Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Diversidade na Comunidade Python

4,464 views

Published on

Vou detalhar os esforços concretos da Python Software Foundation para aumentar a diversidade na sua comunidade e alguns dos seus resultados concretos. Também irei contar algumas histórias inspiradoras das várias pessoas que conheci nas minhas viagens e entre os meus 40 mil alunos.

Published in: Education

Diversidade na Comunidade Python

  1. 1. Diversidade na comunidade Python
  2. 2. Ensino de programação
  3. 3. Uso no mercado
  4. 4. Amo dar aulas Professor na FATEC SJC https://about.me/fmasanori http://pycursos.com/python-para-zumbis/
  5. 5. Minha vida • Quase não nasci (minha mãe tinha problemas de fertilidade) • Quase não pude cursar uma faculdade (a firma do meu pai faliu e meus pais se divorciaram) • No colegial não tive uma televisão em casa e minha única refeição durante estes anos era arroz com um ovo frito • Trabalhei como office boy de farmácia para ajudar em casa • Depois consegui estudar na USP e no ITA e trabalhei no Mastercard, ITAÚ, PriceWatehouse & Coopers • Larguei as instituições financeiras para dar aulas na universidade • No CASDVEST (cursinho para alunos carentes do ITA) aprendi que “Oportunidade não tem preço” • Em setembro de 2013 começamos o Python para Zumbis • Gosto de aprender com as pessoas, de abacate, 42 e viajar • Amo dar aulas
  6. 6. http://pycursos.com/python-para-zumbis/ Curso gratuito para aprender programação
  7. 7. Resumo 2 anos 3 pessoas zero orçamento 42.000 alunos Comparação: um professor universitário atinge 3 mil alunos durante sua vida docente
  8. 8. mais de 100 palestras e minicursos
  9. 9. em onze países diferentes
  10. 10. Japão
  11. 11. Django Girls Namibia
  12. 12. E muitos amigos…
  13. 13. http://www.python.org/psf/diversity/ “Nós queremos que a nossa comunidade seja mais diversificada: quem quer que você seja, e qualquer que seja sua origem, você é bem vindo”
  14. 14. “Nós criamos esta declaração, pois acreditamos que uma comunidade Python diversificada é mais forte e mais vibrante. A comunidade diversificada, onde as pessoas se tratam com respeito, tem mais contribuidores e mais fontes de ideias. Embora tenhamos formulado a declaração formal de diversidade genericamente, para que seja global, nós reconhecemos que existem atributos específicos, que são usados para discriminar as pessoas.
  15. 15. Alguns desses atributos incluem, mas não estão limitados a: idade, cultura, etnia, identidade ou expressão de gênero, origem nacional, diferença física ou mental, política, raça, religião, sexo, orientação sexual, posição socioeconômica. Congratulamo-nos com as pessoas, independentemente dos valores de estes ou outros atributos. A comunidade Python congratula-se com as pessoas, não importa a língua em que são fluentes”
  16. 16. Comunidade == Unidade na diversidade
  17. 17. Unidade + diversidade = comunidade
  18. 18. Exemplo do Guido: Python is for Girls T-Shirt
  19. 19. Exemplo do Guido: PyLadies T-Shirt
  20. 20. Exemplo do Guido: disponibilidade para escutar
  21. 21. Números • 2014: 1/3 palestrantes PyCon mulheres • 2015: 1/3 palestrantes PyCon mulheres • 2016: 1/3 palestrantes PyCon mulheres • 2015: 1/3 palestrantes DjangoCon mulheres • 2016: 1/2 palestrantes DjangoCon Europe mulheres • 2015: 7 mulheres, 4 homens (nova diretoria PSF)
  22. 22. Ações concretas • Código de Conduta condição para grants • Financiamentos de projetos pessoais • Premiar pessoas que se destacam • Compartilhar histórias • Conectar pessoas (Lynn Root, Jessica) • Opções para networking específicas para diversidade (PyLadies Dinner) • PyLadies Auction (Leilão Beneficiente) • Diretoria de diversidade (Jessica McKellar)
  23. 23. O caso pybr11 (ausência de algumas Pyladies) • Lidiane de Souza Monteiro • Ana Paula Lourenço • Daniela Palumbo • Júlia Rizza • Katyanna Moura • Vanessa Romankiv • Débora Azevedo • Gabriela Mattos • E muitas outras que não citarei aqui...
  24. 24. Ações concretas • Foi enviado uma mensagem pessoal para cada uma dessas pessoas durante o evento • O problema foi colocado na assembleia da Associação Python Brasil • Sugestão: patrocinador concreto para o auxílio diversidade Pybr12 • Sugestão: porcentagem do caixa da ApyB para auxílio diversidade Pybr12
  25. 25. Jessica McKellar
  26. 26. Pipeline de sustentação
  27. 27. Naomi Ceder
  28. 28. Susan Wojcicki Youtube CEO Paid Maternity Leave Is Good for Business
  29. 29. Larissa Oliva (11 anos – speaker FISL 2015)
  30. 30. PYCON UK 2015: Lightning PyKids https://www.youtube.com/watch?v=Ol0NRvyoWgw
  31. 31. Python4kids – CEDET – Centro Desenvolvimento do Talento
  32. 32. Cecilia Tanaka (advogada) Erika Campos (jornalista) Patrícia Simões (física) PyLadies São Paulo cofundadoras
  33. 33. First Meetup: aberto para meninas fora da área de programação Vagas esgotas em 24h (62 na lista de espera)
  34. 34. Curso de 20h (2 semanas): 50 vagas esgotadas em 12h (180 meninas na lista de espera)
  35. 35. Next meetup: 80 vagas esgotadas em 12h
  36. 36. Manuel Kaufmann (Humitos)
  37. 37. Argentina en Python http://argentinaenpython.com.ar/en/
  38. 38. Django Girls en Cochabamba https://www.youtube.com/watch?v=_1rFujpHMiY
  39. 39. Cícero Moraes http://www.ciceromoraes.com.br/ebook/
  40. 40. Reconstrução da face de Santo Antônio https://www.youtube.com/watch?v=gvrfyP-6hpc
  41. 41. Primeira prótese completa impressa 3-D (utiliza o Python Photogrammetry Toolkit) https://www.youtube.com/watch?v=RgqOjdX1QQU
  42. 42. Django Girls São José dos Campos
  43. 43. Aluna: Estefânia Maria
  44. 44. Luderia Playful: alternativa #horaextra que não seja somente cerveja
  45. 45. Ex-aluna: Ysani Kalapalo
  46. 46. Ex-aluno: Carlos Glória www.youtube.com/watch?v=BrHHsPaE_WA
  47. 47. Ex-aluna: Luiza Nunes
  48. 48. Unicef U-Report
  49. 49. O que você pode fazer Ensinar programação para pessoas que não são da área de programação. Ajude também crianças, idosos, meninas e minorias em geral.
  50. 50. O que você pode fazer Aumente a empatia na sua comunidade. Não rotule. “Dar aos outros o benefício da dúvida”. Inocente até que se prove o contrário Van Lindberg Keynote PyConUS 2015
  51. 51. O que você pode fazer Aumente a empatia na sua comunidade. “Todo mundo que a gente encontra na vida está enfrentando uma batalha que você não sabe nada a respeito. Seja gentil. Sempre.” Van Lindberg Keynote PyConUS 2015
  52. 52. Perguntas? http://about.me/fmasanori fmasanori@gmail.com

×