Gerência de redes e computadores

1,388 views

Published on

Matéria Aplicação de Redes - Unifacs 2014.2 - Curso Sistemas de Informação

Published in: Education
0 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,388
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
117
Comments
0
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Gerência de redes e computadores

  1. 1. GERÊNCIA DE REDES E COMPUTADORES
  2. 2. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO APLICAÇÕES DE REDES DE COMPUTADORES Eduardo da Penha José Bonifácio Filipe Ferreira Tauan Pessanha
  3. 3. CONCEITO “Gerenciamento de rede inclui a implantação, integração e coordenação do hardware, software e elementos humanos para monitorar, testar, contar, configurar, analisar, avaliar e controlar a rede e os recursos para atender os requisitos de tempo real, desempenho operacional e Qualidade de Serviço a um custo razoável” (SAYDAM, 1996)
  4. 4. RFC789 • 27-10-1980
 Grande 'queda' da ARPAnet • Alto consumo de um processo fez a rede ficar "fora do ar" durante algumas horas. • Ainda não havia preocupação com a gerência de rede.
  5. 5. MOTIVAÇÃO Vários componentes conectados para formar a rede
  6. 6. MOTIVAÇÃO Inúmeros protocolos utilizados em todas as camadas
  7. 7. PRINCIPAIS METAS • Garantir a disponibilidade • Redução dos custos operacionais • Redução do congestionamento • Aumento da flexibilidade de operação e integração • Maior eficiência • Facilidade de uso
  8. 8. NOC – Network Operations Center Traduzindo... Central de Operações de Redes
  9. 9. ATIVIDADES A gerência de redes não pode ser vista como uma atividade única, ou seja, deve ser observada como uma atividade que pode, além da operação da rede, envolver inúmeras tarefas.
  10. 10. ATIVIDADES Monitoramento Teste Consulta Administração Configuração
  11. 11. PLANEJAMENTO DE CAPACIDADES
  12. 12. DOCUMENTAÇÃO DE CONFIGURAÇÃO!
  13. 13. GERÊNCIA DE MUDANÇAS!
  14. 14. CONTROLE!
  15. 15. DISPONIBILIDADE E DESEMPENHO! +!
  16. 16. AUXÍLIO AO USUÁRIO!
  17. 17. CONTROLE DE INVENTÁRIO!
  18. 18. PAPEIS IMPORTANTES ADMINISTRADOR DA REDE • Monitorar componentes remotos • Analisar dados para garantir o funcionamento dos componentes • Controlar reativamente • Ter sempre planos de ajustes para possíveis problemas ou alterações • Gerenciar proativamente • detectar tendências de comportamentos para possibilitar ações preventivas
  19. 19. FERRAMENTAS DE GERENCIAMENTO ADEQUADAS • Detecção de falha em uma placa de interface em um hospedeiro ou roteador • Monitoramento de hospedeiro • Monitoramento de tráfego para auxiliar o oferecimento de recursos • Detecção de mudanças rápidas em tabelas de roteamento • Monitoração de SLAs (Acordos de Nível de Serviço) • Detecção de Intrusos
  20. 20. MODELO DE GERENCIAMENTO - ISO Gerenciamento de Desempenho • Quantificar • Medir • Informar • Analisar • Controlar
  21. 21. MODELO DE GERENCIAMENTO - ISO Gerenciamento de Falhas • Registrar • Detectar • Reagir
  22. 22. MODELO DE GERENCIAMENTO - ISO Gerenciamento de Configuração Permite que o administrador da rede saiba quais dispositivos fazem parte da rede administrada e quais suas configurações de HW e SW.
  23. 23. MODELO DE GERENCIAMENTO - ISO Gerenciamento de Contabilização Permite que o administrador da rede especifique, registre e controle o acesso de usuário e dispositivos aos recursos da rede.
  24. 24. MODELO DE GERENCIAMENTO - ISO Gerenciamento de Segurança Controlar o acesso aos recursos da rede de acordo com uma política definida.
  25. 25. INFRAESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE REDES • Entidade gerenciadora • Dispositivos gerenciados • Objetos gerenciados • MIB - Base de Informações Gerenciais • Agente de gerenciamento de rede • Protocolo de Gerenciamento de Redes
  26. 26. INFRAESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE REDES
  27. 27. ENTIDADE GERENCIADORA
  28. 28. • Aplicação executada em uma estação central na NOC • Controla a coleta, o processamento, a análise e a apresentação de informações de gerenciamento de redes • Ferramenta de interação com os dispositivos da rede ENTIDADE GERENCIADORA
  29. 29. ENTIDADE GERENCIADORA http://www.zenoss.com/
  30. 30. ENTIDADE GERENCIADORA http://www.zabbix.com
  31. 31. ENTIDADE GERENCIADORA http://www.nagios.org/
  32. 32. ENTIDADE GERENCIADORA http://www.jffnms.org/
  33. 33. ENTIDADE GERENCIADORA http://www.opennms.org/
  34. 34. ENTIDADE GERENCIADORA http://pandorafms.com/
  35. 35. DISPOSITIVOS GERENCIADOS Hardware e Software
  36. 36. OBJETO GERENCIADO Um objeto gerenciado representa um recurso sujeito ao gerenciamento, isto é, que pode ser gerenciado. • Peças de hardware que fazem parte do dispositivo gerenciado (ex: placas de rede); ! • Conjunto de parâmetros de configuração para as peças de hardware e software (RIP);
  37. 37. OBJETO GERENCIADO Ele é definido em termos de seus atributos, das operações a que pode ser submetido, das notificações que pode emitir e de seus relacionamentos com outros objetos gerenciados.
  38. 38. MIB BASE DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO
