Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ HOSPITAL UNIVERSITÁRIO JOÃO DE BARROS BARRETO RESIDÊNCIA MÉDICA EM PNEUMOLOGIA E TISIOLOGIA C...
Derrame Pleural <ul><li>Derrames pleurais ocorrem por alteração do equilíbrio entre formação e reabsorção do líquido conti...
Derrame Pleural <ul><li>Transudatos </li></ul><ul><li>Insuficiência cardíaca, síndrome nefrótica, mixedema e cirrose hepát...
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Sinal do menisco: opacidade homogênea com borda superior  </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Nos derrames volumosos pode haver deslocamento contralateral das estruturas mediasti...
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural subpulmonar </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural subpulmonar </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Decúbito lateral com raios horizontais </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Decúbito lateral com raios horizontais </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural loculado </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural loculado </li></ul>
Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural intrafissural </li></ul>
Espessamento Pleural Difuso  <ul><li>Na radiografia de tórax é definido como espessamento contínuo da pleura, que se esten...
Placas Pleurais <ul><li>São espessamentos focais da pleura parietal, constituindo a manifestação mais comum da exposição a...
Placas Pleurais <ul><li>São geralmente bilaterais, assimétricas e de distribuição  irregular.  </li></ul><ul><li>Envolvem ...
Placas Pleurais <ul><li>Exposição ao asbesto </li></ul>
Radiologia <ul><li>Comprometimento maligno da pleura: espessamento pleural nodular e irregular, geralmente envolvendo a pl...
Radiologia As metástases constituem a principal causa de envolvimento neoplásico da pleura, correspondendo a 95% dos casos...
Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Cistos e cavidades são condições em que há aumento da transparência pulmonar, de mod...
Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Cisto: 1.(patologia) Espaço circunscrito que pode apresentar conteúdo líquido ou gas...
Causas de Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Tuberculose pulmonar </li></ul><ul><li>Neoplasia </li></ul><ul><li>Bolhas ...
Cavidades Pulmonares
Cavidades Pulmonares
Cistos Pulmonares
Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Metástases císticas e/ou cavitadas. Ocorrem mais freqüentemente em neoplasias de cab...
Cavidades Pulmonares <ul><li>Abscesso pulmonar:  Ocorre principalmente nos segmentos superiores dos lobos inferiores de et...
Cistos e Cavidades Pulmonares Pneumonia por estafilococos  Pneumatoceles: geralmente cistos (paredes finas), em locais ond...
Cistos Pulmonares <ul><li>Faveolamento pulmonar </li></ul>
Cistos Pulmonares <ul><li>Linfangioleiomiomatose:  Ocorre em mulheres em idade fértil e cursa com cistos e cavidades de di...
Cistos Pulmonares <ul><li>Pneumocistose </li></ul><ul><li>PIL </li></ul>
Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema panacinar </li></ul>
Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema parasseptal </li></ul>
Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema centriacinar </li></ul>
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Cistos e cavidades pulmonares

