Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

COBIT 5 Parte 01: 1º Princípio e Cascata de Objetivos

6,452 views

Published on

Assista às aulas do Curso Completo (Gratuito): https://www.youtube.com/playlist?list=PLPmRk_xSwrYQC1VH_bKWm4g1_hYApwHUC

Nesta aula, é abordado o COBIT 5 até a página 21.
Como Utilizar a Cascata de Objetivos do COBIT 5 a Favor de Iniciativas Voltadas para Governança de TI

A Cascata de Objetivos é um instrumento introduzido no COBIT 5 que auxilia a transformar as necessidades das partes interessadas em uma estratégia exequível pela organização.

Para que isso seja possível, é abordado um mecanismo de tradução das necessidades das partes interessadas em objetivos corporativos específicos, personalizados, e em seguida a tradução destes em objetivos de TI e metas de habilitador (habilitador é um termo amplo que engloba processos, estruturas organizacionais e informações).

Enfim, a ideia é que Estratégia de TI se configure de forma alinhada com a Estratégia Corporativa e que aquela seja perfeitamente atendida pelos Processos, Funções e Informações gerenciadas por TI.

Published in: Technology

COBIT 5 Parte 01: 1º Princípio e Cascata de Objetivos

  1. 1. COBIT 05 Aula 01 Introdução ao COBIT 5, 1º Princípio do COBIT 5 e Cascata de Objetivos Fernando Palma
  2. 2. Fernando Palma Fundador do Portal GSTI, Consultor em Governança de TI, Gestão de Serviços de TI e Gestão da Segurança da Informação. Possui certificações como ITIL Expert, ITIL Manager, COBIT, OCEB, ISO 20.000 F e ISO 27.002 F. Professor de pós-graduação na UNIJORGE e Ruy Barbosa, de concursos na ITNerantes e palestrante. Treinou mais de 1 mil profissionais em ITIL, COBIT e Gestão da Segurança. Perfil Completo: Fernando Palma. Encontre-me nas Redes Sociais! LinkedIn: Fernando Palma Facebook: Fernando Palma Slideshare: Fernando Palma E-mail: fpalma@portalgsti.com.br
  3. 3. Links Úteis Vídeos de todas as Aulas COBIT 5 Framework do COBIT 5 em Português Resumo do COBIT 5 em Português
  4. 4. Série de Palestras sobre COBIT 5 ● Hoje! - Introdução - Princípio 01 (de 05) do do COBIT 5: 1.Satisfazer as necessidades das partes interessadas - Cascata de Objetivos do COBIT 5 ● Próximas Palestras (pelo menos 06), às Quintas Feiras - Mais sobre o uso da Cascata de Objetivos - Princípio 02 - Princípio 03 - Princípio 04 - Princípio 05 - Guia de Implementação - Modelo de Capacidade de Processos
  5. 5. Agenda ● Sobre o COBIT 5 ○ Um Modelo Corporativo Para a Governança e Gestão de TI ○ Princípios do COBIT 5 ○ Visão Geral do COBIT 5 ● Princípio 01: 1.Satisfazer as necessidades das partes interessadas ● A Cascata de Objetivos do COBIT 5 ○ Visão Geral ○ 1º Passo ○ 2º Passo. ○ 3º Passo. ○ 4º Passo.
  6. 6. Um Modelo Corporativo Para a Governança e Gestão de TI Governança: a. Avaliar opções estratégicas, b. Prover direção para TI, c. Monitorar os resultados. Gestão: d. Planejar, e. Construir, f. executar g. Monitorar a organização de TI, garantindo uma cobertura holística.
  7. 7. 05 Princípios Básicos do COBIT 5 Princípios do COBIT 5
  8. 8. 1.Satisfazer necessidades das partes interessadas Princípios do COBIT 5 2. Cobrir a Organização de Ponta a Ponta 3. Aplicar um Framework Integrado Único 4 Possibilitar uma Visão Holística 5. Distinguir a Governança de Gestão
  9. 9. Visão Geral do COBIT 5 Cap. 1: Visão Geral do COBIT 5 Cap. 3: 2º Princípio: Cobrir a Organização de Ponta a Ponta Cap. 2: 1º Princípio: Atender às Necessidades das Partes interessadas Cap. 4: 3º Princípio: Aplicar Um Modelo Único Integrado Cap. 6: 5º Princíio: Distinguir a Governança de Gestão Cap. 5: 4º Princípio: Permitir uma Abordagem Holística Cap. 7: Guia de Implementação Anexos e Apêndices Cap. 8: Modelo de Capacidade de Processo do COBIT 5
  10. 10. Habilitadores: processos, estruturas organizacionais e informações
  11. 11. Agenda ● Sobre o COBIT 5 ○ Um Modelo Corporativo Para a Governança e Gestão de TI ○ Princípios do COBIT 5 ○ Visão Geral do COBIT 5 ● Princípio 01: 1.Satisfazer as necessidades das partes interessadas ● A Cascata de Objetivos do COBIT 5 ○ Visão Geral ○ 1º Passo ○ 2º Passo. ○ 3º Passo. ○ 4º Passo.
  12. 12. Figura ‐ 3: Objetivo da Governança: Criação de Valor Necessidades das Partes Interessadas Direcionam Objetivo da Governança: Criação de Valor Realização de Benefícios Otimização dos Riscos Otimização dos Recursos Princípio 01: 1.Satisfazer as necessidades das partes interessadas
  13. 13. Agenda ● Sobre o COBIT 5 ○ Um Modelo Corporativo Para a Governança e Gestão de TI ○ Princípios do COBIT 5 ○ Visão Geral do COBIT 5 ● Princípio 01: 1.Satisfazer as necessidades das partes interessadas ● A Cascata de Objetivos do COBIT 5 ○ 1º Passo ○ 2º Passo. ○ 3º Passo. ○ 4º Passo.
  14. 14. Imagine uma Cascata!
