnitz (1671) 4 operações e raiz quadrada Régua de Cálculo (1622) Napier calculadora analógica (logarítimos) Tear de Jacquard (1804) máquina de tear automatizada c/ cartões perfurados tabuada, do latim "tabuleiro, mesa, tábua” Pitágoras (VI a.C) Pascalina (1642) Pascal
 1ª máquina de somar mecânica sistema binário Pingala séc III a.C.
  11. 11. Fazer fogo… são técnicas?
  12. 12. Fazer fogo… são técnica
  13. 13. Fazer fogo com isqueiro, 
 é mais _______ ? fácil?simples? rápido?
  14. 14. Fazer fogo… são técnica
  15. 15. Fazer fogo… são técnica
  16. 16. 
 A condição humana é necessariamente tecnológica. Toda ação é técnica.Algumas são “velhas”, outras “novas".
 Técnica não é só a “melhor”.Todas as técnicas estão em desenvolvimento. Técnicas são corporificadas no mundo material, nas coisas, nos corpos. VIEIRA PINTO, Álvaro. O conceito de tecnologia. Rio de Janeiro: Contraponto, 2005. Tecnologia como existencial do ser humano
  17. 17. Algumas questões
  18. 18. Mais dinheiro, melhor tecnologia? Menos dinheiro, tecnologia pior?
  19. 19. Tecnologia avançada? Tecnologia atrasada?
  20. 20. “Era tecnológica” como ideologia Operação ideológica com a qual cada grupo dominante apresenta sua versão de “fim da história”. “O laboratório de pesquisas anexo a gigantesca fábrica tem o mesmo significado ético da capelinha outrora obrigatoriamente exigida ao lado de nossos engenhos rurais” A solução dos problemas dos países “subdesenvolvidos” é apenas resultado da ineficiência de gestão e falta de instrumentos adequados?
  21. 21. A técnica não é o motor do processo histórico O ser humano não está subordinado a técnica. 
 Ela não pode ser pensada sem o ser humano
 
 Não vai dominá-lo, por está sempre subordinada aos seus interesses. Nada domina em essência o humano a não ser as leis da natureza e acidentalmente outro humano. Contra as lamúrias e pessimismos que ou choram a entrega da história ao domínio da "técnica",tornando assim uma força oculta,ou julgam-na um poder natural, mas invencível pelo homem.
  22. 22. O homem se utiliza das leis naturais para realizar os próprios intuitos, que tem como objetivo de dominar a natureza. O domínio exercido pelo homem também mostra o domínio que sofre, visto não poder fazer coisa alguma contra a natureza senão na medida em que se vale das forças por ela postas ao seu alcance. A natureza não poderia aumentar seu domínio sobre o homem,porque desde o início é total: seria insensato supor estarem sendo criadas novas forças para o esmagamento do homem. Dominação ser humano ou natureza?
  23. 23. Outras
 compreensões sobre 
 a técnica
  24. 24. Técnica para Aristóteles Técnica (techne) é o conceito do trabalho sem a matéria.“A arte (...) consiste na concepção do resultado a ser produzido antes da sua realização no material. Técnica para Kant Técnica é o procedimento (a causualidade) da natureza.A natureza possui uma técnica que deriva da matéria bruta de suas formas segundo leis mecânicas. O ato técnico está traçado antecipamente.Toda técnica humana só se materializa pela obediência às determinações do mundo físico. Homo faber Técnica como capacidade humana de 
 modificar deliberadamente materiais, objetos e eventos. Técnica para Ortega y Gasset O homem não se limita a adequar-se à natureza, mas adapta a natureza a suas necessidades ou propósito.Assim a técnica talvez responda a uma inclinação do organismo a poupar esforços desnecessários. Técnica para Bunge A técnica encarna a ação racional endereçada a garantir seu próprio sucesso, a tecnologia pode ser vista como a concretização da ação plenamente racional.
  25. 25. Técnica para ÁlvaroVieira Pinto Há técnica na guerra, na diplomacia, na pintura, na equitação, na aviação, na administração de Estados, etc.A técnica é manifestação da vida.A capacidade de invenção, de que a técnica é a manifestação exterior, define um produto da vida.A técnica é um processo de resolução das contradições do ser vivo. "A técnica é sempre o modo pelo qual a vida, na forma consciente, resolve racionalmente a contradição entre o animal que tem exigências de sobrevivência só capazes de serem satisfeitas por sua iniciativa e o mundo físico e social onde se acha. Técnica para Spengler Técnica com caráter biologista. Somente partindo da alma pode-se descobrir a significação da técnica.Técnica é a forma de comportar-se na luta que é idêntica à própria vida.A técnica não deve ser compreendida a partir da ferramenta; não se trata da fabricação de coisas, mas do manejo delas. Técnica para Heidegger Técnica como "trazer a luz", revelar, desvendar, verdade. Ela possui um caráter operativo, operatório.Visão pessimista, que vê na técnica um mal de que o homem deve fugir para não sucumbir, pois condiciona a consciência trabalhadora e o mundo manipulável por esta consciência.

×