Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Agrupamento de Escolas da Pontinha


                   Análise e comentário crítico aos relatórios da avaliação externa

...
Agrupamento de Escolas Luis António Verney


Agrupamento de escolas do concelho de Lisboa, nas freguesias do Beato e Marvi...
Referências às Bibliotecas nas escolas analisadas




   Escolas                       Prestação de   Organização         ...
Escolas                      Prestação de   Organização                 Capacidade de        Referências à Biblioteca
 Ana...
Há excepção do Agrupamento de Escolas Avelar brotero onde não encontrei menção à acção da BE
nas restantes escolas selecci...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

AnáLise E ComentáRio CríTico

254 views

Published on

Published in: Travel
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

AnáLise E ComentáRio CríTico

  1. 1. Agrupamento de Escolas da Pontinha Análise e comentário crítico aos relatórios da avaliação externa Escola Secundária com 3º Ciclo Vergílio Ferreira Situa-se esta escola na Quinta dos Inglesinhos em Carnide, inaugurada em 1983 e implantada numa zona predominantemente residencial e comercial. Escola frequentada por 1069 alunos distribuídos por 43 turmas. A maioria dos pais e encarregados de educação apresenta um nível de escolaridade que se situa entre o 12º ano e o curso superior. No relatório efectuado pelo IGE à Escola é mencionada a acção da BE nos dominíos: Resultados; Prestação de Serviços e Liderança. Agrupamento de Escolas da Pontinha Este agrupamento situa-se na freguesia da Pontinha, no concelho de Odivelas. É constituído por 9 estabelecimentos de educação e de ensino, sendo 4 escolas básicas do 1º ciclo (EB1), 3 EB1 com Jardim-de-infância (JI), 1 JI e 1 Escola Básica dos 2º e 3º ciclos (EB2,3), sede do agrupamento. Escola construída há mais de 30 anos sobre um aterro sanitário. Agrupamento frequentado por 2004 alunos dos quais 221 da Educação Pré-escolar, 1154 do 1º ciclo 458 do 2º ciclo e 171 do 3º ciclo. O nivel sócio-económico é baixo. Em relação às habilitações literárias dos pais e encarregados de educação só 7.2% dispõem de um curso médio ou superior. No relatório da Avaliação Externa feito ao Agrupamento é mencionada a acção da BE nos domínios: Resultados e Liderança. 1
  2. 2. Agrupamento de Escolas Luis António Verney Agrupamento de escolas do concelho de Lisboa, nas freguesias do Beato e Marvila. È constituído pela Escola Básica dos 2º e 3º ciclos Luis António Verney (sede) 3 escolas do 1º ciclo e 1 Jardim-de- infância. Este agrupamento é frequentado por 990 alunos, 39 na Educação Pré-escolar; 456 no 1º ciclo 463 nos 2º e 3º ciclos e 32 em Cursos de Formação. O nível sócio-económico é baixo. Relativamente às habilitações académicas dos pais e encarregados de educação 2% têm formação Universitárias e 7,4% o ensino secundário. No relatório de avaliação deste agrupamento foi feita referência à BE nos Dominíos: Prestação do serviço Educativo; Liderança; Organização e Gestão Escolar. Agrupamento de Escolas Avelar Brotero Este Agrupamento situa-se na cidade de Odivelas e integra a Escola Básica 2º e 3º ciclos avelar Brotero (sede) , 2 escolas do 1º ciclo, 1 escola do 1º ciclo com Jardim-de-infância e 2 (JI). A população escolar é constituída por 2º55 alunos: 177 na Educação Pré-escolar, 1006 no 1º ciclo, 350 no 2º ciclo; 201 no 3º ciclo; 54 nos Cursos de Educação e Formação (CEF); 156 nos Cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) e 111 em Cursos de Educação Extra-Escolar. No relatório de Avaliação externa feito ao agrupamento não se enconta referência à BE. 2
  3. 3. Referências às Bibliotecas nas escolas analisadas Escolas Prestação de Organização Capacidade de Referências à Biblioteca Analisadas Resultados Serviço e Gestão Liderança auto-regulação e Escolar Educativo Escolar Melhoria Escola “…A escola …e melhorar os Secundária com Bom Muito Bom Bom Muito Bom Bom resultados tem vindo a adoptar 3º Ciclo estratégias…O Programa Vigílio Ferreira Nacional de BE ..” “…A escola valoriza e estimula … as aprendizagens.escolares… O Programa Rede Nacional de BE, …” “….Os docentes têm frequentado acções de formação….como p or exemplo, “Bibliotecas Escolares”. “”… nas acções levadas a cabo na BE/Centro de Recursos em que se destacam a publicação da Revista “OPSIS”…” “… a participação do Agrupamento de Agrupamento…..No Plano Escolas da Suficiente Suficiente Suficiente Insuficiente Insuficiente Nacional de Leitura…” Pontinha “Os recursos disponíveis (…) são escassos e nem sempre com a qualidade necessária para uma 3
  4. 4. Escolas Prestação de Organização Capacidade de Referências à Biblioteca Analisadas Resultados Serviço e Gestão Liderança auto-regulação e Escolar Educativo Escolar Melhoria aprendizagem adequada, não permitindo, assim, as condições ideais para o desenvolvimento do espírito científico e artístico. A escassez de materiais estende-se à BE/CRE, embora aqui ainda se desenvolvam algumas actividades de carácter recreativo/educativo.” “O agrupamento promove a Agrupamento de valorização do conhecimento, Escolas Luis nomeadamente…. Através de António Verney Suficiente Suficiente Suficiente Suficiente Suficiente projectos de melhoria …. Como de actividades da Biblioteca Escolar/Centro de recursos.” “… está envolvido , entre outros nos projectos rede Nacional de Bibliotecas Escolares, Plano Nacional de Leitura…” Agrupamento de Escolas Avelar Suficiente Suficiente Suficiente Suficiente Suficiente Sem referência Brotero 4
  5. 5. Há excepção do Agrupamento de Escolas Avelar brotero onde não encontrei menção à acção da BE nas restantes escolas seleccionadas e analisadas existe realmente referência à BE e em alguns casos em mais de um Domínio mas é miníma a referência, quase se pode dizer que é inexistente a referência ao trabalho desenvolvido pela BE para desenvolvimento das aprendizagens e sucesso educativo dos alunos. Penso que existe um desfasamento entre aquilo que se pretende que a BE seja, o lugar que deve ocupar e a importância que lhe é reconhecida. As equipas responsáveis pela avaliação das escolas não reconhecem a importância da BE como instrumento de acção pedagógica nem o professor bibliotecário como agente do sucesso educativo. É comum nem recolherem evidências da acção da BE. Cabe pois ao professor bibliotecário fazer “ver” a importância, o valor da BE na nossa Escola/ Agrupamento. Fernanda Esberard 5

×