  39. 39. A base de informação gerencial (MIB - Management Information Base) é o nome conceitual para a informação de gerenciamento, incluindo os objetos gerenciados e seus atributos, operações e notificações. MIB BASE DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO
  40. 40. Pode-se também considerar as informações para a configuração do sistema como também pertencentes à MIB. MIB BASE DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO
  41. 41. AGENTES DE GERENCIAMENTO DE REDE
  42. 42. Os agentes são entidades que fazem a interface com os dispositivos a serem gerenciados. AGENTES DE GERENCIAMENTO DE REDE
  43. 43. • Processo que é executado no dispositivo gerenciado ! • Se comunica diretamente com a entidade gerenciadora ! • Executa ações locais sob o comando da entidade gerenciadora AGENTES DE GERENCIAMENTO DE REDE
  44. 44. Eles incluem sistemas finais que suportam aplicações de usuários bem como os nós que oferecem um serviço de comunicação, tais como processadores de front-end, controladores de clusters, bridges e roteadores. AGENTES DE GERENCIAMENTO DE REDE
  45. 45. PROTOCOLO DE GERENCIAMENTO DE REDE • Executado entre a entidade gerenciadora e o agente de gerenciamento de rede (permite a comunicação) ! • Fornece uma ferramenta que possibilita ao administrador o gerenciamento da rede (monitorar, testar, consultar, configurar, analisar, avaliar e controlar)
  46. 46. PADRÕES DE GERENCIAMENTO DE REDE • OSI CMISE/CMIP - Common Management Service Element/Common Management Information Protocol. Traduzindo... Elemento de Serviço de Gerenciamento Comum/Protocolo de Informação de Gerenciamento Comum) ! • SNMP - Simple Network Management Protocol. Traduzindo... Protocolo Simples de Gerenciamento de Rede
  47. 47. PADRÕES DE GERENCIAMENTO DE REDE • O mais usado... SNMP! ! • SNMPv3 - A mais atual ! • RFC 3410 ! • Lançamento em abril de 1999 ! • Última atualização em 2002
  48. 48. QUESTÕES ABORDADAS PELA ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO PADRÃO DA INTERNET • Definições dos objetos de gerenciamento de rede – MIB ! • Linguagem de definição de dados – SMI (Structure of Management Information. Traduzindo... Estrutura de Informações de Gerenciamento) ! • Um protocolo – SNMP ! • Capacidades de segurança e de administração – presentes o SNMPv3 ! Arquitetura Modular!
  49. 49. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO • Linguagem que define as informações de gerenciamento (unidade gerenciada) ! • SMI para SNMPv3 - RFC 2578, RFC 2579 e RFC 2580 ! • Tipos básicos de dados ! • RFC 2578 – Especifica tipos de dados básicos de definições de módulos MIB ! • 11 tipos de dados básicos
  50. 50. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO Tipos básicos de dados
  51. 51. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO Em um nível mais alto... Construção do OBJECT-TYPE
  52. 52. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO Em um nível mais alto... Construção do MODULE-IDENTITY Contém definições OBJECT-TYPE dos objetos gerenciados dentro do módulo
  53. 53. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO Em um nível mais alto... • NOTIFICATION-TYPE – especifica informações referentes as mensagens geradas pela entidade gerenciadora ou pelo agente • DESCRIPTION – especifica quando as mesnagens devem ser enviadas • Outros detalhes no RFC 2578; ! • MODULE-COMPLIANCE – define o conjunto de objetos dentro de um módulo que um agente deve implementar; ! • AGENT-CAPABILITIES – capacidades dos agentes em relação às definições de notificações e eventos
  54. 54. OPERAÇÕES DO PROTOCOLO SNMP • SNMPv2 [RFC 3416] - usado para transportar informações entre entidades gerenciadoras e agente ! • Modos polling (comando- resposta) e trap (comunicação de eventos)
  55. 55. OPERAÇÕES DO PROTOCOLO SNMP SNMPv2 - 7 tipo de mensagens As SNMP-PDUs são transportadas no datagrama UDP
  56. 56. SMI ESTRUTURA DE INFORMAÇÕES DE GERENCIAMENTO Formato do PDU (Unidade de Dados de Protocolo)
  57. 57. SEGURANÇA E ADMINISTRAÇÃO SNMPv3 - mudanças mais notáveis são voltadas para a segurança e administração
  58. 58. SEGURANÇA E ADMINISTRAÇÃO • SNMPv3 oferece ! • Criptografia ! • Autenticação ! • Proteção contra ataques de reprodução; ! • Controle de Acesso
  59. 59. ASN.1 • Padrão originado da ISO ! • Usado em uma série de protocolos da internet (gerenciamento de redes) ! • Hetorogeneidade de arquiteruras ! • Serviço de apresentação (assim como o SMI) ! • Oferece regras básicas de codificação • TLV - Type, Length, Value (Tipo, comprimento, valor)
  60. 60. ASN.1
  61. 61. REFERÊNCIAS • KUROSE, James F.; ROSS, Keith W.. Redes de Computadores e a Internet: Uma AbordagemTop-Down. 5. ed. São Paulo: Pearson, 2010. cap. 9, p. 553-574.Tradução de Opportunity Traslations. ! • MENEZES, Elionildo da Silva; SILVA, Pedro Luciano Leite. Gerenciamento de Redes: Estudos de Protocolos. 1998. Workshop de Administração e Integração de Sistemas promovido pelo Departamento de Informática da Universidade Federal de Pernambuco. Disponível em: <http://www.di.ufpe.br/ ~flash/ais98/gerrede/gerrede.html>.Acesso em: 5 maio 2014.

×