Bioinformática - Sistemas Operacionais e Hardware

309 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
309
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Bioinformática - Sistemas Operacionais e Hardware

  1. 1. + Bioinformática Hardware e Sistemas Operacionais Gabriel da Rocha Fernandes Universidade Católica de Brasília gabrielf@ucb.br - fernandes.gabriel@gmail.com
  2. 2. + Bioinformática Hardware e Sistemas Operacionais Gabriel da Rocha Fernandes Universidade Católica de Brasília gabrielf@ucb.br - fernandes.gabriel@gmail.com
  3. 3. + 2 Hardware n Componentes do computador: n Processadores n Memória n Discos n Desempenha as funções da máquina.
  4. 4. + 3 Software n Parte lógica do computador. n Conjunto de instruções processados pelos hardwares. n Interação entre usuário e máquina. n Torna o computador útil.
  5. 5. + 4 Sistemas operacionais n Éum conjunto de programas que fazem a inteface do usuário e seus programas com o Hardware. Programas Sistema Operacional Hardware Linux, Windows, Mac
  6. 6. + 5 Windows n Microsoft n User friendly. n Popular. n Serviço de licenças n Limitado.
  7. 7. + 6 MacOS n Apple n Vem de brinde nos Mac. n Sistema Unix. n Ambiente gráfico => Windows. n Desenvolvimento => Linux.
  8. 8. + 7 Porque usamos o Linux? n É livre; n É gratuito; n Nâo é vulnerável a vírus; n Recebe apoio de grades empresas como IBM, HP, Sun etc; n Multitarefa e Multiusuário; n Modularização, somenteé carregado para memória o que usado durante o processamento; n Não há necessidade de reinicar o sistemas após cada modificação;
  9. 9. + 8 Distribuições do Linux
  10. 10. + 9 Trabalhando com Linux n Terminal n Diretórios: organizam os seus arquivos “Case sensitive” n Dica: Não usamos “espaço” nos nomes de arquivos no Linux. n Comandos: n ls: lista o conteúdo da pasta n pwd: vê o diretório em que você está n cd nome_do_diretório: troca de diretório n mkdir nome_do_diretório: cria diretório n rmdir nome_do_diretório: remove diretório n cp arquivo_de_origem arquivo_de_destino: copia arquivo n mv arquivo_de_origem diretório_de_destino: move arquivo n rm nome_do_arquivo: remove arquivo
  11. 11. + 10 Trabalhando com Linux
  12. 12. + 11 Prática!

×