Successfully reported this slideshow.

Stop motion na sala de aula

5,821 views

Published on

disponivel em www.geped.fe.usp.br

Published in: Education, Technology, Business
  • Be the first to comment

Stop motion na sala de aula

  1. 1. Oficina de Stop Motion Fernanda Camargo Giannini
  2. 2. Stop Motion • Stop motion é uma técnica de animação que pode fazer com que objetos pareçam mover-se sozinhos. Este efeito é conseguido através de uma sequência de fotografias tiradas entre todos os pequenos movimentos do objeto animado em questão, o resultado é a ilusão de movimento.
  3. 3. • Existem diversas formas de trabalhar com esta técnica de animação - Claymation Brick Film Recortes Blackboard Objetos pixelação
  4. 4. Como funciona? - Mito da Persistência da Visão -Teoria da Gestalt : desenvolvida no início do século XX, a teoria da Gestalt é baseada em 2 conceitos: -Super soma : O todo é maior do que a soma de duas partes , “A mais B não é simplesmente (A ± B), mais um terceiro elemento C”. -Transponibilidade: a representação de uma imagem em sequência permite a sensação de continuidade (Fenômeno Phi).
  5. 5. Conceitos Básicos para um Stop Motion. -FPS: A Sequencia de imagens nas animações é medida por fps ( frames por segundo ) que medem quantas fotografias são necessárias para cada segundo a fim de dar a ilusão de movimento. Alguns parâmetros: - Stop Motion ideal: 24 fps -Televisão : 30 fps -Video Game: 60 fps Para fazer um Stop Motion é necessário um mínimo de 5 fps.
  6. 6. • Sprites : mapeamento da sequência de movimentos que constituem as animações, de modo em que cada frame constitui uma parte do movimento. Um bom exemplo e treinamento de sprites é o flipbook.
  7. 7. Flipbook
  8. 8. Uso do Stop Motion nas escolas O stop motion é uma forma simples e barata de diversificar estratégias de avaliação e de construção de conhecimento na escola. Além disso, ao utilizar instrumentos que estão presentes no cotidiano de comunicação e socialização dos alunos, a técnica permite aproximar o texto e a imagem de modo a explorar as potencialidades de ambos, permitindo um trabalho crítico e reflexivo com esses dois tipos de signos.
  9. 9. Equipamento Necessário • O equipamento necessário para qualquer StopMotion consiste em - uma câmera fotográfica (também podem ser usados celular ou uma webcam). - um tripé ou um apoio que deixe a câmera imóvel - um computador - softwares para unir as fotografias e gerar a ilusão de movimento. Existem diversos tipos de softwares que podem gerar as animações, como o Windows Movie Maker, iMovie ou mesmo softwares open source, gratuitos, como Monkey Jam, FrameByFrame e StopAnimator.
  10. 10. Stop Motion – Criação: Primeira Etapa • Argumento: O argumento compõe o início, meio e fim da narrativa de um modo extremamente sucinto, mas que irá dar o foco pelo qual o roteiro irá se nortear. • Roteiro: O roteiro irá demonstrar como o argumento se desenvolverá na narrativa – possui as ações, os diálogos, emoções e conflitos dos personagens. A estrutura do roteiro é composta de três partes: - apresentação - trama - desfecho
  11. 11. Segunda Etapa: Storyboard • Um storyboard tem como finalidade marcar as principais passagens de uma história que será contada em um filme da forma mais próxima com a qual ela deverá aparecer na tela. • Com um roteiro e argumento bem elaborados, o storyboard é a história em quadrinhos da gravação, uma explicação visual do roteiro escrito. • É nele que serão ilustradas as passagens, movimentos, aproximações da câmera, e transições que irão fazer com que o expectador compreenda como a narrativa está se desenvolvendo.
  12. 12. • Dependendo do roteiro e storyboard elaborados, serão selecionados os objetos para serem utilizados no Stop Motion. Os “objetos” podem ser pessoas, massinhas (as animações profissionais usam plasticina), legos, desenhos, areia ou objetos como caneta, moedas e etc.
  13. 13. Erros frequentes no Stop Motion: cuidados necessários
  14. 14. - Certifique-se que a câmera está bem presa no suporte, uma mudança de ângulo atrapalha a transposição, o que gera a falha na ilusão de continuidade entre os desenhos. - Preste atenção na iluminação do ambiente, muitas vezes sombras indesejadas (até do próprio diretor!) atrapalham as filmagens. - Faça uma marcação no lugar em que está sendo focada a câmera – lousa, papel etc – para deixar claro os limites em a câmera consegue gravar. Muitas vezes uma mera mudança de foco, pode interferir na qualidade do Stop Motion. - Não Faça transições muito bruscas de um quadro a outro, pense bem no Storyboard em como realizar as transições. de tempo da mú tempo do Stop Mo - Caso queira colocar uma música fundo, preste atenção se o música acompanha o Stop Motion.

×