Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Articulação ppt

15,395 views

Published on

Published in: Education
  • Login to see the comments

Articulação ppt

  1. 1. (Des)Articulação Curricular entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º Ciclo do Ensino Básico
  2. 2. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Articulação Curricular entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º CEB </li></ul><ul><ul><li>Articulação: suporte legislativo / documental </li></ul></ul><ul><ul><li>Conceitos de Articulação Curricular </li></ul></ul><ul><ul><li>Articulação Curricular e Continuidade Educativa </li></ul></ul><ul><ul><li>Articulação Curricular versus Não Articulação </li></ul></ul><ul><ul><li>Articulação curricular: das intenções às práticas educativas </li></ul></ul>
  3. 3. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Lei de Bases do Sistema Educativo (Artigo 8º, ponto 2): </li></ul><ul><li>“… a articulação entre ciclos obedece a uma sequencialidade progressiva, conferindo a cada ciclo a função de completar, aprofundar e alargar o ciclo anterior, numa perspectiva de unidade global do ensino básico.” </li></ul>
  4. 4. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Dec.-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril </li></ul><ul><li>“ O agrupamento de escolas é uma unidade organizacional constituída por estabelecimentos de educação pré-escolar e de escolas de um ou mais níveis e ciclos de ensino, com vista a… proporcionar um percurso sequencial e articulado… e favorecer a transição adequada entre níveis e ciclos de ensino. A constituição de agrupamentos de escolas obedece a critérios de construção de percursos escolares integrados, articulação curricular entre níveis e ciclos educativos e proximidade geográfica.” (art.º 6.º). </li></ul>
  5. 5. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Despacho n.º 11120-A/2010, de 6 de Julho </li></ul><ul><li>1.6 — Na programação das reuniões de avaliação, devem os directores dos agrupamentos de escolas e dos estabelecimentos de educação pré-escolar e escolas não agrupadas assegurar a articulação entre os educadores de infância e os docentes do 1.º ciclo do ensino básico de modo a garantir o acompanhamento pedagógico das crianças no seu percurso da educação pré -escolar para o 1.º ciclo do ensino básico. </li></ul>
  6. 6. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>PROJECTO EDUCATIVO </li></ul><ul><li>Princípio da articulação , com uma nova filosofia de programação e melhor enquadramento de forma a encontrar novos caminhos que conduzam a uma maior e uma melhor aquisição de conhecimentos e capacidades fundamentais, valorizando as atitudes e valores, bem como o desenvolvimento de competências, entre os vários níveis e ciclos de ensino. </li></ul>
  7. 7. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Gestão do currículo na educação pré-escolar </li></ul>“ A articulação entre as várias etapas do percurso educativo implica uma sequencialidade progressiva, conferindo a cada etapa a função de completar, aprofundar e alargar a etapa anterior, numa perspectiva de continuidade e unidade global de educação/ensino. Aos educadores de infância e professores do 1.º ciclo compete ter uma atitude proactiva na procura desta continuidade/ /sequencialidade, não deixando de afirmar a especificidade de cada etapa, porém criando condições para uma articulação co-construída escutando os pais, os profissionais, as crianças e as suas perspectivas. Cabe ao educador, em conjunto com o professor do 1º CEB, proporcionar à criança uma situação de transição facilitadora da continuidade educativa.” (Circular n.º 17/DSDC/DEPEB/2007, de 10-10 )
  8. 8. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Desenho curricular da Educação Pré- Escolar </li></ul><ul><li>I - Princípios Gerais : </li></ul><ul><li>Objectivos pedagógicos </li></ul><ul><li>Orientações globais ao educador </li></ul><ul><li>II – Intencionalidade Educativa </li></ul>Organização do Ambiente Educativo Áreas de Conteúdo Continuidade Educativa Abordagem sistémica e ecológica Organização do grupo, do espaço e do tempo Organização do meio institucional Relação com pais e outros parceiros Articulação de conteúdos Formação Pessoal e Social Expressão/Comunicação: Dramática, motora, plástica e musical Linguagem oral e abordagem à escrita Matemática Conhecimento do Mundo Início da Educação Pré-Escolar Transição para a Escolaridade Básica
