Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Aula 003
Sistemas
Operacionais
PRONATEC
Programa Nacional de Acesso ao
Ensino Técnico e Emprego
PRONATEC
Programa Nacional de Acesso
ao Ensino Técnico e Emprego
16 O SO E O TECLADO
• Periférico de entrada mais usado
• Ao ser pressionada uma tecla internamente gera um
interrupção par...
17 Controle do Mouse
• O mouse tem controle semelhante ao do
teclado feito por uma interrupção ao SO que
processa a mesma ...
18 REDE e o SO
• Em informática REDE são dois ou mais computadores conectados de forma a permitir
que troquem informações,...
19 Sistema de Arquivos
• O endereçamento lógico dos dados no disco é uma
sequência, o SO pede qual bloco (cluster) deseja ...
20 Sistema de Arquivos (cont.)
• Tipos: FAT16, FAT32, NTFS no Windows, EXT3 e ReiserFS
para Linux
• Para formatar o HD pri...
21 Exemplo de Particionamento
22 Particionamento e Formatação
• Existem no mercado diversos softwares de
terceiros para fazer o particionamento de um hd...
23 Sistema FAT16
• É um tipo de Sistema de Arquivo antigo,
ultrapassado mas ainda em uso em alguns
dispositivos móveis com...
24 Sistema FAT32
• É um tipo de Sistema de Arquivo antigo, mas
ainda usado em pendrives e memórias flash, o
Windows 98 usa...
25 Estruturas Lógicas FAT16 e FAT32
• Nos FAT16 e FAT32 existe o setor de boot, MBR
(Master Boot Record), normalmente o pr...
26 Sistema NTFS
• É um tipo de Sistema de Arquivo mais
moderno e de melhor aceitação
• Usa endereçamento de 64 bits para o...
27 Estruturas Lógicas NTFS
• Após a formatação é criada a MFT (Master File
Table) que é a tabela mestre de arquivos
semelh...
28 Sistema EXT3
• É um tipo de Sistema de Arquivo mais usado nos
Sistemas Operacionais LINUX
• Possui mecanismos de tolerâ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Sistema Operacional - Aula003

482 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Sistema Operacional - Aula003

