Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Semime2011

375 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Semime2011

  1. 1. Formação dos estudantes em ambientes virtuais de aprendizagem no ensino superior: combate à info-exclusão Patrícia Fidalgo, João Paz e Fernando Luís Santos Instituto Piaget, AlmadaResumo A constante integração das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) no Ensino Superior(ES) tem sido um desafio e uma área de investigação em constante crescimento. O progresso da tecnologiajuntamente com a expansão da Internet e a evolução de um vasto leque de instrumentos de aprendizagemtrouxeram desafios significativos a estudantes e professores. Em 2007 iniciou-se no Instituto Piaget, o Projecto de Educação On-line com a utilização doMoodle, tendo como um dos objectivos principais a adopção de paradigmas educativos suportados pelasTIC. Em termos de implementação pedagógica deste projecto foram nomeados pivots em cada campus daInstituição, cuja responsabilidade era a de promover e replicar os processos de formação de professores eestudantes localmente. Esta opção por um pivot presencial serviu duas dimensões: primeira, como pontode referência para os utilizadores e segunda para ter em conta as realidades locais dos vários campi. Em2010 formou-se o Piaget Online (Unidade de Educação e Formação Online) responsável pelos acessos,disponibilização e formação de professores e estudantes em cada campus na utilização da plataformaMoodle. A integração de ambientes virtuais de aprendizagem no ensino superior oferece aos estudantesnovas oportunidades de utilização de ferramentas tecnológicas. O objectivo deste artigo é apresentar aconstrução e desenvolvimento de um plano de formação para estudantes de modo a, face ao diagnósticodo seu grau de literacia informática, garantir que os mesmos adquirem competências elementares em TICna utilização da plataforma Moodle. A recolha de dados para este estudo foi feita através de um questionário sobre literacia informáticarealizado online no início da formação ministrada aos estudantes e através do registo de participação dosmesmos nas acções de formação. A adequação da formação face aos resultados obtidos na recolha dedados foi feita gradualmente e com vista a garantir o combate a info-exclusão dos estudantes perante umnovo cenário de utilização de tecnologias digitas no processo de ensino e de aprendizagem. Como em todos os processo de mudança – e este foi significativo – existiram resistências e aaceitação não foi imediata. O Processo de Bolonha trouxe alterações ao Ensino Superior em Portugal coma extinção, criação e reestruturação de cursos. As mudanças também se verificaram no tipo de estudanteque acede ao ensino superior (exemplo, maiores de 23) o que veio a alterar também a populaçãoestudantil. Neste momento as instituições de ensino superior têm de encarar novos potenciais estudantes eum novo conjunto de problemas inerentes a este facto. Uma das conclusões preliminares do estudo revela que um dos modelos de formação utilizadoapresenta um forte potencial pedagógico e poderá no futuro vir a ser adoptado pela equipa de formaçãocomo modelo predominante. Trata-se de um modelo híbrido que tem por base o conceito de MassiveOnline Courses tendo como elemento distinto, relativamente a estes, o facto de ser aplicado a umacomunidade académica fechada. Este modelo foi designado pela equipa de Massive Online ClosedCourses cujo objectivo é criar um ambiente virtual de aprendizagem de cariz mais tecnológico adequadoàs novas exigências do Ensino Superior.Palavras-chave: Ambientes virtuais de aprendizagem; info-exclusão; formação.

×