  15. 15. Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5
  16. 16. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Objetivos Corporativos. Objetivos de TI. Objetivos de Habilitador. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Necessidades das Partes Interessadas Desdobra em Desdobra em Desdobra em Influencia Apêndice D Figura 5 Apêndice B Figura 6 Apêndice C
  17. 17. 1º Passo: Os Direcionadores das Partes Interessadas Influenciam as Necessidades das Partes Interessadas
  18. 18. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. ) Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Necessidades das Partes Interessadas Influencia As necessidades das partes interessadas são influenciadas por diversas tendências Mudanças de estratégia Mudanças nos negócios Mudanças ambiente regulatório Novas tecnologias
  19. 19. 2º Passo. Desdobramento das Necessidades das Partes Interessadas em Objetivos Corporativos
  20. 20. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Necessidades das Partes Interessadas Influencia Objetivos Corporativos. Desdobra em Apêndice D Figura 5
  21. 21. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Necessidades das Partes Interessadas Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Objetivos Corporativos. Desdobra em Apêndice D Figura 5 Objetivos corporativos são resultados das necessidades do cliente / Negócio. O COBIT 5 define 17 objetivos corporarivos genéricos Apêndice D Uma tabela com as necessidades das partes interessadas e os objetivos corporativos. Figura 5 17 Objetivos Corporativos Genéricos do COBIT 5
  22. 22. 17ObjetivosCorporativosGenéricos
  23. 23. 22PerguntasGenéricasparaIdentificar NecessidadesdasPartesInteressadas 17ObjetivosCorporativosGenéricos
  24. 24. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Necessidades das Partes Interessadas Influencia Objetivos Corporativos. Desdobra em Apêndice D Figura 5 Objetivos de TI. Objetivos de Habilitador. Desdobra em Desdobra em Apêndice B Figura 6 Apêndice C
  25. 25. 3º Passo. Cascata dos Objetivos Corporativos em Objetivos de TI
  26. 26. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Objetivos Corporativos. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Necessidades das Partes Interessadas Influencia Desdobra em Apêndice D Figura 5 Objetivos de TI. Desdobra em Figura 6 Apêndice B
  27. 27. Objetivos de TI. Desdobra em Figura 6 Apêndice B Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Objetivos Corporativos. O atingimento dos objetivos corporativos exige uma série de resultados de TI! O COBIT 5 define 17 objetivos genéricos de TI, relacionados na figura Apêndice B A tabela de mapeamento dos objetivos corporativos em Objetivos de TI, demonstra como cada objetivo corporativo é apoiado por diversos objetivos de TI Figura 6 17 objetivos genéricos de TI
  28. 28. 17ObjetivosdeTIGenéricos
  29. 29. 17ObjetivosdeTIGenéricos 17ObjetivosdeCorporativosGenéricos
  30. 30. Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Objetivos Corporativos. Objetivos de TI. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Necessidades das Partes Interessadas Desdobra em Desdobra em Influencia Apêndice D Figura 5 Apêndice B Figura 6 Objetivos de Habilitador. Desdobra em Apêndice C
  31. 31. 4º Passo. Cascata dos Objetivos de TI em Metas do Habilitador
  32. 32. Objetivos Corporativos. Realização de benefícios. Otimização do Risco. Otimização dos Recursos. Direcionadores das Partes Interessadas (Ambiente, Evolução Tecnológica, etc. Influencia Desdobra em Apêndice D Figura 5 Objetivos de TI. Desdobra em Apêndice B Figura 04 - Visão Geral da Cascata de Objetivos do COBIT 5 Figura 6 Objetivos de Habilitador. Desdobra em Apêndice C Objetivos de TI.
  33. 33. Figura 6 Objetivos de Habilitador. Desdobra em Apêndice C Objetivos de TI. Atingir os objetivos de TI exige a aplicação e o uso bem-sucedido de diversos habilitadores: processos, estruturas organizacionais e informações Cada habilitador precisa ter um um conjunto específico de metas relevantes estabelecidas, que devem ser alcançadas para garantir os resultados previstos: objetivos de TI e Objetivos Corporativos. Figura 6 Já passamos por ela: 17 objetivos genéricos de TI Apêndice C Mapeamento detalhado dos Objetivos de TI – Processos de TI
  34. 34. ProcessosdeTI 17ObjetivosdeTIGenéricos
  35. 35. Conclusões da primeira aula
  36. 36. Cascata de Objetivos Ajuda a Priorizar
  37. 37. Cascata de Objetivos Contribui para Garantir e Melhorar a Governança
  38. 38. Cascata de Objetivos Mantém o Foco na Estratégia da Organização
  39. 39. Define as metas e objetivos tangíveis e relevantes em vários níveis de responsabilidade
  40. 40. Permite identificar e comunicar de forma clara a relevância de cada habilitador
  41. 41. fpalma@portalgsti.com.br

×