  1. 1. Aula 003 Sistemas Operacionais PRONATEC Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego
  2. 2. PRONATEC Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego
  3. 3. 16 O SO E O TECLADO • Periférico de entrada mais usado • Ao ser pressionada uma tecla internamente gera um interrupção para o SO que busca nos seus registradores internos o scan code (código da tecla) • Uma subrotina interna do SO analisa o scan code e o converte em ASCII code - American Standard Code for Information Interchange = Código padrão americano para troca de informações • Código ASCII dos principais caracteres: • a..z = códigos ascii de 97..122 • A..Z = códigos ascii de 65..90 • 0..9 = códigos ascii de 48..57 • Todos os outros símbolos se encaixam em valores de 1 a 255 que ocupam exatamente um byte
  4. 4. 17 Controle do Mouse • O mouse tem controle semelhante ao do teclado feito por uma interrupção ao SO que processa a mesma lendo os códigos dos registradores enviados pela interface do dispositivo • O mouse envia duas coordenadas: X,Y para posicionamento da tela onde se encontra o cursor e um código de estado dos dois botões e scroll
  5. 5. 18 REDE e o SO • Em informática REDE são dois ou mais computadores conectados de forma a permitir que troquem informações, compartilhem recursos: arquivos, impressoras, internet • A rede mais simples é a ligação de duas máquinas ponto a ponto conectadas através de cabo crossover entre suas placas de rede ou pelas portas seriais • As placas de rede são dispositivos ligados diretamente à placa mãe por slots pci • Atualmente já existem placas de rede adaptadas para portas USB no padrão sem fio: Wireless (WiFi) as quais pegam o sinal de roteadores WiFi chamados Hotspot • Redes ponto a ponto tem como característica não possuir um servidor dedicado o que a torna menos segura que a rede cliente-servidor, uma vez que tudo é permitido • Já na rede cliente-servidor um computador é promovido a ser o “mestre” entre todos os outros fazendo autenticações de entrada dos usuários na rede e regulamentando o uso dos recursos disponíveis, esse é o Servidor da Rede. • Em uma rede cliente-servidor podemos ter diversos servidores: de impressão, de autenticação, de domínio, de arquivo, de internet. • Os Windows: 98, Milenium, XP, Vista e Seven são sistemas operacionais desktop (locais) e portanto não são servidores dedicados • Um “Servidor Dedicado” é um computador que presta somente para a função de servir algum(uns) recurso(s) e mais nada, ele geralmente não é usado diretamente • Os Windows: NT, 2000, 2003 e 2008 são especificamente projetados para serem usados como servidores dedicados de redes locais • Os Linux também tem versões de distribuição para servidores e estações. Servidores: OpenSUSE, Debian, RedHat. Os desktop: Kurumin, Ubuntu
  6. 6. 19 Sistema de Arquivos • O endereçamento lógico dos dados no disco é uma sequência, o SO pede qual bloco (cluster) deseja ler e a controladora de disco se encarrega de traduzir para o CHS (Cylinder,Head,Sector) físico • Esse processo de “esconder” torna o SO capaz de interagir com a maioria dos discos do mercado e facilita para o usuário a recuperação da informação • O disco sai de fábrica “virgem” sem nada ter sido gravado nele, então a primeira coisa a se fazer é a Formatação Lógica do hd. • A formatação lógica faz com que se perca o acesso aos dados existentes no hd mas com softwares de recuperação alguns dados ainda poderão ser recuperados • Sistema de arquivos nada mais é que a forma de armazenar os dados e recupera-los do hd de um modo eficiente pelo Sistema Operacional
  7. 7. 20 Sistema de Arquivos (cont.) • Tipos: FAT16, FAT32, NTFS no Windows, EXT3 e ReiserFS para Linux • Para formatar o HD primeiro deve ser feito o “particionamento” definindo em quantas unidades lógicas o disco será dividido (C:, D:, E:..., no Windows; hd0, hd1, hd2,... no Linux) • É conveniente particionar o HD no mínimo em duas unidades, uma para o Sistema Operacional e a outra para Dados e Aplicativos. • Tipos de partição: Primária – é a principal somente ela pode conter o SO para realização da carga inicial (boot). Estendida – usada para conter dados e aplicativos. • Todo particionamento tem no mínimo uma partição primária • Cada partição deve ter sua própria Tabela de Alocação de Arquivos (FAT) que define o seu Sistema de Arquivos
  8. 8. 21 Exemplo de Particionamento
  9. 9. 22 Particionamento e Formatação • Existem no mercado diversos softwares de terceiros para fazer o particionamento de um hd: Partition Magic, GParted • A maioria dos Sistemas Operacionais já tem disponível um particionador automático na sua instalação, o usuário somente tem que definir como será feito • É conveniente particionar o HD no mínimo em duas unidades, uma para o Sistema Operacional e a outra para Dados e Aplicativos. • Feito o particionamento deve-se proceder com a Formatação Lógica pelo SO.
  10. 10. 23 Sistema FAT16 • É um tipo de Sistema de Arquivo antigo, ultrapassado mas ainda em uso em alguns dispositivos móveis como cartões micro-sd • Usa endereçamento de 16 bits e portanto limita o acesso a clusters no máximo de 2 Gigabytes • Usado pelo MS-DOS e sistemas operacionais baseados em caracter da década de 80
  11. 11. 24 Sistema FAT32 • É um tipo de Sistema de Arquivo antigo, mas ainda usado em pendrives e memórias flash, o Windows 98 usa esse tipo de sistema • Usa endereçamento de 32 bits e portanto limita o acesso a clusters no máximo de 2 Terabytes • Uma grande limitação desse sistema é não poder ter arquivos maiores que 4 GB, vídeos e ISO´s não serão gravados num HD FAT32 • Usado nos Windows antigos, 95, 98 e Millenium por padrão
  12. 12. 25 Estruturas Lógicas FAT16 e FAT32 • Nos FAT16 e FAT32 existe o setor de boot, MBR (Master Boot Record), normalmente o primeiro setor no sistema de arquivos que irá conter o software responsável pela carga do SO (boot). NTLDR no Windows XP, Grub no Linux • Após a formatação é criada a FAT (File Allocation Table) que é a tabela de alocação dos arquivos, contem todas as informações do que está gravado na unidade e como acessa-los. • Sempre que cria, altera ou exclui arquivos a FAT será atualizada pelo SO • O sistema de arquivos é no FAT é sempre uma estrutura em árvore (tree) sendo a pasta inicial a raiz do sistema
  13. 13. 26 Sistema NTFS • É um tipo de Sistema de Arquivo mais moderno e de melhor aceitação • Usa endereçamento de 64 bits para os clusters • Tem embutido características de segurança para proteção dos dados • Usado em todos os Windows a partir do XP como padrão • É um sistema mais seguro com tolerância a falhas maior que os antecessores
  14. 14. 27 Estruturas Lógicas NTFS • Após a formatação é criada a MFT (Master File Table) que é a tabela mestre de arquivos semelhante a FAT só que mais informações sobre cada arquivo incluindo dados de segurança • A MFT possui mas recursos que a FAT e também evita mais a fragmentação do disco • O sistema de arquivos é no NTFS é sempre uma estrutura em árvore (tree) sendo a pasta inicial a raiz do sistema, semelhante ao FAT
  15. 15. 28 Sistema EXT3 • É um tipo de Sistema de Arquivo mais usado nos Sistemas Operacionais LINUX • Possui mecanismos de tolerância a falhas • Modos de operação: Ordered ao final de cada operação a tabela de arquivos é atualizada, Writeback o SO atualiza a tabela em momentos de inatividade, Journal o mais seguro porém mais lento pois faz uma cópia de dados para voltar modificações equivocadas • A estrutura lógica é semelhante a uma estrutura em árvore onde a raiz é o topo • Para o usuário o sistema de arquivos não muda entre Windows e Linux exceto pela forma de apresentação da árvore de diretórios e pela “” no Windows e “/” no Linux

×