  9. 9. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Transição para a Escolaridade Básica </li></ul>
  10. 10. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Articulação Curricular </li></ul>“ ... mecanismos encontrados pelos docentes para facilitar a transição entre ciclos.” (Serra, 2004) Continuidade Educativa “… diz respeito à forma como estão organizados os saberes, de forma sequenciada e organizada, ao longo dos vários níveis educativos, tendo em consideração o desenvolvimento das crianças e as suas capacidades de aprendizagem em cada nível educativo.” (Serra, 2004)
  11. 11. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>“ A continuidade educativa é uma percepção exterior do fenómeno, enquanto que numa observação mais profunda se compreende a necessidade de uma articulação para um maior aproveitamento dos ciclos, certamente ligados, mas intrinsecamente diferenciados. Na visão da continuidade aparece uma imagem do produto objectivado, na articulação é o processo que se dimensiona.” (Dinello, 1987: 60) </li></ul>
  12. 12. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Comparação entre as áreas de conteúdo das Orientações Curricularas e o Programa do 1.º CEB Orientações Curriculares: áreas de conteúdo Programa para o 1.º ano de Ensino Básico: áreas de aprendizagem Formação Pessoal e Social Conhecimento do Mundo Expressão e Comunicação Expressão Motora Expressão Musical Expressão Dramática Expressão Plástica Linguagem Escrita Linguagem Oral Matemática Desenvolvimento Pessoal e Social Estudo do Meio Expressão e Educação Físico-motora Expressão e Educação Musical Expressão e Educação Dramática Expressão e Educação Plástica Língua Portuguesa: Comunicação Escrita Comunicação Oral Matemática
  13. 13. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1º Ciclo do Ensino Básico Orientações Curriculares: áreas de conteúdo Programa para o 1º ano de Ensino Básico: áreas de aprendizagem “… conjunto de princípios gerais organizados, para serem utilizados pelo educador na tomada de decisões sobre a sua prática, ou seja, para planear e avaliar o processo educativo a desenvolver com as crianças.” (Silva, 2001: 53) “… é um documento prescritivo mas deixa em aberto um vasto campo de “ possibilidades de desenvolvimento curricular, a eleger de acordo com as condições concretas do terreno pedagógico [na convicção] de que ninguém melhor que os próprios agentes do processo educativo estará apto a tomar tais decisões.” (ME, 1998:12)
  14. 14. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Perspectivar a articulação curricular não quer dizer que se assuma a educação de infância como uma extensão para a base da escolaridade básica nem que se centre na preparação para o nível seguinte....
  15. 15. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Tipos de Articulação Curricular (Serra, 2002) </li></ul>Articulação curricular espontânea Estabelece-se de modo natural, fruto da proximidade geográfica entre as instituições e da qual surgem projectos que envolvem os dois níveis educativos. Articulação curricular regulamentada Advém de imperativos legais e que consta dos documentos das escolas.
  16. 16. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Tipos de Articulação Curricular (Cont.): </li></ul>Articulação Curricular Efectiva Acontece porque, de modo consciente e assumido entre os docentes de níveis diferentes. Pode assumir três formas: Articulação Curricular Activa Articulação Curricular Reservada Articulação Curricular Passiva
