Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

O TRABALHO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE EM 2016

71 views

Published on

Em 2016, de acordo com as informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego na Região Metropolitana de Porto Alegre (PED-RMPA), o mercado de trabalho regional apresentou comportamento adverso pelo segundo ano consecutivo, frente uma conjuntura de forte recessão da atividade econômica. O nível ocupacional registrou a mais intensa retração de toda a série histórica da Pesquisa, cuja primeira média anual é de 1993. A taxa de desemprego total teve crescimento acentuado, e o rendimento médio real dos ocupados apresentou intensa redução, comportamentos semelhantes ao verificado em 2015. Diante desse cenário, observou-se aumento no número de trabalhadoras domésticas na RMPA, pelo segundo ano consecutivo, confirmando a reversão da tendência de declínio observada desde o ano de 2008.

Published in: Recruiting & HR
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

O TRABALHO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE EM 2016

  1. 1. O TRABALHO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE EM 2016
  2. 2. Emprego doméstico na RMPA • Participação do Trabalho Doméstico no total dos ocupados • 2014 - 4,9% • 2015 - 5,2% • 2016 - 5,5% • As mulheres representavam em 2016 - 97,3% neste setor • 2014 - 86 mil • 2015 - 88 mil • 2016 - 90 mil • Considerando a ocupação feminina total, o emprego doméstico aumentou sua participação nos últimos anos • 2014 - 10,4% • 2015 - 10,8% • 2016 – 11,6%
  3. 3. Distribuição das trabalhadoras domésticas na ocupação feminina Região Metropolitana de Porto Alegre – 1993 - 2016 8,0 10,0 12,0 14,0 16,0 18,0 20,0 14,7 16,4 17,8 15,8 15,1 14,7 13,0 11,8 10,7 10,4 10,8 11,6 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
  4. 4. 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 0,0 10,0 20,0 30,0 40,0 50,0 60,0 40,9 46,8 50,0 32,5 19,8 15,7 26,5 33,4 34,3 Mensalista com carteira Mensalista sem carteira Diaristas Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação – Região Metropolitana de Porto Alegre - 1993-2016 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
  5. 5. Mensalista com carteira Mensalista sem carteira Diarista 0,0 10,0 20,0 30,0 40,0 50,0 60,0 47,9 20,1 32,0 50,0 15,7 34,3 (%) 2015 2016 Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação Região Metropolitana de Porto Alegre — 2015 e 2016 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS,SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
  6. 6. FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS,SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT Índices do nível de ocupação das mulheres domésticas, por posição na ocupação, na Região Metropolitana de Porto Alegre – 2000-2016 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 50,0 60,0 70,0 80,0 90,0 100,0 110,0 120,0 130,0 Mensalistas com carteira Mensalistas sem carteira Diaristas
  7. 7. Distribuição das trabalhadoras domésticas, por posição na ocupação, segundo características sociodemográficas, na Região Metropolitana de Porto Alegre — 2015-2016 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS,SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT Não negras 40 anos e mais Fundamental incompleto Cônjuge 0 20 40 60 80 100 79,2 77,2 47,4 47,6 79,1 75,3 45,3 46 2015 2016
  8. 8. Distribuição das trabalhadoras domésticas por faixa etária, Região Metropolitana de Porto Alegre - 1993-2016 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 10,0 20,0 30,0 40,0 50,0 60,0 70,0 80,0 62,8 20,1 21,2 28,9 77,2 75,3 De 16 a 39 anos Acima de 40 anos
  9. 9. Trabalho e Local de Moradia
  10. 10. Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação, segundo o município de moradia na Região Metropolitana de Porto Alegre — 2015 e 2016 (%) PERÍODO E MUNICÍPIO TOTAL MENSALISTAS DIARISTAS DE MORADIA Com Carteira Assinada Sem Carteira Assinada 2015 Total .............................................. 100,0 100,0 100,0 100,0 Município de Porto Alegre ......... 37,8 40,3 40,9 32,1 Demais municípios da RMPA .... 62,2 59,7 59,1 67,9 2016 Total .............................................. 100,0 100,0 100,0 100,0 Município de Porto Alegre ......... 39,3 39,4 45,1 36,4 Demais municípios da RMPA .... 60,7 60,6 54,9 63,6 FONTE: PED-RMPA - Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. (1) A amostra não comporta desagregação para esta categoria.
