Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Imobilização

1,150 views

Published on

Primeiros socorros: Fratura, luxação, entorse, contusão.

Published in: Healthcare
  • Be the first to comment

Imobilização

  1. 1. Docente: Elisângela Messias IMOBILIZAÇÃO
  2. 2. ““ Atendimento imediato prestado a umaAtendimento imediato prestado a uma pessoa vítima de uma acidente ou de um malpessoa vítima de uma acidente ou de um mal súbito”súbito” Primeiros socorros
  3. 3. O que é IMOBILIZAR? Tornar imóvel; privar dos meios de se mover; impedir o movimento.
  4. 4. Fratura  É a perda estrutural na continuidade de um osso, placa epifisária ou superfície cartilaginosa.  Na verdade ela é a combinação da lesão óssea com lesões de partes moles adjacentes. Classificação:Classificação: FechadaFechada ouou Aberta ou ExpostaAberta ou Exposta
  5. 5. FraturasFraturas Sinais e Sintomas:Sinais e Sintomas: 1. Dor; 2. Edema; 3. Incapacidade funcional; 4. Deformidade; 5. Ferimento (fratura exposta). Imobilizar no local*
  6. 6. FraturasFraturas Procedimentos:Procedimentos:  Colocar a vitíma em posição confortavel, evitar move-la demasiadamente;  ExporExpor a área da lesão (desapertar ou se necessário cortar a roupa);a área da lesão (desapertar ou se necessário cortar a roupa);  Verificar se existem ferimentos;Verificar se existem ferimentos;  IImobilizar as articulações que se encontram antes e depois da fratura usandomobilizar as articulações que se encontram antes e depois da fratura usando talas apropriadas, ou na sua falta, improvisadas;talas apropriadas, ou na sua falta, improvisadas;  Verificar perfusão capilar antes e depois de imobilizarVerificar perfusão capilar antes e depois de imobilizar;;  Em caso de fratura exposta, cobrir o ferimento com gaze ouEm caso de fratura exposta, cobrir o ferimento com gaze ou pano limpo antes da imobilização;pano limpo antes da imobilização;  Não tentar colocar o osso farturado no lugar. Pricipalmente se for externa;  Não fazer massagens.
  7. 7. DFaFi*: deformidade, ferimento aberto, flacidez e inchaço.
  8. 8. Identificando uma fratura Procure por: • Deformidade • Edema • Espasmo muscular • Palidez • Ferimento • Dor à manipulação • Creptação óssea • Enchimento capilar lento • Diminuição da sensibilidade e temperatura
  9. 9.  A imobilização das fraturas e dos membros com graves ferimentos diminui a dor e o dano às estruturas junto à área traumatizada;  Nas fraturas de membros inferiores, não deixe que o paciente coloque peso ou pressão no osso suspeito;  Se você souber como, coloque uma tala no membro onde a fratura ocorreu, de tal modo que as bordas do osso não lesem os vasos sangüíneos.
  10. 10. Entorses e LuxaçõesEntorses e Luxações Ocorrem nasOcorrem nas ARTICULAÇÕESARTICULAÇÕES!! Conduta:Conduta: Tratar como se fosse uma fratura eTratar como se fosse uma fratura e imobilizar!imobilizar!
  11. 11. Luxação Os fatores físicos que subitamente forçam uma articulação além da sua amplitude normal de movimento causam uma falha de tensão. Luxação (perda de contato entre duas extremidades ósseas numa articulação): As superfícies articulares perderam completamente o contato. Ocorre a perda estrutural de sua estabilidade.
  12. 12. Sinais e sintomas Paciente relata que determinada articulação “saiu do lugar”; Instabilidade articular; Dor ; Espasmo muscular; Redução funcional da parte afetada; Edema; Deformidade; Movimento anormal. O que fazer???? Trate como se fosse fratura (IMOBILIZE); Colocar gelo no local; Não realizar massagem; Providencie o transporte.
  13. 13. Entorse É uma lesão que ocorre quando se ultrapassa o limite normal de movimento de uma articulação. Normalmente, ocasiona distensão dos LIGAMENTOS e da cápsula articular e, conseqüentemente, ocorre dor intensa ao redor da articulação, dificuldade de movimentação em graus variáveis e, às vezes, sangramentos internos.
  14. 14. O que fazer?
  15. 15. Distensão: são lesões nos músculos ou tendões, normalmente causados por hiperextensão ou contrações violentas. Podendo haver ruptura do tendão em casos mais graves. Evite mover a área lesionada; Utilize gelo; Encaminhe ao médico.
  16. 16. Contusão  Trata – se de uma lesão por trauma direto, resultado de forças externas (quedas, traumas diretos, lesões esportiva  Quando um agente mecânico atua de maneira inesperada sobre os tecidos do segmento corporal de forma direta ou tangencial e vence sua resistência, o agente traumático é a causa da lesão que chamamos de contusão.  Se na contusão houver a rotura de pequenos vasos do tecido celular subcutâneo ou da própria derme haverá equimose ouequimose ou Hematoma, edema e há dor na área de contato. Deve-se aplicarHematoma, edema e há dor na área de contato. Deve-se aplicar gelo no local da contusão imediatamente. Massagens ou aplicaçãogelo no local da contusão imediatamente. Massagens ou aplicação de calor no local só podem ser realizadas após 24 horas dode calor no local só podem ser realizadas após 24 horas do incidente. É preciso procurar um serviço de saúde para avaliação eincidente. É preciso procurar um serviço de saúde para avaliação e tratamento adequado.tratamento adequado.
  17. 17. PROCEDIMENTO RICE Distensão Contusão Entorse Luxaçao
  18. 18. Imobilização MMSS
  19. 19. Imobilização MMSS e MMII
  20. 20. Materiais Tábuas, jornais, revistas, pano, papelão, esparadrapo,fita adesiva, palito picolé e outros.
  21. 21. Até breve!!!!

×