  • Login to see the comments

Cistos e cavidades pulmonares

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ HOSPITAL UNIVERSITÁRIO JOÃO DE BARROS BARRETO RESIDÊNCIA MÉDICA EM PNEUMOLOGIA E TISIOLOGIA CURSO DE RADIOLOGIA TORÁCICA AULA 06: CISTOS E CAVIDADES PULMONARES Dra Adriana Barreto Preceptoria da Pneumologia
  2. 2. Derrame Pleural <ul><li>Derrames pleurais ocorrem por alteração do equilíbrio entre formação e reabsorção do líquido contido no espaço pleural </li></ul><ul><li>Mecanismos de formação do derrame pleural </li></ul><ul><li>Elevação da pressão hidrostática intravascular </li></ul><ul><li>Aumento da permeabilidade vascular </li></ul><ul><li>Queda da pressão oncótica </li></ul><ul><li>Redução da pressão do espaço pleural </li></ul><ul><li>Redução da drenagem linfática </li></ul><ul><li>Passagem de líquido livre do abdome para a pleura. </li></ul>
  3. 3. Derrame Pleural <ul><li>Transudatos </li></ul><ul><li>Insuficiência cardíaca, síndrome nefrótica, mixedema e cirrose hepática. </li></ul><ul><li>Exsudatos </li></ul><ul><li>Infecção, embolia pulmonar, cirrose hepática, pancreatite aguda, neoplasia, colagenoses. </li></ul>
  4. 4. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Sinal do menisco: opacidade homogênea com borda superior </li></ul>
  5. 5. Radiologia no Derrame Pleural
  6. 6. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Nos derrames volumosos pode haver deslocamento contralateral das estruturas mediastinais e/ou inversão da cúpula diafragmática </li></ul>
  7. 7. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural subpulmonar </li></ul>
  8. 8. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural subpulmonar </li></ul>
  9. 9. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Decúbito lateral com raios horizontais </li></ul>
  10. 10. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Decúbito lateral com raios horizontais </li></ul>
  11. 11. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural loculado </li></ul>
  12. 12. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural loculado </li></ul>
  13. 13. Radiologia no Derrame Pleural <ul><li>Derrame pleural intrafissural </li></ul>
  14. 14. Espessamento Pleural Difuso <ul><li>Na radiografia de tórax é definido como espessamento contínuo da pleura, que se estende por no mínimo um quarto da parede torácica. </li></ul><ul><li>Causas: exposição ao asbesto, processos infecciosos, especialmente por micobactérias, colagenoses, procedimentos cirúrgicos ou traumas. </li></ul>
  15. 15. Placas Pleurais <ul><li>São espessamentos focais da pleura parietal, constituindo a manifestação mais comum da exposição ao asbesto. </li></ul><ul><li>Têm crescimento lento e tendência a calcificar com o passar dos anos, em cerca de 5% a 15% dos casos. </li></ul><ul><li>A maior parte das placas ocorre na ausência de asbestose. O oposto não é verdadeiro: raramente detecta-se asbestose na ausência de placas pleurais. </li></ul>
  16. 16. Placas Pleurais <ul><li>São geralmente bilaterais, assimétricas e de distribuição irregular. </li></ul><ul><li>Envolvem mais comumente as porções posteriores e laterais da pleura da parede torácica. Os ápices e os seios costofrênicos são raramente comprometidos. A pleura mediastinal é um local menos comum, assim como as porções anteriores da pleura parietal. </li></ul>
  17. 17. Placas Pleurais <ul><li>Exposição ao asbesto </li></ul>
  18. 18. Radiologia <ul><li>Comprometimento maligno da pleura: espessamento pleural nodular e irregular, geralmente envolvendo a pleura mediastinal e encarcerando o pulmão. </li></ul>
  19. 19. Radiologia As metástases constituem a principal causa de envolvimento neoplásico da pleura, correspondendo a 95% dos casos. Geralmente decorrem de adenocarcinomas, principalmente de pulmão (36%), mama (25%) e ovário (5%).
  20. 20. Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Cistos e cavidades são condições em que há aumento da transparência pulmonar, de modo focal e bem delimitado. </li></ul><ul><li>Os conceitos de cisto e cavidade são bem semelhantes; o diferencial se faz pela espessura das paredes, que são finas (< 1 mm) nos cistos e espessas (> 1 mm) nas cavidades. </li></ul>
  21. 21. Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Cisto: 1.(patologia) Espaço circunscrito que pode apresentar conteúdo líquido ou gasoso, geralmente com parede fina e bem definida e recoberta por epitélio. </li></ul><ul><li>Cavidade: 1.(patologia) Uma massa no interior do parênquima pulmonar, que sua porção central apresentou necrose de liqüefação, a qual foi expelida pela árvore brônquica, deixando espaço com conteúdo aéreo, contendo ou não líquido. </li></ul>
  22. 22. Causas de Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Tuberculose pulmonar </li></ul><ul><li>Neoplasia </li></ul><ul><li>Bolhas de enfisema </li></ul><ul><li>Pneumatoceles </li></ul><ul><li>Metástases </li></ul><ul><li>Abscesso pulmonar </li></ul><ul><li>Linfangioleiomiomatose </li></ul><ul><li>Faveolamento </li></ul>
  23. 23. Cavidades Pulmonares
  24. 24. Cavidades Pulmonares
  25. 25. Cistos Pulmonares
  26. 26. Cistos e Cavidades Pulmonares <ul><li>Metástases císticas e/ou cavitadas. Ocorrem mais freqüentemente em neoplasias de cabeça e pescoço, renais ou após quimioterapia. </li></ul>
  27. 27. Cavidades Pulmonares <ul><li>Abscesso pulmonar: Ocorre principalmente nos segmentos superiores dos lobos inferiores de etilistas, pacientes acamados ou idosos. Contém nível líquido e paredes espessas e irregulares </li></ul>
  28. 28. Cistos e Cavidades Pulmonares Pneumonia por estafilococos Pneumatoceles: geralmente cistos (paredes finas), em locais onde anteriormente existiam consolidações parenquimatosas. Podem também cursar com cavidades.
  29. 29. Cistos Pulmonares <ul><li>Faveolamento pulmonar </li></ul>
  30. 30. Cistos Pulmonares <ul><li>Linfangioleiomiomatose: Ocorre em mulheres em idade fértil e cursa com cistos e cavidades de dimensões variadas, geralmente de distribuição difusa e bilateral. </li></ul>
  31. 31. Cistos Pulmonares <ul><li>Pneumocistose </li></ul><ul><li>PIL </li></ul>
  32. 32. Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema panacinar </li></ul>
  33. 33. Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema parasseptal </li></ul>
  34. 34. Enfisema Pulmonar <ul><li>Enfisema centriacinar </li></ul>

×