  11. 11. Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação, segundo a região de moradia e de trabalho Região Metropolitana de Porto Alegre — 2015 e 2016 (%) PERÍODO E REGIÃO DE TOTAL MENSALISTAS DIARISTAS MORADIA E DE TRABALHO Com Carteira Assinada Sem Carteira Assinada 2015 RMPA 100,0 100,0 100,0 100,0 Reside e trabalha no mesmo município ............................. 71,5 69,0 84,6 67,0 No Município de Porto Alegre ..................................... 37,3 40,0 40,2 31,4 Fora do Município de Porto Alegre .............................. 34,2 29,0 44,4 35,6 Reside e trabalha em municípios distintos ......................... 28,5 31,0 (1)- 33,0 Reside no Município de Porto Alegre .......................... (1)- (1)- (1)- (1)- Reside fora do Município de Porto Alegre ................... 28,0 30,7 (1)- 32,3 2016 RMPA 100,0 100,0 100,0 100,0 Reside e trabalha no mesmo município ............................. 70,1 67,7 81,9 68,3 No Município de Porto Alegre ..................................... 38,9 39,3 44,2 35,8 Fora do Município de Porto Alegre .............................. 31,3 28,4 (1)- 32,5 Reside e trabalha em municípios distintos ......................... 29,9 32,3 (1)- 31,7 Reside no Município de Porto Alegre .......................... (1)- (1)- (1)- (1)- Reside fora do Município de Porto Alegre ................... 29,5 32,2 (1)- 31,1 FONTE: PED-RMPA - Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. (1) A amostra não comporta desagregação para essa categoria.
  12. 12. Jornada de Trabalho e Rendimentos
  13. 13. Jornada média semanal trabalhada no trabalho principal pelas mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação Região Metropolitana de Porto Alegre – 2000-2016 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 15 20 25 30 35 40 45 Total Mensalista com carteira Mensalista sem carteira Diaristas
  14. 14. Jornada média semanal trabalhada e rendimento médio real por hora das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação, na RMPA — 2015 e 2016 INDICADORES TOTAL MENSALISTAS DIARISTASCom Carteira Assinada Sem Carteira Assinada 2015         Jornada média semanal (1) ................ 35 40 38 26 Rendimento médio real ................. 8,02 7,55 (1)- 10,24 2016         Jornada média semanal (1) ................ 36 41 40 27 Rendimento médio real ................. 7,31 6,84 (1)- 8,96 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. (1) A amostra não comporta desagregação para essa categoria.
  15. 15. Rendimento médio real por hora de trabalho principal das trabalhadoras domésticas, por posição na ocupação - Região Metropolitana de Porto Alegre – 2000-2016 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 3,00 4,00 5,00 6,00 7,00 8,00 9,00 10,00 11,00 Total Mensalista com carteira Mensalista sem carteira Diaristas FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
  16. 16. Proteção Social
  17. 17. Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação, segundo a contribuição para a Previdência Social, na Região Metropolitana de Porto Alegre — 2015 e 2016 (%) PERÍODO E CONTRIBUIÇÃO PARA TOTAL MENSALISTAS DIARISTAS A PREVIDÊNCIA OFICIAL Com Carteira Assinada Sem Carteira Assinada 2015 Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 59,4 99,6 (1)- 25,3 Não contribui .......................................... 40,6 (1)- 81,8 74,7 2016 Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 59,7 99,4 (1)- 20,7 Não contribui .......................................... 40,3 (1)- 81,9 79,3 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. (1) A amostra não comporta a desagregação para essa categoria
  18. 18. Distribuição das mulheres empregadas domésticas, por posição na ocupação, segundo a contribuição para a Previdência Social, nas Regiões Metropolitanas selecionadas - 2016 (%) PERÍODO E CONTRIBUIÇÃO PARA TOTAL MENSALISTAS DIARISTAS A PREVIDÊNCIA OFICIAL Com Carteira Assinada Sem Carteira Assinada Fortaleza Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 30,1 100,0 (1)- (1)- Não contribui .......................................... 69,9 (1)- 97,9 91,0 Porto Alegre Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 59,7 99,4 (1)- 20,7 Não contribui .......................................... 40,3 (1)- 81,9 79,3 São Paulo Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 51,6 100,0 (1)- 23,1 Não contribui .......................................... 48,2 (1)- 86,2 76,7 Salvador Total .......................................................... 100,0 100,0 100,0 100,0 Contribui ................................................. 54,4 98,9 (1)- (1)- Não contribui .......................................... 45,6 (1)- 88,6 81,9 FONTE: SPED – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. (1) A amostra não comporta a desagregação para essa categoria
  19. 19. Distrito Federal Fortaleza Porto Alegre Salvador São Paulo 12,1 13,7 10,8 16,2 13,1 12,2 13,9 11,6 16,8 14,1 2015 2016 FONTE: SPED– Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT Distribuição de trabalhadoras domésticas no total de mulheres ocupadas Regiões Metropolitanas e Distrito Federal – 2015-2016

×