  17. 17. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Caracteriza-se pelo conhecimento profundo dos dois níveis educativos, quer pelos educadores, quer pelos professores, e das possibilidades de trabalharem em comum, tendo como mais valia as semelhanças e diferenças dos dois níveis educativos e as faixas etárias a que se destinam. </li></ul><ul><li>São optimizados os recursos existentes, quer na escola, quer no J.I., e os docentes estão efectivamente empenhados em encontrar práticas educativas que promovam a articulação curricular entre os dois níveis. </li></ul>Articulação Curricular Activa:
  18. 18. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Caracteriza-se por uma atitude menos voluntária, mais expectante, não se empenhando todos os recursos e vontades, antes esperando que algo aconteça. Não denotando falta de interesse, pode admitir-se que, pontualmente, sejam tomadas decisões conjuntas entre docentes dos dois níveis educativos quando razões consideradas muito fortes o justifiquem. </li></ul>Articulação Curricular Reservada:
  19. 19. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Caracteriza-se por um certo desinteresse das suas responsabilidades neste campo. A articulação curricular, se a há, é fruto da proximidade geográfica das duas instituições, o que possibilita o contacto físico entre as crianças nas horas dos recreios e nas saídas, por exemplo. </li></ul><ul><li>Falta às reuniões, resistência ao trabalho conjunto com docentes de outros níveis, poderão ser indicadores deste tipo de articulação. </li></ul>Articulação Curricular Passiva:
  20. 20. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Caracteriza-se por não existir qualquer tipo de contacto entre docentes ou crianças de níveis diferentes. Os docentes conhecem unicamente a realidade onde exercem funções, não demonstrando nem interesse nem preocupação relativamente aos níveis antecedentes ou consequentes. </li></ul>Não Articulação:
  21. 21. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico FAMÍLIAS ESCOLA JARDIM DE INFÂNCIA
  22. 22. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Articulação Curricular: </li></ul><ul><li>das intenções às práticas educativas </li></ul>“ O dizer não é apenas a expressão do pensamento, mas também a sua realização. Do mesmo modo, o caminhar não é apenas a expressão do desejo de alcançar uma meta, mas também a sua realização.” Benjamin, citado em Leite e Kramer, 1999: 73
  23. 23. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>“ ... ensinamos-lhe tudo o que se pode ensinar... Numa altura em que ele ainda não sabia ler. Abrimos-lhe, até ao infinito, uma enorme diversidade de coisas imaginárias... </li></ul><ul><li>... a escola veio mesmo a propósito. O futuro ficava nas suas mãos. Ler, escrever e contar... A princípio o entusiasmo era enorme. Era magnífico como os traços, as argolas, os arcos, as pontezinhas formavam letras! E quando se juntavam, as letras formavam sílabas, e as sílabas iam formando palavras. Nem queria acreditar. Mas a verdadeira magia era descobrir que conhecia algumas dessas palavras! Mamã, por exemplo, mamã : três pontezinhas, um arco, uma argola, mais três pontezinhas, outro arco, outra argola, um toldo por cima da última argola; resultado, mamã ! É impossível sair deste deslumbramento” (Pennac, 1987: 17 e 38) </li></ul>
  24. 24. Bibliografia <ul><li>DINELLO, R. (1987). Actualização na educação infantil. Santa Maria: Palloti. </li></ul><ul><li>LEITE, M. ; KRAMER, S. (Org.). (1999).Infância: fios e desafios da pesquisa. Campinas, SP: Papirus. </li></ul><ul><li>PENNAC, D. (1997). Como um Romance (8ª Edi). Lisboa: Edições ASA. </li></ul><ul><li>SERRA, C. (2004) Currículo na Educação Pré-escolar e articulação com o 1º CEB. Col Educação nº 21. Porto: Porto Editora. </li></ul><ul><li>Lei de bases do Sistema Educativo </li></ul><ul><li>Despacho nº 17/2007, de 10 de Outubro – Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar. </li></ul><ul><li>Despacho n.º 11120-A/2010, de 6 de Julho </li></ul>
  25. 25. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico <ul><li>Elaboração: Célia Maria Almeida Matos Serra </li></ul><ul><li>Equipa de Coordenação de Apoios Educativos de Coimbra </li></ul><ul><li>Apresentação inicial: Vila da Feira, 16 de Junho de 2005 </li></ul><ul><li>Actualização: José Varela </li></ul><ul><li>Valpaços, 9 de Dezembro de 2010 </li></ul>

×